Menu

29.11.09

Ame o Que é Seu
Emily Giffin



“Como amar de verdade a pessoa que está comigo, se não consigo esquecer alguém que ficou no passado?”.

O casamento de Ellen e Andy não parece perfeito, ele é perfeito. São inegáveis a profundidade da devoção mútua e o quanto um desperta o melhor do outro. Mas por obra do destino, certa tarde, Ellen revê Leo pela primeira vez em oito anos. Leo, aquele que partiu seu coração sem se explicar, aquele que ela não conseguiu esquecer. Quando o reaparecimento dele desperta sentimentos há muito adormecidos, Ellen se põe a questionar se sua vida atual é de fato como ela queria que fosse.

O livro conta a história de uma mulher dividida entre o amor real e aquela fatídica possibilidade "e se fosse diferente?".

O livro é maravilhoso!!!

Sabe aquelas ocasiões na nossa vida que acontecem pra nos transformar, para tirar nossas dúvidas sobre as escolhas que fizemos. É isso que acontece com a Ellen.

Algumas cenas são emocionantes,e com diálogos que toda mulher já teve ao longo da vida. Leo é o exemplo do Cafajeste, que só da valor porque já perdeu.
O Andy é fofo, pena que dá algumas mancadas que favorece as dúvidas da Ellen.

Um trechinho pra vocês:

"o amor é uma soma de nossas escolhas, o vigor do nosso com­promisso, o laço que nos une. Feliz comigo mesma que amo tudo o que é meu."

P.S:
Me indentifiquei muito com o livro, ja vivi e ainda vivo uma situação no minimo parecida. Amo o que eu tenho , mas nunca deixo de pensar, imaginar ou perguntar se poderia ser diferente.

4 comentários:

  1. Adoreeeeeeeeeei! VOu comprar!

    Acho que todo mundo se pergunta como teria sido...

    bjs querida

    ResponderExcluir
  2. esse livro está na minha pilha. vim vistar o blog e adorei..!!

    ResponderExcluir
  3. é inegavel o talendo de emily, com seu jeito de escrever ela leva o leitor a reflexões sobre a importancia de estarmos bem conosco antes de tentarmos fazer e ser o melhor para o outro

    ResponderExcluir

É um imenso prazer receber seu comentário. Seja sempre bem-vindo aqui.