Menu

5.5.14

Azul da Cor do Mar – Marina Carvalho

 

CAPA-Azul-da-cor-do-mar

Virei fã da escrita da Marina Carvalho quando li Simplesmente Ana (super indico), pois ela escreve de maneira simples que prende, emociona e nos evolve.

Nesse livro conhecemos Rafaela, uma jovem estudante de jornalismo, que tem três irmãos, é alegre, divertida e que leva os estudos muito a sério. Ela acabou de entrar na vaga concorridíssima de estagiaria do jornal mais importante do estado, o Folha de Minas.

Mesmo conseguindo o tão sonhado estagio, Rafa não terá um trabalho fácil, pois que terá que ser a sombra e ajudar nas reportagens investigativas que Bernardo, o repórter investigativo mais importante do jornal e também o ser mais insuportável do mundo, segundo a Rafa. Ela acaba cobrindo importantes julgamentos, investigando suspeitos assassinatos e ate entrevistando traficantes e acaba caindo nas maiores enrascadas e com isso ela consegue destaque no jornal e chama a atenção de Bernardo, que passa a olhar o trabalho da Rafa mais de perto e a confiar nos palpites e nas opiniões e textos dela.

Rafa guarda um segredo, quando tinha onze anos e estava de férias na praia ela viu ao longe um Garoto com uma mochila xadrez e ficou encantada com a cena que presenciou e agora já adulta ainda escreve cartas para o Garoto e conta para ele tudo que contaria se ele estivesse na sua frente por isso anda sempre com o seu caderninho.

Não quero escrever muito, pois não quero estragar a leitura, já que o livro é muito bom, rapidinho acaba e ainda deixa aquela sensação de querer mais. Em certos momentos pode ate parecer previsível, mas a estória é tão boa que não perde em nada. Os diálogos são bons, as brigas da Rafa com o Bernardo, com a Gisele (uma amiga ou ex-amiga que não desejo a ninguém) são hilárias. E o final do livro é lindo, Marina Arrasou!

Ai você quer saber se recomendo né? É claro que recomendo muito e recomendo também como já citei acima o outro livro da Marina, Simplesmente Ana.

Esta resenha foi escrita por Marilia Kelvia, colaboradora do blog.

Facebook: https://www.facebook.com/marilia.kelvia


5 comentários:

  1. Ahh quero muito ler este livro.
    Já ouvi falar muito bem da Marina mesmo..mas ainda não li Simplesmente Ana, mas também tenho vontade.
    Ótima resenha..

    beijos
    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. não li nenhum livro da Marina, mesmo tendo simplesmente Ana, mas adorei tanto o enredo desse romance que to doida pra comprar!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Ainda não li Simplesmente Ana, está ali bonitinho na estante. Realmente li vários comentários elogiando a escrita da Marina e de como este livro é deliciosamente divertido.
    Achei a capa linda... e o mote dessa atração pelo ser intolerável a princípio é ótima, mesmo que batida.... afinal, como isso acontece!

    ResponderExcluir
  4. Esse está na lista de leituras futuras.
    Gostei da sua visão sobre o livro, parece ser bem legal mesmo.
    Bjokas

    ResponderExcluir
  5. Tenho me surpreendido com autores brasileiros! O interessante é que a maioria é esse estilo chick lit que, apesar de não ser meu preferido, tenho gostado! :)
    Acho que o autor não precisa escrever de maneira formal e rebuscada para o livro ser bom... esse eu já tenho na estante e pretendo ler em breve! :)

    ResponderExcluir

É um imenso prazer receber seu comentário. Seja sempre bem-vindo aqui.