Menu

21.2.14

Quando Eu Era Joe (Livro 01) - Keren David

 
 
SINOPSE:  Imagine o que é perder, em uma única noite, sua casa, seus amigos, Como é possível viver mentindo sobre todas as coisas? Sua escola e até mesmo o seu nome. Aos 14 anos, Ty presencia um crime bárbaro num parque de Londres. A partir desse momento, tudo muda para ele: a polícia o inclui no programa de proteção à testemunha, e Ty é obrigado a assumir uma vida diferente, em outra cidade. O menino ingênuo, tímido, que costumava ser a sombra do amigo Arron, matricula-se na nova escola como Joe... E Joe não poderia ser mais diferente de Ty: faz sucesso com as meninas, torna-se um corredor famoso... Joe é tão popular que acaba incomodando os encrenqueiros da escola. Ser Joe é bem melhor do que ser Ty. Mas, logo agora, quando ele finalmente parece ter se encaixado no mundo, os atentados e ameaças de morte contra sua família o obrigam a viver no anonimato, em fuga constante e sob a pressão de prestar depoimentos sobre uma noite que ele gostaria de esquecer. Um livro – de tirar o fôlego! – sobre coragem e sobre o peso das consequências do que fazemos.


Quando solicitei esse livro ao blog, mais uma vez o que me atraiu foi a capa: Ela é linda!!! E gente, devo confessar que esse impulso por capas bonitas é quase que uma roleta russa e as vezes me decepciono. Mas, com Quando eu era Joe, da autora Keren David, pelo contrário: Amei a leitura! Vou tentar explicar sem soltar spoiler.
 
Esse é o primeiro livro escrito pela autora, onde nos conta a história de Ty e logo no início do livro ele está em uma delegacia testemunhando um assassinato. É a partir desse momento que a vida de Ty se encerra, para dar início a de Joe, pois essa é sua nova identidade. Por causa do seu depoimento, o garoto e sua mãe Nick, tiveram que entrar em um programa de proteção a testemunha. Enquanto Ty era tímido, franzino e sofria bulling na escola, já como Joe ele passou a ser o oposto e logo de cara sua aparência teve que mudar, para que não fosse reconhecido e consequentemente Ty/Joe decide que a diferença não seria só em sua aparência, mas também em suas atitudes e torna-se o garoto popular da nova escola.
 
Joe é atleta, faz sucesso entre as garotas, consegue causar ciúmes nos valentões, resumindo: ele é tudo o que não deveria ser para uma testemunha sob proteção da polícia. Ao invés de ser discreto, Ty/Joe acaba se encantando com o sucesso e de uma certa forma isso lhe causa alguns problemas, fora os que já tinha antes.
 
A história é muito envolvente, a escrita de Keren faz com que praticamente não pare de ler o livro e que uma de forma suave acompanhemos o desenvolvimento de um personagem - que nas circunstancias em que se encontrava  além de testemunha, poderia ser também uma vítima de bandidos violentos - conseguimos ver sua transformação. De um pré-adolescente (quase uma criança): sem graça, ignorado por todos. Acabou se tornando um adolescente (quase um adulto, apesar de ter apenas 14 anos): com problemas reais, forte tanto fisicamente quanto emocionalmente. E esse crescimento de Ty/Joe que mais me chamou a atenção. 
 
Apesar de ser autora nova, juro a vocês que pela pouca experiência que tenho, posso falar com certeza e se a informação não estivesse no livro, poderia passar como um autor com várias publicações, tamanha a desenvoltura da história. Todos os conflitos familiares, mentiras, brigas de escola e até o "ficar" com as garotas, estão de acordo com a idade do personagem e não ficou nada forçado - sério mesmo - soou também como se estivéssemos lá com Joe, sofrendo, rindo, brigando e até querendo dar bronca nele por alguma atitude errada. E que final, gente!!! E pra deixar um gostinho de quero mais, a Novo Conceito ainda coloca o primeiro capítulo do próximo livro, com uma cena daquelas que nos faz arrancar os cabelos.
 
A capa está linda, eles permaneceram com a versão original. A diagramação está perfeita, pois as letras são grandes e a leitura flui mais rápido e super recomendo esse livro.
 
Abaixo são as capas da publicação estrangeira: 


Espero que tenham gostado e até a próxima!!!



3 comentários:

  1. apesar de não gostar tanto de gênero esse é o livro que mais me atraiu, gostaria de conhecer a saga de Joe pela sobrevivência
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Camila, também gostei muito do livro, cheio de ação e deixando um belo gancho vara o próximo volume. Só não gostei da mãe do Ty, muito infantil para o meu gosto.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  3. Achei muito interessante este livro, a hitória parece ser daquelas que quando começamos não queremos parar.

    ResponderExcluir

É um imenso prazer receber seu comentário. Seja sempre bem-vindo aqui.