Menu

26.9.12

Acordo no Altar – Lynne Graham

px286gd

Bem que eu estava precisando de uma leitura rápida! Tenho trabalhando um bocado esses dias, acredito que tenha percebido uma leve sumida de minha parte tanto aqui, quanto no twitter, mas esses dias as coisas estão corridas demais.

Recebi esse livro e imediatamente comecei a ler. Lynne é o tipo de autora que é conhecida pelo homens intransigentes e mocinhas com pouco amor próprio, fato que já me irritou diversas vezes. Felizmente nesse livro temos uma mocinha esperta e decidida que busca seu espaço dentro do seu casamento com o poderoso Sergios Demonides.

Gostei da história! Como eu disse no começo é o tipo de livro ideal para uma leitura rápida e leve. Notei que a editora fez cortes bruscos na história. Em um momento os personagens estão na praia  e no seguinte discutindo sobre a escolha de roupas intimas, me custa acreditar que a autora mudaria de forma tão rápida os cenários e diálogos entre Sergio e Beatriz.

O livro é o segundo da série Casamentos Ordenados. Isso não impede que seja lido fora da ordem, apesar de falar da personagem da história anterior e nos apresentar a personagem do livro seguinte, é mais para ligar as histórias.

Se você gostou e quer ler esse livro, é só comentar nesse post que na segunda-feira irei sortear um exemplar dele. (Não vale comentar qualquer coisa!)

A numeração seguirá a ordem de publicação do comentário. O sorteio será pelo Random.org.

Sinopse

Sergios Demonides conseguira sobreviver à vida miserável nas ruas de Atenas e se tornara um poderoso bilionário. Ele pensava já ter vivido as experiências mais inusitadas, até o dia em que Beatriz Blake invadiu seu escritório e o pediu em casamento! Simples, orgulhosa e independente, Beatriz é bem diferente das mulheres glamourosas que costumam enfeitar a cama de Sergios. No entanto, ele não precisa de outro troféu, e sim de uma mãe para os filhos de seu falecido primo. Beatriz, a herdeira ignorada, e Sergios, o homem indomado, deverão chegar a um acordo pré-nupcial. Mas ela se esquece de ler as letras miúdas, e nelas está escrito que como marido e mulher também deverão dividir a mesma cama!

Link do livro no skoob:  http://www.skoob.com.br/livro/242478


5 comentários:

  1. Ai, verdade a Lynne nos leva aos extremos com seus mocinhos e mocinhas. Bom que apareça uma com juízo. Eu tb me incomodo com essa questão de cortes inesperados que acabam quebrando um pouco o encanto. Uma pena que recorram a este artifício.
    Beatriz... o nome da minha tia... e vai lidar justamente com um grego. Tem que ter uma mega dose de paciência e boa vontade.
    Amo esses livrinhos de banca pq quase sempre são a receita para boas gargalhadas.
    Trilogia independente, é sempre bom pq não ficamos viajando na maionese.

    ResponderExcluir
  2. Terminei de ler um livro com uma tema pesado e procurei leituras rápidas e leve, justamente estes livros de banca que tanta gente vira o nariz. Assim como você, esta autora já me deixou com raiva,mas sempre acabo lendo seus livros. Este ainda não conheço.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  3. Ando com várias questões sobre casamento na minha cabeça, será que esse livro vai dar um nó maior ainda? Fiquei curiosa pra saber como essa mocinha vai se adaptar ao casamento que começa em um simples acordo... =o)

    ResponderExcluir
  4. Tenho muita coisa pra falar da Lynne?? Ela é apenas a minha DIVA, eu já li quase TUDO dela, esse livro não ficou de fora. Na verdade li toda a série e amei demais. Realmente percebi a sutil mudança nos estereótipos da Lynne habituais, mas aquelas características mais marcantes dela continuam presentes. Amei a série inteira e adoraria tê-la na estante. Adorei ter sorteio, tomara que eu ganhe!!!

    ResponderExcluir




  5. As meninas desse blg escreveram que adoram ler. Também adoro. E não conheço ninguém mais fanática por uma boa história do que eu mesma. Sou viciada, compulsiva, neurótica... Antes eu já lia muito enquanto meus filhos cresciam e mesmo yendo que trabalhar fora. Depois que perdi a visão e fui aposentada por invalidez, sbracei de vez a leitura. Bem... Na verdade, não leio mais com meus olhos. Meu PC lê para mim. Assim, estou sempre a caça dealgo gostoso de ler. Nem sempre o livro é bom e aí bate um sentimento de... Ah! De coisa chata. É como ir a uma festa e nada estar agradável e a gente não vê a hora de dar o fora! Abraços!

    ResponderExcluir

É um imenso prazer receber seu comentário. Seja sempre bem-vindo aqui.