Menu

31.12.16

{Série} Black Mirror





Criador: Charlie Brooker.
Temporadas: 3
Sinopse: Trata-se de uma série de ficção especulativa que expõe, por vezes de forma sombria, o futuro dos seres humanos no tocante às nossas tecnologias atuais e força uma reflexão sobre como nossa realidade pode tornar-se absurdamente caótica por conta dessas mesmas tecnologias.
ATENÇÃO: Contém spoilers (revelações sobre o enredo) referentes à série em questão. Se você ainda não assistiu, prossiga por sua conta e risco.

Resenha

Oi gente! Bem vindos à última resenha dO Menino Que Vê Filmes deste ano (espaço pra vc colocar um adjetivo) de 2016! Um ano marcado por grandes tragédias, turbulências políticas (no nosso caso aqui) e muitas, mas muitas perdas no mundo artístico. Como esse ano foi pra você? Pra mim, 2016 ficará marcado pra sempre e principalmente como o ano em que eu venci o câncer. De forma geral, se você chegou vivo e saudável até o dia de hoje, considere-se um sobrevivente. 

Mas nem tudo é tristeza! 2016 foi também um ano de grandes filmes e séries. Foram tantos e tantas que o “menino” aqui nem teve tempo de acompanhar tudo. Uma das séries de destaque desse ano foi BLACK MIRROR, disponibilizada lindamente pela minha queridíssima e maravilhosa Netflix! Embora a série tenha seu primeiro episódio datado nos idos de 2011, produzido para o canal britânico Endemol, somente agora parece ter caído no gosto dos brasileiros. Sou suspeitíssimo pra falar, já que assisti às 3 temporadas basicamente “numa sentada”, de tão viciante que é.


Mas do que trata BLACK MIRROR? O que faz desta série especial? Bom, pra começar, tudo. Quero dizer, estamos falando de uma série de TV britânica. No ramo da produção de filmes e séries os norte americanos lideram, certo? Nem sempre. Esses britânicos, quando se metem a produzir algo de qualidade, seja para a TV, seja para o cinema, dão baile no pessoal do Tio Sam. Quer exemplo melhor do que Game Of Thrones? Aliás, Pri, prometo que 2017 sai resenha de GOT, tá? Não esqueci do seu pedido ;-)

Mas, voltando ao assunto, você já parou pra pensar sobre os rumos que a nossa vida está tomando, especialmente no que toca à nossa condição de animais sociais? Não é difícil! Basta se questionar sobre algumas coisas básicas, como quantas vezes você saca o smartphone do bolso para checar as suas redes sociais? Qual a relevância de uma “curtida” pra você? Parece exagero temer o que estar por vir? Então vamos avançar alguns poucos passos no futuro e fazer a seguinte pergunta: É plausível que, um dia, as operadoras de crédito analisem o número de curtidas e avaliações positivas nos seu perfis como diferenciais na hora de conseguir um empréstimo ou um financiamento junto ao banco? E mais: E se a instituição financeira em questão analisasse o quão bem avaliadas são as pessoas que te avaliam? Outra: Você consegue imaginar um futuro onde o sistema penal basei-se em castigar criminosos fazendo-os reviver, todos os dias, seus crimes sob a ótica da vítima, tudo isso graças a um simples implante cerebral? Está suficientemente assustado? Pois bem. Esse é o objetivo de BLACK MIRROR.



Ora, o próprio nome da série (Espelho Negro) faz referência a um monitor, seja de um computador ou de um Smartphone. De certa forma, o autor da série enxerga a tecnologia como uma droga, tão viciante e nociva quanto qualquer outra. E não é que ele tem razão?

Formato

BLACK MIRROR tem episódios aleatórios. Cada estória tem um elenco, uma ambientação e até mesmo uma realidade diferente. Dessa forma, não há sequência entre os episódios, de modo que tanto faz por qual episódio começar, não fará diferença.

Episódios e EPISÓDIOS

Diversos sites especializados disponibilizaram listas classificando episódios bons e ruins de BLACK MIRROR. Não concordo muito com tal classificação, já que não encontrei nenhum episódio ruim, por assim dizer. O que há são uns episódios mais movimentados e outros mais monótonos; alguns mais românticos e outros mais trágicos. Mas TODOS igualmente tensos e perturbadores. “Daí vai do gosto do freguês”, como diz o ditado. Mas, se é que posso deixar a minha classificação aqui pra vocês, eu destacaria o episódio 4 da 3ª temporada “San Junipero” como o mais triste, e o episódio especial de natal “White Christmas” como o mais perturbador.

Uma história de amor simulada em San Junipero e...

... O trágico desfecho de White Christmas
Recomendo!

É, recomendo muito. Mas atenção: BLACK MIRROR não é uma série para todo tipo de expectador. Portanto, se você é do tipo impressionável, evite por enquanto. Vá ver algo mais leve, porque de leveza esta série aqui não tem nada! Hahaha

Conclusão

Gente, antes de mais nada quero me desculpar por essa resenha curtinha de hoje, a correria de fim de ano aqui não tá fácil. Mas acho que deu pra resumir bem as minhas impressões sobre a série.

No mais, queria deixar aqui o meu agradecimento especial à minha prima Amanda e à minha queridíssima amiga Priscila (que eu ainda hei de conhecer pessoalmente rsrs), ambas resenhistas aqui do blog, bem como a TODAS as Meninas Que Leem Livros, pela oportunidade de poder contribuir para a página. Conforme eu disse no começo, passei praticamente o ano todo doente e SÓ EU SEI o quanto me fez bem escrever aqui.

Naturalmente, preciso agradecer também a todos vocês, meninos e meninas, que vêm aqui de 15 em 15 dias ler minhas resenhas de filmes. É por vocês que eu trabalho. Amo muito todos vocês!

Enfim, ficam aqui meus votos de que 2017 venha mais leve pra todos nós, e que aprendamos a vibrar positivamente pra ajudar a tirar nosso país dessa nuvem negra pela qual estamos passando. Desejo que sejamos mais irmãos, mais tolerantes uns com os outros. Desejo, por fim, força, a cada um de vocês, para que possamos juntos evoluir na arte de praticar a paz e o bem. Um beijo no coração de cada um de vocês, e um feliz ano novo!

Até o ano que vêm, gente!




28 comentários:

  1. Amei a resenha! Realmente, não é uma série pra qualquer espectador - eu amei, meu namorado odiou, minha cunhada sentiu repulsa logo no primeiro episódio kkkk
    Mas os episódios não são TÃO aleatórios assim. Embora pareçam ocorrer em "universos" diferentes, alguns links podem ser feitos durante a série.
    Por exemplo, o ministro do episódio 1 aparece em algumas reportagens de episódios posteriores - uma dizendo que ele se separou, outra dizendo que ele foi expulso de um zoológico...
    Mas tem que ser muuuuito atencioso/detalhista pra notar isso!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Aryanna! Realmente, não é todo mundo que se sente atraído por BM. Mas é assim que eu gosto! Quando uma série provoca isso nas pessoas, é sinal de coisa boa! Feliz 2017!

      Excluir
  2. Oi!
    Ainda não tive coragem de me aventurar em BLACK MIRROR. Recebi alguns spoilers dos primeiros episódios e fiquei bem chocada. Não é faz estilo de série, mas como está todo mundo comentando eu tenho que arriscar e assistir. Vai que eu gosto, não é mesmo?
    Enfim, quero te desejar tudo de bom para esse ano de 2017, você foi um guerreiro ao enfrentar o câncer. E assim como a Pri também vou aguardar ansiosa a resenha de GOT.
    Beijos e um Feliz 2017!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Duda, minha querida! Desejo igualmente tudo de melhor pra vc! E já que vc tá com receio, o menino aqui vai te dar uma dica: comece pela 3a temporada. Não vai atrapalhar a cronologia e vai te preparar para o restante. Beijo grande!

      Excluir
  3. eu não sou de assistir muitas séries e apesar da sua critica positiva essa não é um enredo que me agrade em potencial

    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Ola!! :)

    Eu ja tinha ouvido falar desta serie e quero ver! :) gostei do tom dela e tambem o tema dos efeitos da tecnologia excessiva! :)

    Bem, nao sei ate que ponto uma serie com episodios nada ligados me prenda la muito..! :) mas pretendo experimentar!! Se achas que nao ha nenhum ruim..!

    Boas leituras!! ;) e bom ano!!
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  5. Vi o primeiro episódio com meu noivo, algumas partes, nem foi todo, e realmente a serie parece ser muito boa. Gostei quando soube que cada episódio era uma trama e tal, deixa tudo mais dinâmico. Eu quero ver o resto, a primeira temporada é bem curtinha, né?
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É sim Dessa! Vale muito a pena, pra quem gosta de ficção! Bjos

      Excluir
  6. Olá Lucas,
    Já vi essa série por aí, mas nunca quis ver, sabe? Até ler sua resenha! Adorei conhecer suas impressões e ficar com vontade.
    Achei muito legal a forma como a série parece se desenvolver, pois parece ser bem dinâmico e gostoso de ser visto.
    Claro que anotei a dica.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Bruna! Fico extremamente feliz quando alguém se interessa pelo assunto através das minhas resenhas! Obrigado, e seja sempre bem vinda!😘

      Excluir
  7. Olá!
    Preciso tomar vergonha nessa cara é ir ver essa série, só ouço muitos elogios e coisas muito boas! Ela está na minha lista do Netflix e finalmente vou começar, fiquei muito encantada com sua resenha pra saber o quão perturbadora pode ser essa história.
    Que esse ano seja repleto de coisas boas para ti.
    Beijos, Lari.
    Segredosdeumacerejeira.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Igualmente pra vc, Lari! Tenho certeza de que vai gostar! 😘

      Excluir
  8. Oiee Lucas ^^
    Minha irmã começou a ver essa série e gostou bastante, mas eu acabei de iniciar "Sons of Anarchy" e estou vendo a nova temporada de "Teen Wolf", então não sei se terei tempo de assistir "Black Mirror" *-* Mas eu tenho curiosidade de assistir, principalmente depois de ver que você gostou tanto (e se viciou com as temporadas...haha'). Vou dar um jeitinho!
    MilkMilks ♥
    Milkshake de Palavras

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Dryh! Sons of Anarchy? Agora vc pegou meu ponto fraco! Gostei tanto dá série que assisti 3 vezes! Hahaha... Depois me conta o que tá achando 😘

      Excluir
  9. Oi Lucas,
    Confesso que muitas pessoas já me indicaram essa série é só anotei e deixei de lado. Ao ler sua resenha minhas expectativas subiram consideravelmente e fiquei bem curiosa em saber mais sobre a série, principalmente com todas essas ações perturbadoras. Obrigada por compartilhar.
    Bjim!
    Tammy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tammy! Feliz que tenha gostado! Seja sempre bem vinda! 😘

      Excluir
  10. Nossa, o ano ue passou não foi fácil mas para você deve ter sido muito proveitoso né? Vencer uma doença como essa é um fato a marcar o ano mesmo.

    Não assisti ainda essa série, mas tenho que tomar vergonha e ver porque todo mundo fala bem.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa! Garanto que não vai se arrepender. Ademais, as temporadas são curtinhas, dá pra terminar rápido! 😘

      Excluir
  11. Olá, tudo bem?
    Primeiramente Feliz 2017,
    Pretendo ver essa série este ano, imagine agora vendo essa sua resenha e sabendo do que a ela trata diretamente. O melhor que os episódios são aleatórios diferenciando elenco e história. Dica anotada.

    ResponderExcluir
  12. Oi Lucas, tudo bom? Adorei seu post! Eu comecei a assistir a serie, mas aleatoriamente, e tenho gostado bastante. Um dos meus favoritos é o Be Right Back, e o Nosedive foi um dos que mais mexeram comigo.... faz pensar bastante. Vou continuar assistindo! :D
    beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gaby! Pra mim essa é uma grande vantagem dá série, não precisa ficar acompanhando, dá pra assistir aleatoriamente! 😘

      Excluir
  13. Oi Lucas, tudo bem por aí?

    Eu tô muito ansioso para começar a assistir Black Mirror, mas eu tenho uma listinha de séries para colocar em dia antes de começá-la, tipo Grey's Anatomy e 2 Broke Girls. Mas não vejo a hora de começar a assistir BM, todo mundo elogia bastante!

    Abraços.
    www.acampamentodaleitura.com

    ResponderExcluir
  14. Oie
    muitos amigos meu tão indicando muito a série e eu to bem curiosa pois parece ser incrível mesmo, espero começar a ver em breve e gostar muito, parabéns pelo post, belo texto

    beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, Catharina! Seja sempre bem vinda por aqui! 😘

      Excluir
  15. Olá, não conhecia a série...confesso que não estou em um momento muito bom para acompanhar série, mas vou anotar a dica!

    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Raquel! Vale a pena, quando tiver um tempinho! 😎

      Excluir

É um imenso prazer receber seu comentário. Seja sempre bem-vindo aqui.