Menu

14.11.14

Simplesmente Acontece – Cecelia Ahern

 

1

Edição: 1
Editora: Novo Conceito
Ano de lançamento: 2014
Páginas: 448
Autora: Cecelia Ahern

O que acontece quando duas pessoas que foram feitas uma para outra simplesmente não conseguem ficar juntas? Todo mundo acha que Rosie e Alex nasceram para ser um casal. Todo mundo menos eles mesmos. Grandes amigos desde criança, eles se separaram na adolescência, quando Alex se mudou com sua família para os Estados Unidos. Os dois não conseguiram mais se encontrar, mas, através dos anos, a amizade foi mantida através de emails e cartas. Mesmo sofrendo com a distância, os dois aprenderam a viver um sem o outro. Só que o destino gosta de se divertir, e já mostrou que a história deles não termina assim, de maneira tão simples.

***

A cada página um momento da vida de Rosie e Alex. De crianças a adolescentes, de adolescentes a adultos.

O livro nos é retratado através de cartas, bilhetes, e-mails, via bate-papo, cartões-postais, e etc. No primeiro momento conhecemos nossos doces protagonistas, quando Rosie convida Alex para seu aniversário de 7 anos. Eles se conhecem desde os 5 anos de idade e são inseparáveis. Unha e carne.

Os dois passam toda a infância e adolescência grudados, até que por uma reviravolta do destino o pai de Alex recebe uma proposta de emprego nos Estados Unidos, em Boston, tendo que se mudar de Dublin no seu último ano de escola. Rosie e Alex são separados. Contra toda a ordem do destino, os dois continuam sua amizade mesmo á longa distância.

Alex é aceito em Harvard, ele quer ser médico cirurgião. E desde que viajou com família, quando criança, Rosie teve a fascinação em querer trabalhar em um grande hotel de luxo. Então ela decide se candidatar ao curso de Hotelaria na universidade de Boston e ela é aceita no curso. Os planos estão traçados, porém o destino muda quando Rosie descobre que esta grávida.

“Não posso tirar uma folga, ligar para avisar que estou doente, nem pedir para minha mãe escrever um bilhete. Agora a mãe sou eu. Quem dera eu pudesse escrever um bilhete para mim mesma. Estou apavorada, Alex.” Página 45.

E agora? Em um momento nos vemos à perspectiva que eles finalmente poderiam ficar juntos quando ela se mudasse para Boston. Mas Rosie não pode mais fazer isso, ser mãe solteira é o que lhe aguarda. Em Boston, Alex continua sua vida, conhece Sally, se casa e se torna um grande cirurgião. Enquanto Rosie vive em uma constante reclamação, sem perspectivas de um futuro que lhe agrade.

Rosie teve que amadurecer rápido. Com a ajuda da família e amigos, Rosie recebe apoio ao cuidar de sua pequena filha Katie. Uma menina fofa e tão inteligente quanto à mãe.

“Obrigada pela carta. Fico feliz que você gostou do meu vestido, mas se eu fosse você tinha usado um vestido mais bonito, que nem o que a minha mãe estava usando no dia do seu casamento. Todo mundo falou que o vestido dela combinou muito bem com a roupa de Alex.” Página 80

O livro não tem foco apenas em Rosie e Alex, vários outros personagens dão o ar de sua graça na história. Um destaque é a melhor amiga de Rosie, Ruby. Essa mulher não tem juízo. Hahaha... Ela tenta tornar a vida de Rosie menos tediosa.

Acabei de visualizar você ali com uma escopeta na mão, mandando esses homens ficarem longe do seu imóvel.” Página 369

3

A cada leitura de correspondência, o leitor torce para que o destino de Alex e Rosie seja entrelaçado e eles possam finalmente viver o amor que deveria ter sido deles desde sempre. Passei o livro todo esperando, torcendo com um final feliz, com a felicidade dos dois juntos, que pudessem finalmente se amar. Que eles pudessem encontrar o silêncio que tanto queriam. Será que é pedir muito que esse casal (que tem tudo para dar certo e só eles não enxergam) fique junto logo? Um pertence ao outro.

“Cei bem como são esses silêncios.” Página 389.

Um livro cheio de reviravoltas. Muitas reviravoltas mesmo! Que fala de amor, amizade, companheirismo e lealdade. Não tem como não se emocionar e esperar apenas coisas boas para os dois.

O filme já foi lançado nos Estados Unidos, mas só será lançado aqui no Brasil ano que vem, 8 de janeiro de 2015. E claro que estou bem curiosa. Já deixando claro, pelo trailer, o livro e filme tem algumas diferenças. Porém sua essência está lá. Chega logo janeiro!

2

Confiram o trailer:

 

 

image

Essa resenha foi escrita por Crislane Barbosa, colaboradora do blog. http://www.skoob.com.br/usuario/368409


1 comentários:

  1. gosto das histórias de amor desse jeito simples com uma intensidade reflexiva!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

É um imenso prazer receber seu comentário. Seja sempre bem-vindo aqui.