Menu

9.2.17

{Resenha} Nova Era - Chris Weitz

Autor: Chris Weitz
Editora: Seguinte
Ano: 2016
Sinopse: O grupo de Jefferson e Donna está de volta a Nova York, e os planos para distribuir a Cura a todos os adolescentes da ilha não ocorreram como o planejado. Depois de encarar a traição da Resistência, Donna guia a Reconstrução pela ilha, enquanto os meninos, Kath e os gêmeos fogem com a bola de futebol, um aparelho de transmissão que possibilita o lançamento instantâneo de mísseis nucleares em direção a países que costumavam ser inimigos do governo norte-americano antes da Doença. Mas o grupo está sem os códigos de ativação do aparelho, que ficaram com os novos parceiros da Resistência: a tribo da Uptown. Dessa forma, os amigos vão precisar colaborar com os ingleses da Reconstrução para garantir que o mundo não acabe em uma explosão de mísseis nucleares.




Quando abri o Word para escrever a resenha, fiquei sem saber o que dizer. É tão triste quando chegamos ao fim de uma trilogia/série. Um sentimento de abandono me abateu. Acabou... Mas vamos lá!

Esse livro pode conter spoilers dos livros anteriores. Para entender melhor a história resenhas de Mundo Novo (aqui) e Nova Ordem (aqui).

O final de Nova Ordem termina em caos. Os planos de Jefferson em unir as tribos, formadas depois do Ocorrido da Doença, acaba em muito sangue e morte. Depois que todos descobriram que os adultos estão vivos e sem a Doença fora do cerco dos EUA, o pandemônio se instalou na reunião.


Depois de conseguir fugir com seus amigos, ele não sabe o que fazer a seguir. É aí que Donna surge com a equipe de Reconstrução em busca do biscoito, que nada mais é que um aparelho que pode enviar bombas nucleares para qualquer lugar do mundo. Nas mãos erradas o aparelho pode se tornar um perigo para o mundo inteiro. Nas mãos de pessoas como Evan...

A edição está no mesmo estilo que os livros anteriores. Capa soft touch (aveludada) que me deixa agoniada de tocar, folhas amareladas e maleáveis. Seguindo a mesma linha de Nova Ordem, cada capítulo é narrado em primeira pessoa por um personagem diferente, nos dando assim uma visão ampliada dos acontecimentos. A fonte das letras muda para cada personagem como se fosse uma característica única de cada um.

Quando li Mundo Novo, primeiro livro da trilogia, a sensação foi prazerosa. Estava lendo sobre um bando de adolescentes tentando sobreviver sozinhos por dois longos anos onde uma pequena decisão muda tudo no mundo novo que eles construíram, no entanto, a partir do segundo livro, Nova Ordem, a história foi se modificando e ganhando mais corpo.


Nova Era é o fechamento de uma trilogia cheia de ação e muita estratégia de sobrevivência. O livro trás os mesmos elementos dos livros anteriores, mas também trouxe muito mais romance. Essa parte do romance ocupou muito mais páginas do que deveria e do que gostaria de ler. Todas as vezes que Jefferson, Donna, Hab, Kath e Peter narravam a história, 30% era sobre o objeto de desejo de cada um. Tinham uma missão a cumprir e eles ficavam presos em diálogos internos e externos sobre isso.

Apesar disso, os personagens não decepcionavam em seguir até o fim com os planos de evitarem a destruição do mundo. Essa determinação é o que mais segura o livro. Os personagens são jovens e determinados a enfrentar tudo, nem que tenham que morrer por isso. A força de vontade é tudo.


Um personagem ficou sumido na trama, mas como o próprio autor deixa claro que ele sumiu, para mim ficou como algo proposital. Isso me deu a sensação de continuidade sem ter continuidade, sabe? Como se a liberdade já tivesse chegado aquele tal personagem, mesmo a trama não tendo acabado. É uma sensação difícil de explicar em palavras.

A série Mundo Novo foi a primeira aventura literária de Chris Weitz, que também é roteirista e diretor de cinema. O autor não poderia começar melhor, apesar de pequenos contratempos como já citei. Chris Weitz consegue nos prender nos dilemas de cada personagem e nos faz conseguir diferenciar cada um deles, mesmo se não tivesse as fontes diferentes. Alguns são mais agressivos e outros mais nervosos em suas falas.

Para quem curte distopia e um bando de adolescentes tentando sobreviver, essa trilogia é uma ótima pedida!


28 comentários:

  1. é interessante, porém não chamou a minha atenção por agora, fica a dica anotada!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Não conhecia a série e nem o autor. Achei as capas lindas. Dica anotada, quem sabe futuramente! A premissa me agrada bastante, apesar de não ser meu gênero preferido.

    bjos
    www.causoseprosas.com.br

    ResponderExcluir
  3. As capas são lindas e a serie toda ficará linda estante. Achei bem original e pretendo ler, com certeza.
    Meu Amor Pelos Livros
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ivi!
      Capas são lindas mesmo. A história é bem bacana, vale a pena conferir. ^^
      Beijão!

      Excluir
  4. Olá
    Eu tenho muita vontade de eelr essa trilogia pois gosto muito do gênero e sempre quando lei o resenhas de qualquer dos volumes e sempre críticas empolgantes e cheias de elogios. Devo ressaltar que eu acho essas capas muito belas, esses tons d e cores vivas deixa tudo muito belo. Eu sei o qual triste é terminar uma série, mas vamos fazer o que? Até mais ver
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Manoel!
      As capas são mais lindas ao vivo! <3
      Pois é, ainda estou superando o fim dessa trilogia.
      Beijão!
      http://www.lagarota.com
      http://www.asmeninasqueleemlivros.com.br

      Excluir
  5. Oie.... não conhecia.... lembra bastante a série the hundred.... não curto distopia, mas vou indicar ao meu marido. Abraço

    ResponderExcluir
  6. OIii
    Li a resenha meio por cima para não pegar spoilers. hihi
    Achei as capas da trilogia bem chamativas, bem diferente das distopias que eu conheço, mas como uma adoradora do gênero, acho que até vou dar uma chance aos livros. Foi pra wishlist. =)

    Vícios e Literatura

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Carolina!
      Quando tiver a oportunidade, leia sim! A trilogia é bem bacana. ^^
      Beijão!
      http://www.lagarota.com
      http://www.asmeninasqueleemlivros.com.br

      Excluir
  7. Olá,

    Eu não conhecia essa série, achei as capas maravilhosa e a sua resenha só colaborou com que o meu desejo de fazer a leitura. Vou pesquisar mais sobre ela e comprar os exemplares o mais rápido possível.Muito obrigado pela indicação, foi para a lista de desejados!

    http://desencaixados.com

    ResponderExcluir
  8. Oi, tudo bem?
    Estou em choque por ainda não conhecer essa trilogia. Nunca tinha ouvido falar mesmo.
    Mas a premissa é interessante e fiquei realmente curiosa para conferir.
    Uma pena que o romance teve mais destaque que o desejável/necessário no último livro, mas ainda fiquei curiosa para ler.
    Ótima resenha!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Não conhecia o livro, mas bati o olho na capa e já fiquei curiosa pra ler, depois que li que é sobre sobrevivência - tema que amo -, ele foi direto pra wishlist!
    O nome do autor não me é estranho, mas devo conhecer de algum filme, já que você disse que ele é roteirista e diretor de cinema.
    A trama me lembra Amanhã: quando a guerra começou, que é uma série com vários livros mas eu só o primeiro. Mas como esse se trata de uma trilogia, vou conferir!

    Virando Amor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Carol!
      Conheço "Amanhã: quando a guerra começo". Achei o livro e a filme bem bacanas.
      O ruim é que a série é enorme e os livros da Fundamento são carinhos, aí já viu né? :/
      Leia sim a trilogia Mundo Novo. Os livros são bem bacanas. ^^
      Beijão!
      http://www.lagarota.com
      http://www.asmeninasqueleemlivros.com.br

      Excluir
  10. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  11. Olá!

    As capas e as histórias parecem bem envolventes, mas confesso que não anoto a dica por falta de identificação com a temática. Quem sabe em outro momento? Bjs!

    ResponderExcluir
  12. Olá, não conhecia essa trilogia, as capas são sensacionais mas a história não me ganhou, sei lá, não me chamou muito a atenção. Quem sabe mais futuramente!

    MEMÓRIAS DE UMA LEITORA

    ResponderExcluir
  13. Olá amore,
    Que capa mais diferente, gosti!
    Já quero ler o livro... parece ser muito bom pelo que li em sua resenha e pelas fotos dos livros – lindos!
    Adoro trilogias e adoro histórias de adolescentes, então acredito que será maravilhosa a leitura.
    Dica anotada!
    Beijokas!

    ResponderExcluir
  14. Oi Crislane, eu tinha visto esse livro na mídia, e não sabia que tinha sido escrito por um roteirista. O cara deve saber o que faz, a começar pela capa, que é é espetacular (todas as três). Vou procurar saber mais sobre ele. Abraços

    ResponderExcluir
  15. Oiee, comecei a ler a resenha mais quando vi que era uma continuação parei para não pegar spoiller, mas mesmo assim fiquei bem curiosa, a sinopse nos deixa com vontade de ler e espero poder conhecer em breve!

    Bjs

    http://www.leituraentreamigas.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Janiele!
      Quando tiver a oportunidade leia sim a trilogia. ^^
      Beijão!
      http://www.lagarota.com
      http://www.asmeninasqueleemlivros.com.br

      Excluir
  16. Oi Crislane!

    Tudo bem? Eu tenho o primeiro livro da trilogia e até gostei, mas não o suficiente para continuar lendo. O primeiro livro realmente traz elementos de ação e cenas muito interessantes (fórmula que parece ter sido mantida pelo que disse) o que faz totalmente o "meu tipo", mas acontece que não rolou aquela química e acabei não me envolvendo muito com a leitura.

    Beijinhos
    Jessie
    www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Jessie!
      Gosto bastante da trilogia no geral e recomendo sempre. Uma pena você não ter se envolvido tanto. :/
      Beijão!
      http://www.lagarota.com
      http://www.asmeninasqueleemlivros.com.br

      Excluir
  17. Cris, tudo bom?
    Achei as capas tão lindas e a questão de impedir a destruição do mundo por meio de adolescentes (indecisos e confusos, em sua maioria e na maior parte do tempo) bem pertinente e curiosa ao mesmo tempo. Parece um Código da Vinci/Inferno, enfim, obra de Dan Brown na versão mais relax, sem grandes referências.
    Apesar de curtir distopia, eu passo a dica por enquanto.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  18. Eu já li o primeiro livro da série, portanto tive que pular algumas partes da resenha para não ver spoilers do segundo hahaha.
    Essas capas são maravilhosas!!!
    Uma pena saber que, nesse livro, o romance ganhou mais destaque... No primeiro volume isso era diferente :/
    Mesmo assim, pretendo dar continuidade :D



    ourbravenewblog.weebly.com
    Participe do nosso TOP COMENTARISTA valendo um livro JANTAR SECRETO, do autor Raphael Montes :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Que bom que gostou do primeiro. Continua a série sim! Vale a pena. o/
      Beijão!
      http://www.lagarota.com
      http://www.asmeninasqueleemlivros.com.br

      Excluir
  19. Olá!
    A capa me chamou muito a atenção, dos três livros, mas a premissa não me encantou muito ainda mais porque os personagens ficam presos a diálogos desnecessários. Daí tenho a sensação de que a história irá se perder em algum momento.
    Bjs

    ResponderExcluir
  20. Eu sou louco por distopias e um bando de adolescentes buscando sobreviver..rs.
    Não sabia da existência da série ainda, achei a diagramação linda, mas a premissa, me agradou mais ainda. São os tipos de livros que adoro ter em minha estante, afinal a história se encaminha muito bem e a distopia é algo que sempre me agradou. Ainda bem que os personagens não te decepcionaram nessas sequências.

    ResponderExcluir
  21. Olá!
    Tenho que confessar que eu fiquei um pouco perdida lendo a sua resenha, pois eu não conhecia essa trilogia e nem os livros anteriores.
    Mas fiquei bem empolgada com o conteúdo do livro e vou buscar agora ler as suas resenhas anteriores da trilogia.

    beijos
    Livros & Tal

    ResponderExcluir

É um imenso prazer receber seu comentário. Seja sempre bem-vindo aqui.