Menu

14.2.17

{Resenha} Seduzida por um guerreiro escocês


Título Original: Never Seduce a Scot - The Montgomery and Armstrongs #1
Trilogia: Os Montgomerys e os Armstrongs #1
Autora: Maya Banks
Editora: Universo dos Livros
Sinopse: Eveline Armstrong é imensamente amada e protegida por seu clã, mas as pessoas a consideram diferente, pois apesar de ser linda e encantadora, a moça sofreu um acidente que lhe causou sequelas não só psicológicas, mas também físicas, visto que ela ficou surda. Satisfeita com sua vida reclusa, ela aprendeu a ler lábios e permitiu que o mundo a enxergasse como uma tola. Contudo, quando um casamento arranjado a torna esposa de Graeme Montgomery, integrante de um clã rival, Eveline aceita seu destino - despreparada para os deleites que viriam. Enredado pelos mistérios de Eveline, cujos lábios silenciosos são cheios de tentação, Graeme vê seu casamento ameaçado devido às rivalidades entre clãs e agora deverá enfrentar inúmeras adversidades para salvar a mulher que lhe despertou tanto amor.
“Por mais que não quisesse rotular nenhum Armstrong como vítima, ele era inteligente o bastante para saber que ela não merecia essa união mais do que ele merecia ser forçado a aceitá-la.”

Seduzida por um guerreiro escocês foi o primeiro livro da Maya Banks que eu li. Eu não sei bem o que eu esperava... Mas assim, não desgostei. Não me prendeu como achei que faria, mas acredito que o li porque estava assistindo Outlander, e escoceses, então sabem como é, né.

O começo do livro é intrigante. É o ponto de vista de Graeme Montgomery, o exato momento em que ele se percebe perdidamente apaixonado por sua esposa antes tão indesejada.

O casamento dá-se por uma obrigação real, uma vez que os clãs Armstrong e Montgomery são inimigos mortais, pois muitos parentes queridos foram perdidos com as guerras entre os clãs. E Graeme Montgomery ainda não superou a perda do pai o suficiente para estar na mesma sala que seus inimigos, no mesmo salão onde estão presentes aqueles que assassinaram seu povo. E Tavis Armstrong também não quer que sua única menina, a caçula que tem a mente fraca se case com seu pária, um monstro que destruiu muitos de seus homens e que os caça no minuto em que entram em seu campo de visão.

Já podem entender que a coisa é complicada, né? Mas o rei da Escócia não está nem aí... Ele quer que os laird se deem as mãos, façam um contrato e vivam em paz.

Só que mais tranquila que o rei... Está Eveline Armstrong.
“(...) Ela podia não ser uma grande guerreira, mas aprendera com sua mãe que, se havia algo capaz de derrubar um guerreiro, era uma mulher determinada.”
Eveline Armstrong vivia muito bem, obrigada. Era sim, vista como tola pelos seus pares... Mas isso não lhe importava, era amada por sua família e protegida. Seu segredo – a surdez – estava bem guardado, pois dependia dele para manter sua vida na calmaria em que estava.

Mas foi Graeme surgir em sua frente, foi ouvir o retumbar de sua voz –mesmo que apenas um ruído – que seu coração se aqueceu e descobriu que desejava estar casada, desejava sair daquele status em que havia se colocado depois do acidente. E foi aí que meio que me decepcionei: a vida dela era ótima... Mas foi só ver o homem que soube que poderia melhorar. 


Graeme não a maltratou, apesar de todas as histórias ruins que Eveline crescera ouvindo, aquele Montgomery parecia não se importar com sua loucura e com o fato dela ser filha de seu inimigo. Mas nem todos vem a situação desse modo...

Todos tem um passado, certo? 

O livro mantém um ritmo bom de se manter, com capítulos de um tamanho agradável. Li em e-book, a diagramação estava perfeita. A escrita da autora é agradável, seguiu alguns termos escoceses de fácil (e explicados) entendimento. Tive um momento agradável lendo o livro, mesmo já sabendo o que poderia acontecer. Isso a autora sempre deixou claro, mesmo que num nível inconsciente: você sabe que aquilo irá acontecer. Mesmo quando as evidências apontem para outro lado, você sabe da verdade. Então não pega muito de surpresa... 

As personagens secundárias são bem secundárias mesmo, a única que tem uma participação um pouco mais significante é Rorie Montgomery, mas acredito que é porque ela tinha algum interesse na relação... As outras personagens são só... Para cumprir objetivos. Não há aprofundamentos.

Os sentimentos e o descobrimento do amor é muito bonito de assistir. E a devoção que surge de ambos, também... Mesmo sendo um pouco repentino e exagerado. Acredito que é um bom livro para se ler entre uma obra e outra que foi pesada demais para ser esquecida logo. 

Descobri que este é o primeiro livro de uma trilogia: Os Montgomerys e os Armstrongs e o segundo livro já foi lançado no Brasil pela Universo dos Livros:


Genevieve McInnis está presa no castelo McHugh, no cativeiro de um líder cruel que tem grande prazer em mantê-la distante de qualquer outro homem. Mas, quando Bowen Montgomery invade os portões em uma missão de guerra, Genevieve redescobre a vontade de viver. A sensualidade robusta de Bowen atiça nela uma sensação profunda que anseia por ser prolongada mediante carícias pacientes e gentis. Algo quente, louco e tentador. Bowen toma conta do castelo de seu inimigo, despreparado para a misteriosa e reclusa mulher que captura seu coração. Ele está encantado com sua determinação feroz, sua beleza incomum e sua força silenciosa e infalível. Contudo, para cortejá-la, será necessário mais do que a habilidade de um sedutor experiente. Ele descobre que amar Genevieve significa devolver a liberdade que lhe foi roubada, mesmo isso que signifique perdê-la para sempre.

O terceiro livro, Highlander Ever After ainda não foi lançado no Brasil!

Não sei se darei seguimento a série, apesar de ter gostado da escrita fluída de Maya Banks, não é muito o que estou acostumada a ler. Mas sou compulsiva e não consigo parar, simplesmente... então provavelmente vou continuar, só não sei quando! Hahaha! 

20 comentários:

  1. Nunca li nada da autora, em primeiro momento porque não me atraia e agora por falta de oportunidade... eu gosto de romances de época então fiquei bem curiosa
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi, tudo bem?
    Já tinha visto esse livro, mas não sabia do que se tratava. Acho que me incomodaria um pouco esse amor meio repentino e o fato da protagonista aceitar facilmente mudar sua vida só porque conheceu Graeme. No entanto, não descarto ler este livro um dia, pois, elo que você falou, parece ser uma leitura leve e gostosa.
    Vou guardar a dica para quando estiver querendo me recuperar de alguma leitura mais pesada ou de uma ressaca literária haha.
    ótima resenha!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Oie! Tudo bem?

    Nunca li nada da autora, conheço seus livros principalmente esse por resenhas em blogs etc, mas não sei se o leria por agora, por mais que ele seja um livro com uma trama que amo, estou procurando outras leituras por agora, mas deixei a dica anotada, para em breve ler! Só espero que esse romance meio exagerado não me causa grandes problemas, ashuahsas mas só lendo para saber mesmo!

    Bjss

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Faz muito tempo que não leio um romance de época. Era mais fascinada pelo gênero, mas li tanto que cheguei a enjoar. rsrs Mas, quando voltar a ler quero ter muitas referencias pra saber por onde começar. Aliás, livros de épocas são maravilhosos pois nos leva para uma época TOTALMENTE OPOSTA a que vivemos, cavalheirismos, belas roupas, pudor... Adoro isso.
    Anotado a dica.
    Ni
    Cia do Leitor

    ResponderExcluir
  5. Olá!! :)

    Eu não conhecia este livro e confesso que não faz mesmo nada o meu género, mais para o hot e um pouco histórica e tal! :)

    Enfim, ainda bem que goastte e que mantem um ótimo ritmo de leitura! So e pena que os secundários tenham pouca intervenção! :)

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  6. Parece bacana,as vezes é bom um livro que deixa um final mais claro e tal,eu nunca li nada desta autora,mesmo ouvindo falar muito dela.

    ResponderExcluir
  7. Olá, tudo bem??

    Gostei a sinceridade na resenha! Mas antes de tudo, uma pergunta: Como você faz pra ler em ebook????? Eu juro que já tentei váááárias vezes, mas simplesmente não vai hahaha
    Não tinha ouvido falar sobre a trilogia ainda, mas acho que essa eu vou deixar passar

    XOXO
    umnovo-roteiro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Oi Priscila, tudo bem?
    Esse foi o primeiro romance de época que li, acredita? E para ser sincera, apesar de não ter te impressionado muito, eu amei esse livro e adorei o fato de ser uma série, já estou ansiosa para conferir o segundo volume. Eveline é simplesmente encantadora e ela me fez rir em várias situações, ela é muito esperta e sabe como se proteger, mesmo da própria família. E apesar de Rorie ser bem secundária, gostei bastante dessa personagem.

    Beijos! ♥

    ResponderExcluir
  9. Olá,

    Não conhecia o livro, mas não fiquei tão interessada assim na obra. Me parece que é um pouco previsível a história, já que o leitor sabe o que vai acontecer, mas que bom que teve momentos agradáveis lendo a obra. Adorei sua opinião sincera!

    http://www.virandoamor.com/

    ResponderExcluir
  10. Oiee
    Ainda não conhecia esse livro, apesar de conhecer a Maya...
    Gostei bastante da sinopse mas confesso q desanimei qdo li q é uma trilogia. Como vc sou um pouco compulsiva, e se começar vou ter q ler todos. Como estou com a minha lista de livros a serem lidos muito grande, não vou incluir esse nela... rsrsrsr mas anotei a dica para uma futura (bem futura) leitura.
    Bjo

    ResponderExcluir
  11. Oi, tudo bem? Já estava de olho nessa série tem um tempo com um grande interesse em ler esse ano. Acho que é comum os livros de romances de época serem meio previsíveis, mas acho que não atrapalha. Que pena que talvez não dê continuação, eu provavelmente lerei em breve. Beijos.

    ResponderExcluir
  12. Oi. Tudo bem?
    Ainda não conhecia nem a série nem a autora. Confesso que não fiquei muito interessado pela história. Talvez o motivo seja a falta de interesse pelo gênero. Apesar de ter apontado alguns aspectos positivos do livro, parece que na ficou muito interessada pela a história, né? Adoro ler blogs que trabalha com a sinceridade na resenhas, por isso gostei bastante da sua. Muito boa sua resenha.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  13. Oiee Priscila ^^
    Depois de ter visto os primeiros episódios de Outlander, peguei paixão pela Escócia...haha' ainda assim, esse não é um livro que eu quero ler, pois vi algumas coisas em algumas resenhas que me desagradaram em relação à obra...então não sei se arriscaria ler. Se você decidir continuar com a série, espero que goste dos outros livros :)
    MilkMilks ♥

    ResponderExcluir
  14. Oi, Pri

    Eu quero muito ler esse livro, a sinopse dele chama muito minha atenção. Eu não assisto Outlander, mas entendi a associação que você fez! Hehehe
    Eu só não comprei ainda pq ele sempre está mais de 40 reais, uma facada. Apesar das suas ressalvas acho que o saldo foi satisfatório, né? Espero poder ler em breve.

    Beijo

    ResponderExcluir
  15. Oie
    que legal sua resenha, eu não leio romances de época apesar de estar super em alta mas quem sabe dou uma oportunidade pois sua resenha está muito boa, ótima dica

    beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Oi Priscila.
    Também me pareceu ser uma leitura para intercalar com outras mais pesadas, já que romances como esses costumam ser bem leves.
    É ótimo que os termos escoceses usados foram explicados, assim o leitor naõ se sente perdido, sem entender a história.

    ResponderExcluir
  17. Olá, Priscila! Apesar de ter ligo algumas resenhas a respeito desse título, esse não é o meu tipo de livro preferido. Mas enfim, é uma pena que não tenha te prendido!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  18. Olá, tudo bem?
    Eu nunca li nada dessa autora e confesso que não tenho lá muita curiosidade, sabe? Pela sua resenha é uma obra agradável, mas não parece nada extraordinário e eu gosto de obras que me surpreendam, mas essa parece que não surpreende em praticamente nada, né? Enfim, dispenso a dica dessa vez.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  19. Olá, tudo bem?
    Menina, fiquei aqui pensando se leria o livro, se por um lado o romance é algo bem encantador e envolvente no enredo, por outro lado acontece de forma repentina, e sou daqueles que acha isso muito surreal.
    Não conheço a escrita da autora, mas acredito que eu consiga gostar da maneira de ela desenhar seus personagens.

    ResponderExcluir
  20. Gosto muito de romance de época, mas ainda não li nada da Maya e tenho curiosidade de saber mais da história pelas resenhas que leio. O único ponto que me. Deixa na dúvida é esse romance meio repentino, não sei se me convence durante o enredo.
    Bjim!
    Tammy

    ResponderExcluir

É um imenso prazer receber seu comentário. Seja sempre bem-vindo aqui.