Menu

13.1.17

{Resenha} Sou Fã! E Agora?





Autora: Frini Georgakopoulos
Editora: Seguinte
Sinopse: Com uma linguagem rápida e divertida, este livro é uma mistura de artigos breves e atividades interativas que te convidam a refletir e discutir o que todos nós, fãs, mais amamos: as histórias.
Escrito por uma fã de carteirinha, “Sou fã! E agora?” faz um verdadeiro raio X da literatura jovem adulta, analisa os principais elementos das narrativas e a relação intensa que se desenvolve entre os fãs e as histórias. A autora ainda dá algumas dicas valiosas para você conseguir extravasar todo o seu amor, como criar seu próprio cosplay, escrever uma fanfic, organizar um evento, começar um blog ou canal e muito mais!



Gentem, eu e a Frini (já me sinto íntima da moça!) temos muitas coisas em comum! Se eu fosse fazer um livro sobre o que sou fã, seria sobre livros! Ela fez de um gênero, eu faria de... sei lá, sou indecisa demais para escolher um só!



Sou fã! E agora? É um livro com muitas dicas para você que não sabe o que fazer para demonstrar o quanto é fã de algo. No caso do livro, Frini nos mostrou o quanto é fão de Young Adult. Para mim, foi muito proveitosa a leitura deste livro, pois até hoje eu não havia entendido muito bem o que significava o estilo YA e ela explicou de modo claro e divertido. Assim, o leitor aprende facilmente sobre o gênero: as características, os romances, enredo... Bem interessante, especialmente para quem quer se aventurar nesta linha!

Ela passa por todas as fases de um fã: a entrada no gênero, o que faz nos apaixonarmos pelas histórias. Aqui começa a aventura de verdade: o que nos faz nos identificar com aquilo que estamos lendo, bem como porque muitas vezes acabamos gostando do vilão (Voldemort, Darth Vader, as rainhas e madrastas más da vida do leitor...)

“O vilão não se vê como vilão. Para ele, ele está certo do que quer, do que está fazendo. É o herói, o mocinho que o impede de conquistar o que deseja.”

Para mim, não tem exemplo melhor de construção de vilão do que a Elsa, da animação Frozen. A cidade a transforma em vilã por algo que ela é incapaz de controlar. E ela se torna reclusa na montanha mais alta, para não ferir ninguém... Já imaginei as pessoas contando histórias sobre a bruxa má que vive no alto da montanha. E aí, pela solidão e todo o contexto, ela acabaria tornando-se má. Maldade é uma questão de perspectiva, na maior parte das vezes. É como a magia... Não existe magia negra ou branca, existe o uso que se faz dela e as consequências que existe. O que é bom para um, nem sempre é bom para o outro, entendem?

Ela dá dicas de como identificar uma boa história, pois esta é aquela que nos prende com seus conflitos – sabe aquela coisa de mal poder se conter para não pular logo pro final do capítulo, para saber o que vai acontecer, finalmente? Então. – bem como o ritmo que a história se desenvolve.

“Para o filósofo Aristóteles, a catarse se refere à purificação das almas por meio de uma descarga emocional provocada por um drama (tanto para o personagem quanto para o leitor/público). Intenso, né? E para fangirls e fanboys, depois da catarse ainda temos outra descarga emocional extrema: quando o livro acaba e ansiedade define nossa vida enquanto esperamos pelo próximo volume da série! Tá sorrindo agora né? Você já passou por isso e vai passar outras vezes! Estamos nessa, parceiro!”

Frini nos fala da parte cosplay de ser fã – porque amar o livro/filme/anime/etc apenas não é suficiente, você que experimentar a fundo o personagem! – como criar seu evento literário (depois de criar um clube da leitura, ela começou a realizar os eventos) e se deu muito bem com isso!

Com atividades que te fazem pensar em seus livros, histórias e personagens preferidos, a obra é extremamente prazerosa de se seguir. As cores são um charme atrativo e você identifica diversos títulos de livros que com certeza são seus preferidos – pelo menos encontrei vários meus!



Gostei muito do livro e consegui fazer várias das propostas! Gostei mesmo!




35 comentários:

  1. Parece ser um livro bem gostosinho, mas por falar de YA não me agrada muito, não sei, talvez eu me aventure em querer conhecer mais sobre isso um dia, e aí eu pego Sou Fã!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, de fato! É um ótimo livro para se aprender sobre o gênero (e acabar gostando)!

      Excluir
  2. Olá
    Nossa que bacana é esse livro kkk, achei que ele era uma história corrida normal, sem essas atividades rwrs, mas como nunca havia lido resenhas do mesmo entao é perdoável kkk. Eu gostou muito de YA e tmbm de NA são gêneros bem bacanas e raramente me decepciona. Esse livro aí deve ser realmente bem divertido. Até mais ver
    Bj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Achei ele bem divertido e rápido de ler, basta manter sue lápis e caneta a mão para estar pronta a responder seus questionamentos!

      Excluir
  3. Você realmente tem razão, dependendo da perspectiva, podemos sim nos tornais os vilões! O melhor foi o seu exemplo hahahaha. Achei esse livro fofo demais, principalmente o cuidado gráfico com as páginas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Huahuhau desde o lançamento de Frozen, sempre uso a Elsa de exemplo... Se não me engnao, no conto original ela realmente vira vilã! As páginas são lindas, a capa é aveludada, uma belezura!

      Excluir
  4. é um livro que me agradaria ler e interagir sim
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. acho que nunca mais verei um vilão da mesma maneira rsrs, eu fiquei com vontade de ter esse livro achei muito fofinho tirando que é uma das minhas cores favoritas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Entãaao, é uma das minhas cores preferidas também!
      E sim, nunca se deixe levar pelas opiniões dos mocinhos, esses egoístas!!! u.u hunf hunf

      Excluir
  6. Esse livro é maravilhoso, a escrita dele é deliciosa...
    Sinceramente não sei porque ainda não terminei de lê-lo. Além de lindo visualmente, ao contrário de você eu não consegui fazer nenhuma proposta, mesmo sabendo que o livro foi feito nesse intuito não consigo escrever nele, exemplo disso é o meu diário que nunca consegui destruir. Por fim, acredito que esse livro seja leitura obrigatória para todo amante da leitura, não tem como não se identificar.

    http://www.nossomundoliterario.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Destrua seu diário é outro nível né miga XD eu não consegui dar cabo no meu também, tá lá... lindinho na minha estante! huahauhauha

      Excluir
  7. Oie! Tudo bem? Não conhecia o livro e amei saber sobre o que se trata, vou adiciona-lo na minha lista de desejados e essa página sobre as mortes, well uma só seria pouco! Infelizmente :/
    Bjss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Para mim foi a página mais fácil!!! Tem outras atividades muito boas, mas que requerem um pouco mais de atenção por parte do leitor. Por algumas serem mais pessoais, deixei meio que lado =x
      É muito bom para conhecer mais sobre o gênero!

      Excluir
  8. Tudo neste livro me atrai, a começar da premissa, porque eu sou muito fã das coisas que amo, sejam livros, cantores ou outras manifestações artísticas. A arte gráfica também está linda.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele é realmente um livro para fãs! Ela te dá dicas ótimas de como ser ainda mais fã! Frini é ótima e a escrita dela é muito divertida de acompanhar!
      Beijos!

      Excluir
  9. Olá Priscila,
    Que legal conhecer suas impressões sobre esse livro. Achei bem interessante essa menção que você fez à Elsa, pois é a mais pura verdade. Tem certas coisas que não conseguimos controlar e não podemos ser julgados por elas, mas as pessoas nos julgam.
    Não tenho muito vontade de ler esse livro, pois, muitas vezes na vida, não me sinto fã sabe?
    Suas impressões etão ótimas, mas vou deixar a dica passar por enquanto.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  10. A tua menção a Elsa me fez lembrar de um livro que li recentemente chamado A Vadia da Gislaine Oliveira. Mostra como é a construção de um estereótipo. Bem bacana! Quanto ao livro da Frini achei uma gracinha e me identifico muito com ele pois também sou fã desses gêneros. Fora que o livro em si tem uma diagramação muito legal!

    bjos
    www.causoseprosas.com.br

    ResponderExcluir
  11. Olá, Pri

    Não sabia da existência de um livro tão importante sobre a relação de fã e os ídolos. Deve ter sido esclarecedor saber como um ídolo inspira um fã e como é essa relação tão complexa na fase mais adolescente, principalmente. Deve ter sido uma leitura muito divertida. Achei o livro bem lindo e colorido, mas não sei se eu leria pela falta de interesse no assunto. Resenha ótima! Beijos!

    ResponderExcluir
  12. Olá,
    Ganhei o livro em um sorteio e confesso que estou bem curiosa para fazer a leitura e realizar as propostas do livro. Meu marido leu, mas não ousou fazer nada com a cara que fiz para ele rsrs
    A premissa é bem interessante e a diagramação é impecável pelo que pude notar vendo o livro por cima.

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Olá, tudo bem?

    já tinha visto esse livro e tinha achado super legal com essa interação que ele tem. Ainda não tive a chande de comprar, mas assim que tiver a oportunidade vou tentar comprá-lo, ler e fazer tudo o que ele pede.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  14. Oieee, gente que livro lindo, amei a ideia, quero o meu!!!
    ainda não conhecia esse livro mas já estou apaixonada e sou fã tbm rsrsr, espero poder ter na minha estante!

    Bjs

    www.leituraentreamigas.com.br

    ResponderExcluir
  15. Olá!
    Já tinha visto o livro algumas vezes mas nunca parei para saber mais dele, após ler a resenha quero muito saber essa trajetória da autora nesse mundo dos fãs e como foi cada fase pra ela. Além de amar todo esse contexto diferente que ela fez esse livro eu amei as cores das capas, pois são as minhas favoritas!
    Beijos,Lari.
    Segredosdeumacerejeira.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Oie
    não é um livro que me atraia pois não sou fã dessa onda mais diferente que está tendo mas parece ser um livro divertido para uma galera mais nova e a edição está bem feita e bonita, então boa dica e resenha

    beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Olá!
    Parece um livro bem tranquilo de ler, uma leitura leve.
    Gostsros de pegar essas dicas para fazer um blog que ela escreveu.

    ResponderExcluir
  18. Que livro maravilhoso!
    Acho que é o livro interativo mais diferente que já vi. Com certeza teria curiosidade de acompanhar as personagens, seus desabafos e alegrias.
    Adorei a diagramação também.
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  19. Eu acho que me identifiquei com esse livro rsrs Sei que tenho meu amor pelos livros e procuro ler por muito tempo. Mas aqui eu lembrei das loucuras que eu e minhas amigas fizemos na juventude para ir atrás de bandas que gostamos e passamos horas na fila para poder aventurar um camarim. Bons tempos! Beijos

    ResponderExcluir
  20. Olá, tudo bem por aí?

    Confesso que não conhecia a obra ainda e ela parece ser muito muito muito legal! Eu sou fã de muitos autores, de muitos artistas e aposto que eu iria me identificar bastante ao ler. No momento, eu passo a leitura, pois estou atolado de coisas para ler, quem sabe em outro momento, durante uma ressaca literária. Enfim, parabéns pela resenha e obrigado pela dica!

    Abraços.
    www.acampamentodaleitura.com

    ResponderExcluir
  21. OOI!
    Conhecia livro mas nem sabia direito sobre o que se tratava. Amei! Já quero. haha
    Gostei muito do uso da Elsa como exemplo. Concordo com o que disse.
    Essa atividades também sem bem divertidas. Fiquei até com medo de ler suas respostas e acabar encontrando spoiler, então nem li. haha Só acabei lendo o Will. </3

    Ótima resenha! Dica anotada.
    Beijoos!

    ResponderExcluir
  22. Não tinha ouvido falar do livor ainda, mas adorei a premissa e a ideia de nos mostrar esse mundo dos fãs. Incluindo até mesmo reflexões, que muitas vezes podemos nos tornar os vilões da história. Espero poder conferir em breve, vou ver se compro na bienal daqui.

    ResponderExcluir
  23. Olá! Que bom que já intima da Frini. Haha' Legal ela ter feito um livro falando sobre livros que ela é fã, selecionar apenas um gênero para deixa mais organizado porém também sou indecisa demais para escolher um só. Haha' Também não entendo muito o que significava o estilo YA, que bom que a autora explicou de modo claro e divertido. Adorei a citação, realmente alguns vilões são melhores que os mocinhos, e normalmente eles apenas fazem tudo pelo o que quer (não que isso seja o certo). Concordo sobre sua visão de maldade, e o exemplo da Elsa foi excelente. Não conhecia o livro, sua resenha além de me apresentar me deixou interessada em ler ele também. Beijos'

    ResponderExcluir
  24. Oi Pri,

    Acho legal livros com essas propostas diferentes, apesar de não me interessar muito, sempre começo e não termino, perco o interesse. Mas valeu a dica.

    Bjus Rafa

    ResponderExcluir
  25. Oie
    Tudo bom?
    Eu não gosto muito de livros que tenham essa proposta, pois gosto de me envolver nas histórias.
    Vou deixar a dica passar.
    Beijos

    ResponderExcluir
  26. Olá!
    Nossa, que livro diferente, eu ainda não conhecia. Realmente é bem difícil falarmos das coisas ou das pessoas que somos fãs. Eu adoraria saber um pouco mais sobre o estilo YA, eu leio, sei o que é, mas aprofundar um pouco mais, é sempre bom. Dica anotada.
    Beijos,
    Nay
    Traveling Between Pages

    ResponderExcluir
  27. Oi Priscila, a diagramação desse livro é muito fofa! Já pude conferir outras resenhas da obra, e achei interessante a forma como a autora conseguiu explicar aspectos da literatura de forma tão diferente e interativa. Abraços

    ResponderExcluir

É um imenso prazer receber seu comentário. Seja sempre bem-vindo aqui.