Menu

27.8.10

Estranhos no Paraíso - Eileen Goudge

 

capa Estranhos no Paraíso

Eileen Goudge

Trilogia Amores Possíveis

 

Com Estranhos no Paraíso, o primeiro volume da cativante "Trilogia Amores Possíveis", Eileen Goudge oferece a seus fãs um romance grandioso. O olhar aguçado da autora para os detalhes e sua compreensão acerca da intensidade e complexidade dos relacionamentos humanos dão vida a um lugar aonde os leitores sentirão vontade de retornar sempre.
Famoso por servir de locação para filmes clássicos e por seu convento de freiras apicultoras, Carson Springs é um lugar idílico onde as tradições imperam e as histórias familiares têm raízes profundas e entrelaçadas. No primeiro volume, a atração de uma viúva de quarenta e oito anos por um homem muito mais jovem põe em risco tudo que ela mais preza na vida - o amor das filhas.

Antes de falar do livro, quero agradecer a Karla por me emprestar. Ela nem chegou a ler e logo me entregou. (Muito Obrigada).

Antes desse livro eu nunca havia lido nada da Eileen Goudge. Ainda não sei se gostei ou não do estilo da autora e vou esperar ler outro livro, antes de dar uma opinião decisiva. Quanto a este livro, sua sinopse me deixou interessada. Uma mulher de quarenta e oito anos se apaixonar por um homem vinte anos mais novo não é algo comum nos livros que leio e pode chegar a ser um tanto controverso. Então decidi ler o livro e tirar minhas conclusões sobre como seria a relação entre duas pessoas de idades diferentes.

Sam é uma mulher que por muito tempo foi a única responsável por sua família e ao ficar viúva não imaginou que iria encontrar um novo amor. Ian é um jovem de 28 anos que desde que conheceu Samantha soube que ela era a mulher ideal para ele. Afinal, ele quer uma mulher como Sam que sabe o que quer da vida. A atração entre esses dois é impossível de conter e logo estão total e completamente envolvidos.

Laura e Alice são as filhas de Sam e quando descobrem o relacionamento da mãe com Ian, ficam literalmente chocadas e incomodadas, cada uma por seus próprios motivos. Como pode que a mãe delas se apaixone de novo? ela deveria respeitar a memoria do pai delas. Os preconceitos começam a surgir como também os problemas. Sam vai precisar decidir o que é mais importante: a opinião das filhas ou seu próprio coração.

O livro é um emaranhado de sentimentos. Acompanhamos o casamento de Alice e as descobertas que só a convivência trás. Laura que passou por um divorcio e que sempre desejou ter filhos. Filch que aparece na história e carrega um segredo. São tantas vidas dentro de um único livro que sinto dizer que em alguns momentos a autora pecou e resolveu conflitos de forma tão rápida que fiquei me perguntando: Como assim? Já? Não acredito.

No geral é um livro agradável e vou tentar ler as seqüencias. Quem sabe assim eu consigo algumas das respostas que ficaram no último livro.

Nota: 8,0


6 comentários:

  1. Essa série ta na minha lista de desejos, eu quero!
    Beijos Ju, saudadinha!

    ResponderExcluir
  2. Quer muito ler. Também está na minha lista Leninha rsrs
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. tenho q parar de ver essas coisas de séries e trilogias. isso vicia. cm diz minha colega Suzana Pandora. isso não é de Deus. kkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  4. Morro de curiosidade pela autora, mas não sei quando poderei ler.
    Ótima resenha..sincera
    BJs

    ResponderExcluir
  5. Adorei a resenha Ju...
    Você já tinha me falado pessoalmente do livro,me deixou curiosa.....

    vou pedir a Karlinha...rsrsrs

    ResponderExcluir
  6. É realmente um livro diferente dos que vemos por aí.
    Deu vontade de ler.
    Vou anotar aqui, mas só Deus sabe quando terei tempo. rs

    Beijos.

    ResponderExcluir

É um imenso prazer receber seu comentário. Seja sempre bem-vindo aqui.