Menu

30.4.10

Pobre não tem sorte
Leila Rego


Toda garota do interior sonha em se casar com o cara de seus sonhos, ter uma casinha, filhos e ser feliz até que a morte os separe, certo?
E se esse cara for lindo, rico, super fashion e divertido?
E se tal "casinha dos sonhos" for um mega apartamento no melhor bairro da cidade? Uau! Mariana encontrou o cara perfeito e vai se casar com ele!
E nada de casinha! Isso é coisa de gente que pensa pequeno. Mariana vai ter o apartamento dos sonhos que já vem incluso no pacote: case com um homem rico e vá morar em grande estilo.
E quanto a filhos e ser feliz até que a morte os separe... Bem, ela ainda não pensou nesses detalhes. Afinal as prioridades vão para as coisas bem mais interessantes como, por exemplo, o vestido de noiva perfeito, o que o colunista vai dizer sobre o seu casamento no tablóide de domingo, o que as amigas e inimigas irão comentar, quem entrará na lista de convidados para sua despedida de solteira, etc.

Li tantas resenhas e opiniões desse livro que fiquei louca para ler e felizmente ele foi meu livro escolhido para o desafio literário desse mês.

Comecei a ler o livro achando que já sabia tudo sobre ele, afinal, após ler tantas resenhas e até mesmo discutir sobre a história nada mais poderia me surpreender, eu não poderia estar mais enganada. Mariana é uma jovem que está noiva do Edu (fiquei apaixonada por ele) ele é rico, bonito e de boa família e ainda por cima ama Mariana. Já ela tem vergonha da própria família, não aceita sua condição financeira e é capaz de fazer qualquer coisa para "subir na vida". Tenho certeza que você deve tá pensando: Nossa que garota sem noção, não merece o Edu! Vocês não poderiam estar mais certo, tanto que já no inicio do livro temos uma reviravolta em um livro que tinha tudo para ser clichê, mas no final das contas ele é tudo menos isso.

Mariana vai descobrir que a vida é muito mais que posição social e que as vezes damos tanta importância as coisas erradas que acabamos perdendo o que realmente é mais importante. Apesar das burradas que Mariana faz, gostei da personagem, ela é humana e em alguns momentos me identifiquei com pequenas situações que ela descreve, claro que não posso ser mais diferente na "piruagem". Agora estou ansiosa pela continuação, afinal agora é que as coisas ficaram interessantes...

Um livro divertido que nos faz rever alguns conceitos ou devo dizer preconceitos.

Abril/2010.

26.4.10

Explosão de Estrelas
Robin Pilcher

Cada personagem deste livro tem algo a oferecer e algo a solicitar - um emprego, um quarto para alugar, um ombro em que chorar. Quando suas vidas começam a se cruzar no curso das três semanas do festival, decorrem novos amores, traições, perseguições e atentados. Todos querem descobrir o que o futuro lhes reserva. Durante um verão inesquecível, suas vidas serão transformadas para sempre. O cenário da trama - o Festival Internacional de Edimburgo - evento cultural que atrai anualmente, desde 1947, diversos artistas para a capital escocesa. As minúcias sobre o festival, os segredos profissionais por trás de cada performance artística e as particularidades da mente humana são os elementos que compõem 'Explosões de estrelas'

Quero começar falando que a sinopse desse livro não poderia ter sido mais bem escrita, é um resumo perfeito do que acontece nesse livro. Comprei este livro por causa da capa, ela me conquistou assim que pus os olhos nela e foi inevitável levar esse livro para casa. Nunca havia lido nada desse autor e para ser mais especifica acredito que é o primeiro livro de romance que leio que foi escrito por um homem.


Robin Pilcher é filho da autora Rosamund Pilcher e mais uma vez tenho que confessar que ao comprar o livro não me liguei na relação desses dois autores e somente ao chegar em casa foi que descobri, como nunca li nada da Rosamund não tenho como fazer um comparativo das diferenças ou semelhanças entre os dois.

Este não foi um livro fácil de ser lido, talvez porque eu nunca tenha lido nada do autor ou mesmo não estar acostumada com a imensa e intensa relação entre os personagens. São tantos personagens que demorei cerca de 100 paginas até conseguir identificar e ligar cada um a sua história, mas Robin consegue nos ligar e prender a essa universo tão rico e maravilhoso do Festival cultural de Edimburgo que se torna simplesmente impossível deixar o livro de lado e quando nos damos conta já somos íntimos de todos os dramas vividos na história. Todos os personagens do livro são importantes e juro a vocês que não consegui localizar um foco ou casal principal, no decorrer do livro cada personagem se torna principal e coadjuvante ao mesmo tempo.

Fui bombardeada de sentimos durante toda a leitura e quando achava que as coisas iriam por um caminho a história seguia por um curso totalmente diferente e sempre me surpreendia. Seus personagens são tão humanos e sólidos que me senti lendo sobre pessoas e histórias que eu conhecia e me emocionei em diversos momentos do livro.

Sinto-me imensamente feliz e satisfeita de ter seguido um impulso e comprado esse livro, foi um dos mais envolventes e enriquecedores que li nos últimos tempos. Quero deixar uma ressalva com respeito ao livro, o autor deixou um pouco a desejar nas ultimas paginas, acredito que o final de alguns personagens poderia ter sido mais trabalhado e descrito ou talvez a intenção dele fosse deixar que nos mesmo imaginássemos o nosso final ideal.


De toda forma esse é um livro que recomendo e que irei lembrar para sempre.



25.4.10

Confesso que Vivi
Pablo Neruda

Célebre autobiografia de Neruda, a única obra em prosa do poeta chileno que ganhou o Prêmio Nobel de Literatura em 1971 (o terceiro latino-americano e o sexto escritor de língua espanhola a receber a honraria). Militante comunista e ícone da esquerda latino-americana, Neruda narra, num estilo impregnado de poesia, sua vida desde a infância até os últimos dias, quando mesmo impossibilitado pela doença insiste em escrever - seus poemas à Matilde, o último amor, durante a convalescência, são considerados clássicos da língua espanhola. Diplomata ainda jovem, Neruda revela nesta obra que iniciou suas atividades políticas na Espanha, na década de 30, durante a guerra civil, quando representava o Chile na embaixada em Madri. As impressões do poeta sobre a China e a União Soviética, países que visitou mais por simpatia que por exigências diplomáticas, assim como suas relações com escritores como García Lorca e Miguel

Hernández, são memoráveis. O poeta chegou a ser indicado à Presidência da República de seu país, honra que cedeu ao grande amigo Salvador Allende. "Confesso que vivi" termina com Neruda lamentando a morte de Allende, assassinado em 11 de setembro pelas tropas de Pinochet. O poeta morre pouco depois, em 23 de setembro.

Bom o tema do mês de abril do desafio foi Escritor Latino-Americano. Faz tempo que eu tenho esse livro, mas nunca tinha tempo pra ler. Não sou muito fã de biografias, mas devo confessar que não tinha como não ler a do Pablo.
Sou fã dos poemas dele é um dos poucos autores de poesia que eu gosto, a forma que ele fala sobre a infância, a morte da mãe. O envolvimento com a militância comunista. Neruda narra tudo com poesia. Amei!

“Talvez não tenha vivido em mim mesmo, talvez tenha vivido a vida dos outros.
Do que deixei escrito nestas páginas se desprenderão sempre – como nos arvoredos de outono e como no tempo das vinhas – as folhas amarelas que vão morrer e as uvas que reviverão no vinho sagrado.
Minha vida é uma vida feita de todas as vidas: as vidas do poeta.”
Pablo Neruda


Abril/2010


22.4.10

Girly Paradise Gifs


Hoje é o aniversário de uma das meninas, e não poderíamos deixar passar em branco.



Parabéns, Rafinha!

Muito obrigada por fazer parte das nossas vidas,
por colorir todos os encontros da Adoro Romances em Fortaleza, com sua alegria.

Todo mundo sempre deseja muita saúde, paz, amor, muitos anos de vida... é claro, que queremos tudo isso em dobro pra você, mas hoje lembrei um poema do Victor Hugo que traduz a mensagem que quero passar pra você:


"Desejo primeiro que você ame,
E que amando, também seja amado.
E que se não for, seja breve em esquecer.
E que esquecendo, não guarde mágoa.
Desejo, pois, que não seja assim,
Mas se for, saiba ser sem desesperar.


Desejo também que tenha amigos,
Que mesmo maus e inconseqüentes,
Sejam corajosos e fiéis,
E que pelo menos num deles
Você possa confiar sem duvidar.
E porque a vida é assim,

Desejo ainda que você tenha inimigos.
Nem muitos, nem poucos,
Mas na medida exata para que, algumas vezes,
Você se interpele a respeito
De suas próprias certezas.
E que entre eles, haja pelo menos um que seja justo,
Para que você não se sinta demasiado seguro.


Desejo depois que você seja útil,
Mas não insubstituível.
E que nos maus momentos,
Quando não restar mais nada,
Essa utilidade seja suficiente para manter você de pé.


Desejo ainda que você seja tolerante,
Não com os que erram pouco, porque isso é fácil,
Mas com os que erram muito e irremediavelmente,
E que fazendo bom uso dessa tolerância,
Você sirva de exemplo aos outros.

Desejo que você, sendo jovem,
Não amadureça depressa demais,
E que sendo maduro, não insista em rejuvenescer
E que sendo velho, não se dedique ao desespero.
Porque cada idade tem o seu prazer e a sua dor e
É preciso deixar que eles escorram por entre nós.


Desejo por sinal que você seja triste,
Não o ano todo, mas apenas um dia.
Mas que nesse dia descubra
Que o riso diário é bom,
O riso habitual é insosso e o riso constante é insano.

Desejo que você descubra ,
Com o máximo de urgência,
Acima e a respeito de tudo, que existem oprimidos,
Injustiçados e infelizes, e que estão à sua volta.

Desejo ainda que você afague um gato,
Alimente um cuco e ouça o joão-de-barro
Erguer triunfante o seu canto matinal
Porque, assim, você se sentirá bem por nada.

Desejo também que você plante uma semente,
Por mais minúscula que seja,
E acompanhe o seu crescimento,
Para que você saiba de quantas
Muitas vidas é feita uma árvore.



Desejo, outrossim, que você tenha dinheiro,
Porque é preciso ser prático.
E que pelo menos uma vez por ano
Coloque um pouco dele
Na sua frente e diga "Isso é meu",
Só para que fique bem claro quem é o dono de quem.



Desejo também que nenhum de seus afetos morra,
Por ele e por você,
Mas que se morrer, você possa chorar
Sem se lamentar e sofrer sem se culpar.


Desejo por fim que você sendo homem,
Tenha uma boa mulher,
E que sendo mulher,
Tenha um bom homem
E que se amem hoje, amanhã e nos dias seguintes,
E quando estiverem exaustos e sorridentes,
Ainda haja amor para recomeçar.
E se tudo isso acontecer,
Não tenho mais nada a te desejar ".


20.4.10

No dia 17/04 aconteceu o 26º encontro da Comunidade Adoro Romances em Fortaleza e aproveitando a 9ª Bienal do livro de Fortaleza fizemos uma campanha liderada pela nossa querida amiga Jeanne para que a Paula Pimenta autora dos Livros "Fazendo meu filme" e "Fazendo meu filme 2" estivesse presente na Bienal, felizmente a Editora Autentica nos atendeu e pudemos conhecer a Paula (olha a intimidade) e ter nossos livrinhos autografados por ela.

Nossa comunidade já existe há mais de dois anos e durante esse tempo conhecemos e nos tornamos amigas, os livros nos uniram, mas o que nos mantém unidas além deles durante todo esse tempo é o carinho, respeito e amizade que nos tornou uma grande familia. Na Bienal tinha um stand da Universo do Livros responsável pela publicação dos nossos queridos adagas e felizmente o livro estava sendo vendido lá por 20,00 reais (adorei!), mas para aquelas que deixaram para comprar no dia 17/04 ganharam um desconto e o livro saiu por 15,00 (Também chegamos todas juntas com nossa blusa toda personalizada) e levamos todos os livros restantes... (podem conferir na foto).


Podem notar que em todas as fotos estamos felizes de estar juntas e que mesmo o calor, barulho e cansaço não são suficientes para nos afastar do realmente gostamos que é ficar rodeada de livros, como diz minha amiga Liliana, e ficarmos juntas.

Karla, Rafinha, Eu, Alexandrina e Marilia

Liliana, Jeanne e Eu.

A comunidade toda unida!

A Paula foi entrevistada por uma emissora de tv local.

Paula e seus livros!

Paula abrindo lembrancinhas de Fortaleza.

Quero agradecer a todas que puderam comparecer no sábado e sei que aquelas que não foram foi por motivo maior.

Agora ficamos na espera pelo lançamento do 3º livro da Paula que tem estreia prevista para outubro e quem sabe ela volta a Fortaleza para fazer o Lançamento.


19.4.10

Segundas Chances
Barbara Delinsk

Este livro é dividido em duas histórias, o título da primeira é Com amor e carinho e fala da História de karen Karen Drew uma mulher forte e batalhadora que por uma casualidade do destino se envolveu em uma acidente de trânsito com Rowena uma mulher idosa de uma sagacidade incrível. Rowena nunca culpou Karen pelo acidente e a mesma após ser julgada foi inocentada, mas o TDB do Brice Carlin que é neto de Rowena considera Karen culpada e se dependesse dele ela estaria na cadeia onde é seu lugar.

Sinopse do livro:

Eles seriam capazes de superar um trauma do passado?

Trabalhando em dois empregos, pagando a própria faculdade... Karen Drew sabia que não devia forçar demais a saúde ao visitar sua amiga Rowena,durante uma nevasca.Ardendo em febre e com o carro quebrado, o pior poderia ter acontecido se Brice Carlin,neto de Rowena, não houvesse encontrado Karen sem sentidos e a levado para a casa dele. Como médico, os seus instintos de cura logo assumiram o controle . Mas ficar sob os cuidados de um homem que tentara colocá-la na prisão era um território perigoso demais para Karen.

A primeira impressão que tive do Brice foi que ele era preconceituoso e cabeça dura, bem cabeça dura ele é mas não preconceituoso. Brice é medico pediatra e como a profissão dele já diz adora crianças, mas detesta adultos por motivos que são explicados ao longo da história, quando ele encontra Karen desmaiada na neve seus instintos são para cuidar dela independente de sua opnião pessoal a respeito dela. Karen não entende por que Brice é tão empenhado em cura-lá e ele mesmo não entende a estranha necessidade de mantê-la por perto. Um improvável casal que descobre que tem mais em comum do que poderiam imaginar.

A segunda história é intitulada Um amor de adolescente e tem foco no casal Brian e Marni, como o título deixa claro eles se envolvem quando ela tem 17 anos e ele 26, Brian se torna o melhor amigo do irmão de Marni e ela quando é apresentada a ele o torna seu ideal masculino e faz de tudo para que ele a note, como ele é mais velho e experiente Brian se esforça ao máximo para se afastar de Marni, mas é impossível e acabam se envolvendo. Uma tragédia envolvendo Brian e Ethan, irmão de Marni, faz com que tudo venha a tona e a família de Marni a proíbe de voltar a ver Brian e assim se passam 14 anos. Agora Marni é presidente da empresa da família e há muito tempo decidiu esquecer Brian e tudo que viveram, mas por uma brincadeira do destino ela volta a encontrar seu primeiro amor e tudo aquilo que ela lutou para esquecer volta a superfície. Será que dessa vez ela terá coragem de enfrentar tudo para viver um grande amor?

Sinopse do livro:

Eles não podiam mudar o passado...

Mas conseguiriam construir um futuro?
Marni tinha apenas 17 anos quando se apaixonou por Web.Mas um trágico acidente os afastou por 14 anos.Durante esse tempo,Web foi considerado responsável pela morte de Ethan, seu melhor amigo e irmão de Marni. O mundo de Marni também se estilhaçou com a atitude radical de seus pais,que culpavam Web pela morte do primogênito.Agora, Marni, presidente do império da família Lange, é escolhida para inaugurar a capa da mais nova revista que a empresa irá lançar. E Web é o fotógrafo contratado para fazer a foto de Marni...e captar a essência daquela mulher de 31 anos.Como adolescente, Marni não podia desobedecer aos seu pais.Mas como adulta,ela tinha todo o direito de defender seus interesses,estivessem eles ligados à sua família,ao seu legado e,acima de tudo,ao grande amor de sua vida.

Pessoalmente eu gostei mais da segunda história, pode parecer um tanto clichê e é mesmo, mas a forma que a autora conseguiu levar a história até o final foi um tanto singular e conseguiu me prender a história.

Recomendo o livro e minha nota para ele é 8,5.


16.4.10

Nora Roberts

O amor ainda era o maior legado dos Macgregor!

Fazer parte da família MacGregor era o mesmo que estar destinado a encontrar um grande amor. Sim, porque para os descendentes daquele poderoso clã escocês, não havia como escapar do olhar carinhoso e mais do que casamenteiro de Daniel MacGregor, o patriarca da família. Dessa vez, sua "vítima" seria a esfuziante Cybil Campbell, uma de suas netas preferidas. Com aqueles belíssimos olhos verdes e aquele jeito tão especial de ser, claro que a menina estava mais do que pronta para o amor. E sendo ele um homem prevenido, e evidentemente, sábio com seus noventa e tantos anos, claro que também já tinha o pretendente perfeito para ela. Com sorte, Preston McQuinn se sentiria enfeitiçado por aqueles olhos de pantera desde o primeiro instante. Mas antes teria de dar seu costumeiro e mais do que discreto "empurrãozinho” para aqueles dois se convencerem tanto quanto ele de que haviam nascido um para o outro.

Cybil Campbell é uma mulher jovem e alegre que adora se relacionar com pessoas e acaba se metendo em algumas encrencas por não saber dizer não, resumindo é uma mulher feliz que no neste momento de sua vida se sente satisfeita e apesar de no futuro ter intenção de casar e ter filhos não sente nenhuma pressa em atingir essa meta, mas como bem sabemos a vida as vezes não nos deixa escolha.

Preston McQuinn é um homem serio, sisudo e muito mal humorado, a ultima coisa que ele deseja é uma vizinha como Cybil que faz questão de se meter na vida dele e claro confundi-lo com um musico desempregado e necessitado de ajuda. O que ele não imagina é que essa pequena mulher irá virar sua vida e seu coração ao avesso. Preston é um escritor e por incrivel que pareça tem a mesma preferencia do pai de Cybil por isolamento e nossa mocinha romantica e decidida "decide" que tudo que Preston precisa é de um pouco de amor.

Os personagens desse livro são maravilhosos e acabamos nos tornando bons amigos. Não só o casal principal chama a atenção na história, claro que nosso querido e inestimavel Daniel aparece e torna tudo ainda melhor.

Recomendo a Leitura. É rápida, envolvente e divertida (Menos nos momentos que te fazem chorar)!

Adorei esse livro. Ele me fez rir, chorar, xingar e olhe que isso tudo apenas no inicio da história.

Ah! Ia esquecendo de comentar a segunda história do livro, é que é tão curtinha... Um mundo Novo se passa anos depois da história da Serena MacGregor do livro Rebelde o primeiro da serie "Os MacGregors" e é a história do Ian MacGregor e Allana Flyn. Ele é ferido e acaba sendo salvo por Allana que desde o inicio se sente atraída por Ian, mas existe um problema (Sempre existe) Ele é um guerreiro e está decidido a lutar pelo que acredita e tudo que Allana deseja é ser feliz ao lado do homem que escolher, ter filhos e cuidar de suas terras. Então como duas pessoas com ideais diferentes podem se amar?

Recomendo que leiam o livro e descubram por si mesmos, mas devo dizer que Allana tem uma ótima pontaria...

13.4.10

Promoção Beleza Cultural


Atenção!

Vários Blogs se uniram para presentear você, com muitos prêmios!

Confira agora os prêmios que você irá receber do blog As meninas que leem livros nesta Grande Promoção!


1º Lugar
A Nova Traição de Judas - James Rollins
A trilogia Força Sigma se encerra combinando história e ciência com aventura, em uma trama emocionante, na qual uma estranha epidemia irrompe numa pequena ilha do Sudeste Asiático, onde séculos antes Marco Polo perdeu quase toda a sua frota. Os fatos estariam relacionados? Para decifrar este enigma, entra em ação a organização mais secreta do Depto. de Defesa dos EUA.



                                   2º Lugar
                       O Dom - Nikita Lalwani


Rumi Vasi é uma garota-prodígio, com habilidades muito especiais em matemática, desde o jardim de infância. Nascidos na Índia, mas vivendo no País de Gales, os pais de Rumi impõem à filha um isolamento total do mundo de que tanto desconfiam. Fazem com que ela fique sob uma rotina rigorosa de estudos até entrar na Universidade de Oxford com apenas 14 anos. Impedida desde criança de ter uma vida normal, a menina solitária, sempre obcecada pelos números, vai descobrir que vida não é uma ciência exata.

3º Lugar
DVD - Orgulho e Preconceito

Uma das maiores histórias de amor de todos os tempos, Orgulho & Preconceito, chega em uma nova adaptação gloriosa, estrelando Keira Knightley.






Confira também a lista dos outros prêmios ofertados por todos os blogs AQUI.


Para você participar é muito Fácil!
Basta visitar, conhecer e Seguir todos os blogs patrocinadores da promoção!

Para Conhecer e seguir todos os Blogs Visite o Blog da Promoção e Participe Desta Grande Promoção de muitos prêmios para você!

Clique Aqui e Participe!


Promoção válida do dia 13/04 a 13/05.

Sedução Mortal
Nora Roberts


Neste mais recente caso, a tenente Eve Dallas está em busca de um Casanova cruel com um nefasto apetite para seduzir suas vítimas antes de assassiná-las. Dante já cortejava sua presa pela internet havia várias semanas quando foi encontrá-la pessoalmente pela primeira vez. Alguns goles de vinho e algumas horas depois, a sua pobre acompanhante estava morta. A arma do crime: a dose de uma droga rara e indetectável, do tipo “boa-noite, Cinderela”, com assustador valor de mercado.

A tenente Dallas passa e repassa em pensamento todas as pistas que descobriu: luz de velas, música romântica e pétalas de rosas espalhadas sobre os lençóis. Um clima de encantamento montado para agradar o sedutor, e não a vítima. Na verdade, ele não pretendia matá-la. Agora, porém, só lhe restavam duas escolhas: fugir e se esconder ou sair novamente em campo para uma nova caçada.

Este Livro é o 13º da Serie Mortal, para quem não conhece essa é uma serie policial escrita pela autora Nora Roberts com o pseudônimo de J.D ROBB. Os personagens principais série são o super, Mega, Hiper Roarke e a Tenente Eve Dallas e pode parecer que estou puxando a sardinha pro lado deles e estou mesmo, mas na minha humilde opinião esse casal é um dos melhores que já tive o prazer de conhecer.

Eve Dallas é uma mulher forte e decidida que antes de conhecer o TDB Roarke que por acaso foi suspeito no primeiro livro da serie, só vivia para o trabalho e se mantinha afastada de toda e qualquer relação pessoal, seja com amigos ou amantes.


Roarke é um homem que cresceu em meio à pobreza, mas que decidiu vencer na vida e realmente venceu, tanto que é dono de quase metade do mundo e alguns satélites fora do planeta também... Sei que para quem não conhece os livros pode parecer estranho, mas não se preocupem esses livros são ambientados em 2058 em um universo futurista e mesmo que algumas coisas nos sejam estranhas e pareçam impossíveis de existir a autora consegue tornar tudo real e plausível. Como se trata de uma serie policial o tema principal claro que vai ser os crimes cometidos e a busca da tenente Dallas em prender os culpados.
A cada livro é possível notar o amadurecimento da relação do casal dessas serie e dos personagens coadjuvantes que são tão apaixonantes e tão presentes nos livros que acabamos nos apegando a eles.

Quanto a esse livro em especifico foi possível notar o amadurecimento da relação da Eve e Roarke, senti que eles estão mais a vontade com o casamento e a Eve menos reticente com seu papel de esposa (Não vou falar muito para não vazar nenhum spoiler), quanto à parte policial do livro é sempre um prazer assistir a Tenente Dallas entrar na mente do assassino e fazer o que for necessário para prendê-lo. Senti falta de mais momentos românticos no livro, mas o que têm são de fazer suspirar, algumas passagens do livro me fizeram dar boas gargalhadas e acredito que irá acontecer o mesmo com vocês.

Aconselho que se você nunca leu nenhum livro dessa serie não deixa de ler e se possível começa pelo primeiro Nudez Mortal e tenho certeza que assim como eu você será fisgado por esse mundo cheio de contrastes e tão igual ao nosso.