Menu

18.4.14

Uma carta de amor- Nicholas Sparks


Uma_carta_de_amor_Capa_WEB
Há três anos, a colunista Theresa Osborne se divorciou do marido após ter sido traída por ele. Desde então, não acredita no amor e não se envolveu seriamente com ninguém. Convencida pela chefe de que precisa de um tempo para si, resolve passar férias em Cape Cod. Durante a semana de folga, depois de terminar sua corrida matinal na praia, Theresa encontra uma garrafa arrolhada com uma folha de papel enrolada dentro. Ao abri-la, descobre uma mensagem que começa assim: “Minha adorada Catherine, sinto a sua falta, querida, como sempre, mas hoje está sendo especialmente difícil porque o oceano tem cantado para mim, e a canção é a da nossa vida juntos.” Comovida pelo texto apaixonado, Theresa decide encontrar seu misterioso autor, que assina apenas “Garrett”. Após uma incansável busca, durante a qual descobre novas cartas que mexem cada vez mais com seus sentimentos, Theresa vai procurá-lo em uma cidade litorânea da Carolina do Norte. Quando o conhece, ela descobre que há três anos Garrett chora por seu amor perdido, mas também percebe que ele pode estar pronto para se entregar a uma nova história. E, para sua própria surpresa, ela também. Unidos pelo acaso, Theresa e Garrett estão prestes a viver uma história comovente que reflete nossa profunda esperança de encontrar alguém e sermos felizes para sempre.
felipe_souza_hr3
Uma Carta de amor( Brasil) ou Palavras que nunca te direi ( Portugal) foi  primeiro livro do Nicholas Sparks que teve sua versão cinematografica, lançado em 1999, teve como protagonistas Kevin Costner, no papel de Garret Blake,  Robin Wright, no papel de Theresa Osborne. Foi filmado no  Maine,  Chicago e Wilmington. Em 2002  a  Editora Objetiva lançou o livro aqui no Brasil e logo teve suas edições esgotadas. Este ano a Editora Arqueiro  relançou “Uma Carta de amor” é sucesso de público!
Assisti o filme várias e várias vezes e saber da história antecipadamente, saber como termina, não te prepara para a emoção que o livro passa.  Cada detalhe, cada momento que  Thereza e Garrett passam juntos, a evolução do sentimento  te deixa completamente extasiada. Como sempre o livro é mais detalhista, mas envolvente. Quando assisti o filme, na minha adolescência, não sabia o que esperar e realmente me emocionei, acho até que esse foi o primeiro filme do Nicholas que  vi e que me fez ser apaixonada por ele, mesmo na época não sabendo que ele era escritor e que tinha outros livros e filmes tão bons quanto! Não imaginei que a leitura fosse me atingir tanto, mas aqui estou eu, ainda com lágrimas nos olhos, tentando repassar o sentimento que me assolou e sem conseguir, acho que tem que ler para sentir. Vale à pena!

2 comentários:

  1. é o unico do autor que me falta na estante, eu preciso ler e chorar com essa história
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

É um imenso prazer receber seu comentário. Seja sempre bem-vindo aqui.