Menu

20.5.11

Quarto – Emma Donoghue

image

Quarto – Emma Donoghue

Aos cinco anos, o mundo do que pequeno Jack se resume a um pequeno quarto de 4 m por 4 m sem janelas. No pequeno que divide com Ma, sua querida mãe, existem apenas Cama, Armário, Mesa, Berço, Fogão, televisão e Banheira.

É sempre mais difícil falar de um livro que amamos do que de um que  não gostamos. Pode parecer loucura, mas o meu desejo é de poder passar pelo menos uma parte de tudo que senti lendo este livro.

Acho que o melhor é começar dizendo que a narrativa é totalmente envolvente e apaixonante, todo o livro é na perspectiva de Jack, nosso pequeno personagem de cinco anos de idade, alguém tão especial que fui totalmente cativada por ele.

Jack cresceu dentro de um espaço de 4x4 acreditando que aquele era o mundo "real", que aquilo era tudo que existia. Quando ele completa cinco anos, sua mãe lhe faz revelações que balançam seu mundo, e a partir disto nada será como antes.

Não temos acesso aos pensamentos da mãe de Jack, durante o livro nem mesmo o nome dela sabemos, mas não senti que isso era necessário para o desenrolar da história, suas ações nos mostram tudo que precisamos saber em relação a seus sentimentos sobre o cativeiro onde vive a sete anos.

Não pensem que por Jack está confinado junto de sua mãe ele não seja um garoto esperto, na verdade ele é mais esperto por causa disso, "Mãe" lhe ensinou tudo que sabia, e algumas coisas, acredito que Jack já nasceu sabendo, talvez não consigam entender exatamente o que estou tentando dizer aqui, mas espero que quando vocês tiverem o prazer de ler o livro, entendam exatamente o que eu quis dizer.

Não temos muitos momentos onde o "Velho Nick" apareça, mas quando isso acontecia foram momentos tão assustadores para mim quanto para o Jack.

O livro é dividido em cinco partes: "Presentes - Desmentidos - Morrer - Depois - Viver" Cada uma dessas partes divide o livro, uma divisão que fala não só de ações, mas também de sentimentos.

“Mãe” chama Jack de seu pequeno herói e no fim das contas é exatamente isso, acaba salvando-a até de si mesma.

A resenha está enorme, eu sei, mas eu ainda queria falar tanto! Acho que o melhor é vocês lerem e sentirem por si mesmos as emoções que o livro desperta, apesar de ter derramado diversas lágrimas, também ri um bocado com Jack.

Já tem site do livro, se quiserem saber mais é só acessar:
http://www.record.com.br/quarto/

Aqui no blog está tendo promoção desse livro pelo Twitter, para participar acesse: http://kingo.to/Bqk

Só um último comentário: Foi um privilégio ler este livro!


11 comentários:

  1. Linda resenha amiga, dá pra sentir sua emoção ao ler o livro!
    Só pelos últimos comentários no twitter já sabia que sua resenha só viria para complementar.
    To doida por esse livro, por culpa sua!
    beijos!

    ResponderExcluir
  2. Oi, Ju.

    Já ouvi comentários positivos desse livro, que tem um mote que amo demais, por ser uma história cativante.

    Como não podia deixar de ser, estou doida por ele.

    Quem sabe eu não ganhe em alguma promoção ou compre mesmo.

    Adorei toda a emoção que você passou nessas simples palavras.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  3. Um livro para eu ler com um lençol do lado. Bjs, Rose;D

    ResponderExcluir
  4. Nossa, tô muito curiosa pra ler esse livro.

    Bjs!

    ResponderExcluir
  5. Preciso ler esse livro ! Ele é simplesmente perfeito !

    Beijiinhos =*
    http://amandatavora.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Ju, sua resenha ta linda, eu li o primeiro capítulo desse livro no site da editora e realmente a emoção vem a flor da pele! Quero muito ler o livro todo, e não vejo a hora disso acontecer! É um livro maravilhoso! Bjo!

    ResponderExcluir
  7. Não achei sua resenha tão grande assim!Você revelou bastante coisa do livro mas isso só fez aumentar minha curiosidade com a trama, não sei se cumprimento você por isso ou se te dou um "peteleco" na testa huahuahua Afinal se eu não ganhar uma promoção desse livro terei que comprar e meu bolso anda com a saúde frágil, frágil, run! rs
    kisses ^_^

    ResponderExcluir
  8. Oi juliana,

    Vc parou pra pensar que o Jack não existe? Que é apenas imaginação da mãe ? Me responda por email, se possivel.

    Beijo!
    Jotape

    email: joaopaulobastos@hotmail.com

    ResponderExcluir
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  10. Não consigo pensar em outro comentário melhor sobre este livro...

    Lugar Ao Sol

    Que bom viver, como é bom sonhar
    E o que ficou pra trás passou e eu não me importei
    Foi até melhor, tive que pensar em algo novo que fizesse sentido

    Ainda vejo o mundo com os olhos de criança
    Que só quer brincar e não tanta "responsa"
    Mas a vida cobra sério e realmente não dá pra fugir

    Livre pra poder sorrir, sim
    Livre pra poder buscar o meu lugar ao sol

    Livre pra poder sorrir, sim
    Livre pra poder buscar o meu lugar ao sol

    Um dia eu espero te reencontrar numa bem melhor
    Cada um tem seu caminho, eu sei foi até melhor
    Irmãos do mesmo Cristo, eu quero e não desisto

    Caro pai, como é bom ter por que se orgulhar
    A vida pode passar, não estou sozinho
    Eu sei se eu tiver fé eu volto até a sonhar

    Livre pra poder sorrir, sim
    Livre pra poder buscar o meu lugar ao sol

    Livre pra poder sorrir, sim
    Livre pra poder buscar o meu lugar ao sol

    O amor é assim, é a paz de Deus em sua casa
    O amor é assim, é a paz de Deus que nunca acaba

    O amor é assim, é a paz de Deus em sua casa
    O amor é assim, é a paz de Deus... que nunca acaba

    Nossas vidas, nossos sonhos têm o mesmo valor
    Nossas vidas, nossos sonhos têm o mesmo valor

    Eu vou com você pra onde você for
    Eu descobri que é azul a cor da parede da casa de Deus
    E não há mais ninguém como você e eu

    ResponderExcluir
  11. Ju, querida
    Ainda não tive coragem pra ler este livro. O tema me parece mais forte do que eu posso suportar.Tenho uma ligação gigante com a maternidade e a infância, então... imagine.
    Mas vc me indicou e preciso conferir, porque aprecio e considero suas dicas e posições sobre livros. Vamos lá conhecer esta história, imagino que haja um monstro por trás dela, mas enfrentemos!
    Beijo!


    Ler para divertir
    As Meninas que Leem Livros

    ResponderExcluir

É um imenso prazer receber seu comentário. Seja sempre bem-vindo aqui.