Menu

12.1.14

Uma Prova de Amor- Emily Giffin

UMA_PROVA_DE_AMOR_1374238982P

A princípio, foi uma mudança sutil, como costumam ser as mudanças nos relacionamentos; fica difícil saber quando de fato começou.

Primeiro vem o amor, depois vem o casamento e depois… os filhos. Não é assim? Não para Claudia Parr. A bem-sucedida editora de Nova York não pretende ser mãe, e até desistiu de encontrar alguém que aceite esta sua escolha, mas, então, ela conhece Ben. O amor dos dois parece ideal. Ben é o marido perfeito: amoroso, companheiro e — assim como Claudia — também não quer crianças. No entanto, o inesperado acontece: um dos dois muda de ideia a respeito dos filhos. E, agora, o que será do casamento dos sonhos?

Hi Guys... Cá estou eu mais uma vez pra falar da maravilhosa Emily Giffin, já vou dizendo que não, não poupo rasgação de seda e elogios pra essa mulher porque ela merece, não canso de falar o quanto a escrita dela me surpreende, o quanto ela flui mesmo quando tem uma carga dramática.

Já sabemos que a Emily é uma autora que adora escrever sobre relacionamentos, não apenas sobre relacionamentos entre um casal, mas todos os relacionamentos que fazem parte da vida dos personagens que ela compõe. Nesse livro temos a Claudia e o Ben como personagens principais, a meu ver muito mais a Claudia, o livro bate bem na questão do que somos capazes de fazer para sustentar um relacionamento, de qualquer natureza, além de trazer opiniões diversas sobre a maternidade.

Claudia nunca quis ter filhos, ela quer alguém na vida dela, mas não quer ter filhos, quando conhece Ben e descobre que ele também tem a mesma opinião que ela sobre crianças é definitivamente o universo a favor dela. Porém, quando um casal de amigos anuncia a chegada de um bebê, Ben começa a pensar na possibilidade de ter filhos, ele acha que talvez eles estejam perdendo alguma coisa importante na vida ao abandonar a ideia de crianças. Começa então, acho que um dos momentos mais sofridos do livro,  um embate entre o casal, porque é inegável o amor que eles têm, mas agora um já não quer o mesmo que o outro, e aí o que fazer nessa situação??

O casal ainda tenta permanecer juntos apesar das circunstâncias, em alguns momentos fiquei com muita dó do Ben, ele praticamente implora a Claudia pra pensar no assunto, diz que se ela tiver um filho deles a vida dela pode permanecer a mesma, que ele faria tudo pra que ela pudesse seguir com os planos dela. Fiquei com muita raiva da Claudia nessa hora.

Enfim os dois se separaram e a Claudia vai viver com uma amiga, ela acaba recebendo conselhos de todos os lados, mas está firme na convicção de que não quer ter filhos, apesar de um amigo plantar uma semente na cabeça dela de que ela poderia tentar. Ela começa a sair com outro cara, e viver uma vida pós-Ben. Começamos a ver o relacionamento dela com as irmãs, o pai e a mãe. Os personagens secundários desse livro dariam bons livros, os dramas nos relacionamentos das irmãs da Claudia vão de encontro ao que Claudia vive, o que vai fazer com que ela comece a avaliar sua perspectiva e suas decisões sobre sua vida com Ben.

É interessante ver como as pessoas no livro enxergam a Claudia, porque sempre vemos os livros pela visão das pessoas que anseiam por um filho, e nesse vemos como Claudia encara uma sociedade que a “julga” por não querer o convencional. Enfim super recomendo o livro, já avisando que quem espera ver um romance fofinho deve repensar a leitura do livro.

 

assinatura_2[5]


5 comentários:

  1. é muito comum as pessoas serem julgadas pelo que querem ou não...
    é bom saber que o livro explora essa questão
    só espero que Claudia e Ben encontrem um meio termo e consigam viver o amor
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Opa, não sabia que esse livro era assim, quero ler logo...

    ResponderExcluir
  3. Já comprei, mas ainda nao li, mais vi que no final diz continua.... Sabe qual é a sequência.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. No livro Laços Inseparáveis fala dos dois tb, é a história de uma amiga da Cláudia q trabalha com ela...mto bom tb

      Excluir
  4. Ganhei do meu amor de natal, achei perfeeito. Sem duvida a historia nos prende do inicio ao fim.

    ResponderExcluir

É um imenso prazer receber seu comentário. Seja sempre bem-vindo aqui.