Menu

20.12.13

Em casa para o natal – Cally Taylor

 

Em-Casa-para-o-Natal-417x620

Ela tem a vida quase perfeita. Seu único desgosto é nunca ter ouvido as três palavras mágicas: eu amo você. Beth Prince sempre adorou contos de fadas e acredita que está prestes a viver um final feliz: tem o emprego dos sonhos em um charmoso cinema independente e um namorado maravilhoso chamado Aiden. Ela faz parte de um grupo privilegiado de pessoas que trabalha com o que ama, e o entusiasmo pelos filmes intensifica a busca por seu próprio “felizes para sempre”.
Só há um problema: nenhum homem jamais declarou seu amor por ela. E, apesar de acreditar que Aiden é o príncipe encantado, a protagonista desconfia de que ele tem medo de dizer “eu amo você”. Desesperada para escutar essas palavras mágicas pela primeira vez, ela resolve assumir as rédeas do destino — e acaba se arrependendo.


Se você procura um livro divertido, fácil de ler e quer ter a certeza que vai se acabar de rir,  então ”Em casa para o natal” foi feito para você! Estava com tempo que eu não me divertia tanto lendo um livro. Bom, teve aqueles momentos de vergolha da vergonha alheia, mas qual bom livro de cómedia não tem uma boa pagação de mico, não é?
Beth  - é a típica garota sonhadora, que fala com cartazes do George Clooney e adora filmes. É apaixonada por seu trabalho em um cinema que está em decadência. Sonha que as extratégias do seu Plano de Ação vai fazer o cinema melhorar, mas em vez disso descobre que ele será vendido.  Tem um namorado e espera que ele se declare para ela, em vez disso ele se diz sufocado e vai embora. A vida não está fácil nem pra personagens ficitícios!!!
Matt - é o mocinho bonzinho,  que toda vez que vê a Beth fala alguma coisa sem nexo ou gagueja. Tem um uma ex-namorada psicopata e um avô fofo (me apaixonei pelo vovô. Tá,  pelo Matt também, mas meu coração é grande e cabe todo mundo). Trabalha para Apollo, que quer comprar o Cinema que a Beth trabalha e transformá-lo num conglomerado igual a tantos espalhados pelo mundo.Tem uma chefe megera, e é o tipo “boa –praça” que só se ferra no quisito amor.
Quando Beth e Matt se juntam, o livro fica repletos de momentos fofinhos e hilários. O que mais gostei ao longo da história foi que a autora nos brinda com a visão tanto de Matt, como com a de Beth, sobre o que está acontecendo entre eles. Os capítulos são alternados e nos dá a sensação de conhecer os dois de forma mais íntima e deixa os  sentimentos de cada um deles bem explicado.
Recomendo sem sombra de dúvidas!
 
Livro no Skoob:
 
 
 
 
 
 

3 comentários:

  1. adorei a capa, esta entrando para o clima natalino ^^.
    adoro as comédias românticas e a dica está pra la de anotadinha
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oie!
    Já estava curiosa e a resenha só aumentou a vontade de lê-lo, =D

    http://meuhobbyliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

É um imenso prazer receber seu comentário. Seja sempre bem-vindo aqui.