Menu

19.4.12

Da Próxima Vez - Marc Levy

DA_PROXIMA_VEZ_1232403248P Da próxima vez conta a aventura de Jonathan e Clara, dois peritos em obras de arte que se cruzam na incessante busca por um raro e enigmático quadro. Porém, na medida em que se aproximam um do outro, os dois descobrem que esses mistérios vão muito além do mundo da pintura... e muito além da vida. Em páginas repletas de emoção, Da próxima vez é uma obra sobre um amor que foi capaz de romper os limites do tempo e do corpo.

Esse foi o primeiro livro que li do autor, infelizmente não consegui me ligar a história. Durante a leitura pensei varias vezes em deixar o livro de lado. Quem me conhece sabe que não costumo perder tempo lendo aquilo que não me agrada, se o livro não prende minha atenção, deixo de lado sem remorso algum.

O livro é repleto de descrições de praças, obras de arte e lugares que os personagens visitam, as descrições são tantas que torna o livro cansativo em diversos momentos, em vez de descrever tanto, o autor deveria ter desenvolvido mais a história e o romance entre Jonathan e Clara que são os personagens principais dessa história.

Não consegui me prender a história e dei graças por conseguir chegar ao final do livro, talvez eu não estivesse no momento certo para esse tipo de leitura.

Vou tentar outros livros do autor, talvez eu goste mais.


9 comentários:

  1. Bem... A sinopse já não tinha me agradado muito. Achei confusa, qdo li sua resenha então aí que desanimou de vez. Passo esse livro.

    ResponderExcluir
  2. Vixi desanimei!!!!O nome parecia tão sugestivo a uma bela história mais sei la agora, fiquei confusa e realmente não gosto de livro cheio de descrição

    ResponderExcluir
  3. Desanimei também. Eu ainda não li nenhum livro do autor, mas a Lizzy, uma das colunistas do blog, leu "Tudo aquilo que nunca foi dito" e gostou muito. Quem sabe se você ler esse...


    bjokas

    ResponderExcluir
  4. Oi Ju!

    Desse autor, eu só tenho um livro em casa e ainda não o li o.O

    Atrasada é pouco kkkkkk

    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Puxa que puxa...
    Quando comecei a ler a resenha me lembrou de O código da Vinci... a temática e tal... mas pelo jeito não é nada envolvente como o livro do Dan Brown
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Detesto livro cansativo, li apenas um livro do Marc Levy e gostei da forma dele escrever, olha... Vc pode ter escolhido a hora errada mesmo para ler.

    Fazer o que?!
    Que bom que vc não desistiu, pelo menos isso já vale!

    ResponderExcluir
  7. Tinha ouvido falar tão bem do autor, será que ele errou a mão? Não tinha lido nenhuma resenha desse livro, mas do Tudo Aquilo que Nunca Foi Dito e fiquei com vontade de conhecer a escrita dele. Mas vou fazê-lo, ainda assim.

    Bjs.

    ResponderExcluir
  8. Livro excelente...leitura simples e directa...não concordo com a critica feita, as descrições não são muitas e as que existem são necessárias para colocar o leitor no local da acção...é isso que Levy faz, transporta o leitor para a história e esta ocorre de uma forma natura e sem nunca se saber como acabará..foi o meu 5º livro dele, para mim é um excelente escritor...só tem um defeito (se se pode chamar defeito) que é só escrever 200 e poucas páginas de livro...se fossem 1000 por livro era ideal.

    P.S.: Leiam, vale a pena sonhar ao sabor das palavras de Levy

    ResponderExcluir
  9. AMEI. O livro é ótimo! Talvez você não tenha lido em uma boa hora, ou não goste dessa categoria de livros. Mas é muito bom (na minha opinião). O livro tem mistério e me prendeu bastante. Eu recomendo que leiam, o que não é bom para um, pode ser bom para outro. ^^

    ResponderExcluir

É um imenso prazer receber seu comentário. Seja sempre bem-vindo aqui.