Menu

17.5.14

Esta é uma História de Amor - Jessica Thompson



Um rapaz conhece uma menina e a menina se apaixona pelo rapaz – até aí, nenhuma novidade. Mas, com Sienna e Nick, as coisas não acontecem do jeito que costumam acontecer nas histórias de amor. Tudo bem que ela o achou superparecido com o Jake Gyllenhaal, seu ator preferido. E ele teve o maior frio na barriga quando viu aqueles lindos olhos azuis-escuros no metrô. Nada disso importa quando a gente está fechado para balanço. Ela é frágil... Tem tantos segredos. E ele não está a fim de nada sério. Engraçada e ao mesmo tempo triste, esta é a história de duas pessoas destinadas a não ficarem juntas... mesmo sendo a coisa que elas mais querem no mundo.


Esta é uma história de amor... mas nem toda história de amor é igual. Bom é assim que Jessica Thompson, autora do livro, nos apresenta Nick e Sienna.  Dois jovens que se conhecem, ou melhor, se veem pela primeira vez num dia comum em Londres, em um vagão de trem lotado. Tanto Sienna, como Nick, ao se olharem pela primeira vez, ficam extasiados e se apaixonam a primeira vista. Porém o que não esperam é que trabalham no mesmo local e que Nick havia prometido nunca mais se envolver com uma colega de trabalho e Sienna não quer esse tipo de envolvimento, pois quer crescer profissionalmente e não quer que nada atrapalhe seu objetivo.

Mas como evitar que seu coração se apaixone, principalmente por um rapaz que basta dar um sorriso e encanta a todos ao redor? E como Nick pode evitar amar, se Sienna é tudo que quis em uma mulher: linda, simples, com um sorriso maravilhoso, batalhadora e muito solidária? Pois é, como não se apaixonar por esse casal, que a cada página que lia mais me conquistava ainda mais?

Confesso que escrever essa resenha se tornou a coisa mais difícil para mim, tanto que não consegui fazê-la assim que terminei a leitura, que é o que normalmente faço com todos os livros. Sério mesmo, fiquei tão encantada com a história de Nick e Sienna que precisei de alguns dias para pensar em como colocaria na resenha tudo que senti ao ler o livro. Esse tipo de sensação é bem conhecida por nós leitores assíduos, e chamamos de : Ressaca Literária, quando não conseguimos ler mais nada depois de um livro maravilhoso e só pensamos nele.

Pois bem, o que senti após a leitura: muto amor, suspiros, saudades, coração palpitando... Dentre outros sentimentos que não consigo expressar nesse momento. Jessica nos cativa desde a primeira página até a última, consegue nos deixar numa aflição que não tem tamanho, principalmente quando pensamos que naquele momento que mais esperamos Nick vai enfim se declarar para Sienna e quando isso não acontece ficamos numa "deprê" daquelas (risos). E só para vocês terem uma ideia de como o livro me pegou de um jeito, consegui sentir os ciúmes, as tristezas e as ansiedades dos protagonistas como se a história fosse minha, ou seja, senti como se fosse Sienna e/ou Nick em todos os momentos em que eles viam o seu amor escapar no momento em que achavam que iam dar certo um com o outro. Esse foi mais ou menos o meu sentimento com Esta é uma História de Amor.

Não posso deixar de lado também os outros personagens que me conquistaram e me fizeram amar quase que da mesma forma que o casal S&N, como Pete o mendigo, George o pai de Sienna... dentre outros. Todos tiveram um papel importante nesse lindo romance cheio de desencontros. A autora consegue em 400 páginas encaixar todas as situações e atrapalhadas de cada personagem, principalmente as do casal, sem que fique nenhuma ponta solta e o livro termina de uma forma tão singela que nos deixa completa ao final da leitura e que nos faz pensar que realmente nem toda história de amor é igual.

Super indico a leitura e tenho certeza que irão amar Sienna e Nick assim como amei. A capa é linda, lembrou minhas agendas que fazia na adolescência, quem tinha agendas assim e as decoravam com tudo que via e que era importante naquele momento,  saberá do que estou falando.


Espero que tenha gostado e até a próxima!!!



14.5.14

Bob - Um Gato Fora do Normal - James Bowen

 
 
Bob - Um Gato Fora do Normal - James Bowen
 
Sinopse:
 
“Nós ganhamos segundas chances todos os dias, mas geralmente não as aproveitamos. E então eu conheci o Bob.” James Bowen é um músico sem-teto que se apresenta nas ruas de Londres para sobreviver. A partir do momento em que ele encontra um gato de rua machucado, com o pelo cor de laranja e grandes olhos verdes, sua vida começa a mudar. Juntos, James e Bob enfrentam o mundo – e vencem. Uma história verdadeira sobre amor e amizade que vai fazer você sorrir muito. ”
 
Resenha
 
“ Todo mundo precisa de uma trégua. Todo mundo merece uma segunda chance. Bob e eu tivemos a nossa. ” - James
 
Voltamos a Covent Garden, em Londres para o mundo de Bob e seu amigo James.
Nesse livro são relatados histórias do primeiro livro, mas com alguns extras.
Os primeiros passos de Bob na sua nova casa, fazendo companhia a James e mudando suas vidas para sempre.
É um livro encantador, cheio de conflitos e superações.
Como James mesmo diz muitas vezes, viver nas ruas te faz aprender a se virar sozinho e quase sempre se é invisível aos olhos dos outros.
Mas Bob entrou na vida dele como um furação, mudando suas decisões e pensamentos, o amor, companheirismo que foi sendo construído dia a dia, foi se transformando numa intensa ligação.
 
Um não poderia mais viver sem o outro. Pareciam almas gêmeas como James gosta de dizer.
Por conta do amor incondicional a Bob, James se vê determinado a largar de vez a dependência de heroína, quer ficar limpo de qualquer “auxilio” para não sofrer recaídas.
Ele sabia que não seria fácil, mas tinha que fazer isso por ele e por Bob.
Mesmo todos os percalços e dificuldades, a ligação entre os dois era o suficiente para superar tudo.
“ Ele era uma criatura l inda, não havia duvidas quanto a isso. Mas não era só. Havia algo mais. Era sua personalidade que estava atraindo a atenção de todos. As pessoas percebiam que havia algo especial nele. ” – James
As pessoas que não gostam de gatos, não sabem o que é amar um bichano tão inteligente e carinhoso.
Não imaginam que sua vida pode mudar radicalmente somente pela importância que qualquer animal faz na vida de alguém.
Essa pessoa aprende a amar, a dar carinho e se importar com os outros.
Amar um animal, seja de que espécie/raça for, é uma dádiva que poucos têm a oportunidade de conhecer e vivenciar.
“ (...)Fiquei confuso. Tanta generosidade não costumava fazer parte da minha vida nos últimos anos. Foi uma das maiores mudanças que Bob me trouxe. Graças a ele, eu havia redescoberto o lado bom da natureza humana. Tinha começado a confiar novamente nas pessoas. ” - James
James sabe que sem Bob sua vida seria totalmente perigosa e que nem poderia mais estar entre nós para contar a história.
Bob foi sua salvação em tempos tortuosos e sombrios, a luz logo viria trotando todo animado e feliz por seu gato de rua.
Recomendo!

 

 
Cada capítulo tem o Bob em posições diferentes, e o livro vem com algumas fotos coloridas dos dois. A diagramação ficou incrível!
 
 
 
Título: Bob - Um gato fora do normal
Autor(a): James Bowen
Editora: Novo Conceito
Número de Páginas: 208

 


12.5.14

Um Desejo Selvagem - Renegade Angels #02 - Sylvia Day

 
 
Um desejo selvagem é o segundo livro da série Renegade Angels, de Sylvia Day. Enquanto os leitores esperam o fim da série Crossfire, eles vão adorar se envolver com a paixão selvagem de Vash e Elijah. Neste segundo livro da série, Vash, a segunda vampira mais importante do mundo, e Elijah, líder dos licanos, assumem o papel central. Além de serem representantes de duas espécies que sempre se perseguiram, Elijah e Vash se odeiam, mas são obrigados a se aproximar em busca de parceria numa guerra contra os anjos. O único problema é que o ódio entre eles vai se transformando em uma paixão incontrolável. Vash, uma mulher dura e determinada, perde a concentração nas lutas, passa a ter ciúmes e a não controlar mais seus sentimentos, enquanto Elijah parece decidido a conquistá-la, usando os mais tentadores artifícios.

Um Desejo Selvagem inicia logo do ponto em que Um Toque de Vermelho finalizou, porém nele conhecemos mais de perto Elijah. Considerado um Alfa no meio dos licanos (lobos), o mesmo vive em um impasse pois por sua vontade a rebelião contra os Sentinelas não ocorreria. Do outro lado, os vampiros Caídos se aproveitam de tal rebelião para fazer aliança com os licanos e consequentemente aumentar o seu poder contra a um vírus que vem disseminando toda a raça de vampiros no país.
O líder dos Caídos envia seu braço direito Vash para oficializar tal aliança, mesmo sabendo de sua incompatibilidade com a raça de lobos, pois seu companheiro Char foi estripado por um bando e que até hoje Vash alimenta uma sede de vingança. Mas para a surpresa da nossa guerreira é que quando se depara com um licano todo ensanguentado devido a uma batalha, com um corpo escomunal cheio de músculos bem definidos e completamente nu, seu desejo de vingança se transforma em outro tipo de desejo e a reciproca é a mesma.
Elijah e Vash eram para ser inimigos em comum. De início era só um acordo entre os dois: ela queria saber quem eram os lobos responsáveis pela morte de seu parceiro e ele queria vingar a morte de seu amigo e Vash era a assassina. Mas sabemos que esse tipo de acordo não daria muito certo devido a grande e intensa tensão sexual entre eles.
Fora toda esse louco envolvimento entre El e V (já me tornando íntima dos personagens), encontramos também o grande dilema e conflito entre os Sentinelas - comandados pelo gatíssimo anjo Adrian -  e os Caídos - comandados por Syre. Mesmo em situações opostas, os dois líderes lutam pelo mesmo fim: acabar com o Vírus. Sylvia Day consegue nos envolver em um mundo sobrenatural e suas batalhas tanto contra o amor impossível entre os personagens, quanto na batalha em si entre Sentinelas e Caídos. O que mais me surpreendeu, fora as cenas quentíssimas de El e Vash claro, foram as batalhas e o suspense que SD conseguiu levar até a última página do livro. Isso mesmo, a autora deixou uma questão solta no ar que possivelmente só saberemos quando o terceiro livro for lançado.
Se me perguntam se gostei do livro: É claro que amei!!! Mas também odiei, pois sou uma pessoa altamente curiosa e estou com os nervos a flor da pele, pois não sei o que vai acontecer, só quando o terceiro livro sair e peço a todos os "anjos" que não demore muito para que isso aconteça.
Apesar disso tudo, super recomendo a leitura dos livros da Sylvia Day, com seus mocinhos super decididos e provocantes!
 
Espero que tenham gostado e até a próxima!!!