Menu

28.3.17

{Resenha} Paixões Destemidas


Oie amores! Como estão? :)
Vamos a mais uma resenha da Editora Harlequin?


Confere aí! 



Paixões Destemidas - Annie West/ Andie Brock/ Susanna Carr

Resenha

CORAÇÕES INDEPENDENTES - Annie West


Imogen Holgate acredita estar com a mesma doença terminal que levou sua mãe. Então, decide gastar todas as suas economias em uma viagem ao redor do mundo. E ao conhecer o sensual Thierry Girard, ela não hesita em se entregar a esse sensual parisiense. Porém, o romance de duas semanas resulta em uma gravidez inesperada. E Thierry acaba de pedi-la em casamento!”


Imogen acaba de perder sua mãe, após quatro meses de sofrimento e como se não bastasse a falta e a dor que lhe contrai o coração, ela precisa fazer alguns exames, pois estava com os mesmos sintomas que vitimaram sua mãe e que também estavam preocupando seu medico.

Enquanto aguardava o resultado dos exames na sala do médico, ela pensou o que viria depois e recusando-se a passar os seus últimos dias num hospital, sai sem falar com ninguém e resolveu gastar todas as suas economias e escolheu Paris, sem cautela e sem juízo, para viver o que lhe restasse.
Em Paris ela encontra-se com o francês Thierry e é paixão a primeira vista.

Engataram um romance tórrido, sem nenhuma esperança de compromisso, só, tão somente só, viver até onde desse.
Mas o tempo previsto passou e Imogen volta para encarar sua sorte, só o que ela não contava e que encontraria “alguém” pequenininho e crescendo, sem se importar se haveria futuro ou não.
Como o futuro de Imogen era limitado, ela procurou por Thierry e pede que tome conta do bebe quando nascer.
Mas Thierry tem outra reação, e não aceita assim tão fácil terá que ser do jeito dele.

Uma ótima estória, com um aspecto humano/maternal de que só as mães são capazes. Vale a pena ler, para ver o desenrolar desse casal. Adorei!



CAMINHOS PARA O PERDÃO - Andie Brock


Orlando Cassano adora sua vida de solteiro. Ele trabalha duro
e se rende ao prazer sempre que deseja. Até sua amante, a CEO Isobel Spicer, revelar estar grávida! Orlando pode não ter tido uma figura paterna em sua vida, mas estará presente na vida do filho. Contudo, para convencer a independente Isobel a subir ao altar, ele precisará usar muito mais do que seu poder de sedução…”


Depois que Isobel se certifica que está grávida, ela é uma empresária precisando de um empréstimo da empresa de Orlando, um italiano muito bem sucedido, frio, sério, sexy e com um grande trauma de infância.
Mas para conseguir essa parceria, ela teria que ir até a Ilha Jacamar e lá acontecem coisas que marcariam para sempre tanto Isobel como Orlando.

Ambos muito bem sucedidos na vida se veem envolvido com um filho, que não dá pra descartar.
Isobel quer o filho e sem parceria. Orlando jamais deixaria um filho seu com um complemento tão feio: bastando, como ele foi por bastante tempo.
Apesar da sua paternidade, tenha se legitimado Orlando não esquece o que ele e a mãe passaram.
Jamais um filho seu sentirá na alma aquele rotulo: Bastardo.
E como ambos têm personalidades fortes, o embate será acirrado e que ganhe o mais sábio.

É uma ótima estória, com uma criança chegando para mudar posições, sentimentos.
Orlando precisava desse grande “presente”, para amenizar o passado, poder fazer diferente e Isobel é a mulher/mãe perfeita para ele. Alma gêmea, embora ele custe a descobrir.
Adorei! Adoro “argumentos” de grávidas.


SENTIMENTOS PROIBIDOS - Susanna Carr


Stergios não via Jodie Little desde a noite em que cederam à atração proibida que sentiam. Mas agora ela está de volta, querendo consertar os erros do passado. Jodie não tinha a intenção de se envolver com ele outra vez. Porém, logo percebem que seria impossível resistir a essa paixão. Uma última noite deveria ser suficiente para saciarem o desejo. Contudo, ao ir embora, Jodie carrega muito mais do que apenas lembranças escaldantes…"


Jodie é uma dessas crianças que, a mãe aos seis anos a despacha para um internato/escola.
Ela resolve chamar a atenção da família se comportando como uma estorvada, uma leviana. Mas Jodie só quer uma família, um espaço aonde se encostar.
Seu pai se casa com uma mulher rica e poderosa, ele é egoísta e só pensa no bem estar dele.
E aos dezoito anos, morando na casa da nova mulher de seu pai, na adega da casa, Jodie e Dimos estavam despreocupados e sem envolvimentos maiores, quando Stergios filho da dona da casa e primo de Dimos, despacha o primo, toma o lugar dele, sem se preocupar que está machucando e acabando com a moral de uma jovem sem experiência.
Aos olhos dos de fora Dimos ficou como o vilão e o vilão de verdade foge, por medo e covardia.
Jodie não apontou nem para A nem B. guardou com ela a experiência.

Mas aos vinte e três anos, Jodie toma outra atitude, volta para ter uma família, mas ninguém a quer.
Recebe após a morte de sua mãe, uma grande herança e a coisa muda de figura.
Ela faz Stergios dançar a música dela, é claro, que ele “entremeia” a sua própria música também.
Os dois são duas forças da natureza e entram em choque continuamente.
É maravilhoso ver esse combate. E que vença o mais obstinado.

Ótima estória, principalmente quando Stergios descobre que Jodie está grávida...
Aí quem ler não se arrepende, é muito boa essa estória.


Depois de uma explosão de 3 estórias de grávidas pra uma leitora que simplesmente A-M-A esse gênero, é demais pro coração. Só felicidade!


Até a próxima amores. Beijinhos.

Título: Paixões Destemidas
Autor (a): Annie West/ Andie Brock/ Susanna Carr
Editora: Harlequin
Número de Páginas: 480

23 comentários:

  1. oie, eu adoro histórias de grávidas ou com bebês e crianças então apesar de não ler muitos romances Jéssica ja coloquei essa dica no caderninho do sebo kkk
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Olá!!!! Estou tentando engravidar, então me emociono muito com esse tipo de trama. Bem, a Harlequin sempre traz bons romances.... eles apostam nesse estilo e eu adoro. O pior do livro me chamou a atencao5, com certeza leria. Que bom que vc ficou Feliz! 😍

    ResponderExcluir
  3. Oi, Lari!
    É muita grávida em um livo só! rsrs...
    Fiquei curiosa com a história "Sentimentos Proibidos", apesar de ficar confusa com quem seja Dimos e como ele ficou como vilão.
    Obrigada pela dica!
    Beijão!
    http://www.lagarota.com.br/
    http://www.asmeninasqueleemlivros.com/

    ResponderExcluir
  4. OI Jessica, acho que já lia algum cisa da Annie West, mas não lembro o titulo. Gostd estes romances mais rápidos, mas cheios de paixão. Anotei as dicas e espero conferir em breve.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Oi! Nunca tinha lido nada desse gênero, mas tenho que dizer que os livros me interessaram pra caramba, em especial o primeiro! Adorei a personalidade dos dois e acho que a história deve ser muito boa!! Espero poder ler algum dia :)
    Obrigada pelas dicas de leitura :3
    Beijinhos~

    ResponderExcluir
  6. Ai, eu também sou fã de estórias de romance e que envolvam bebês... rs...
    Espero poder ler algum deles um dia.

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Eu não li nenhum desses, mas gostei bastante do primeiro, com certeza derramaria litros de lágrimas haha. Os outros eu fiquei com um pé atrás, tenho medo de cair naquela velha desculpa do cara machista que "muda" por amor, da mulher que cede por não conseguir ficar longe do cara.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Olá!
    Faz tanto tempo que não leio esse tipo de romance... Sou da época dos livros de bancas Sabrina, Julia e Bianca. Lembro-me que tinha uma belíssima coleção deles toda orgulhosa. ^^
    Não sei se me aventuraria nas obras da Editora Harlequin, acho que pra mim já deu. Mas, de qualquer forma as 3 historias aqui apresentadas parecem bem interessantes, principalmente pelo fato de focar em um único tema.
    Parabéns pela resenha
    abs
    ni
    Cia do Leitor

    ResponderExcluir
  9. Oii
    A premissa dos livros não chamou minha atenção. Acho que é toda esta história de gravidez inesperada, acho estranho pessoas que se apaixonam rápido demais. hahah
    Enfim, não é para mim.

    Vícios e Literatura

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Gosto muito de livros de banca, mas faz um tempão que não leio.
    Achei sua resenha bem bacana, a única coisa que não me agrada são 3 histórias parecidas acontecendo no mesmo livro, isso não fica confuso?
    A personagem que mais me agradou foi a Isobel.
    Vou anotar essa dica.
    Beijos ♥

    ResponderExcluir
  11. Oie!
    Nossa. história assim é só amor!
    Eu ainda não tive a oportunidade de ler esse exemplar, mas fiquei bem curiosa. Eu adoro romance de banca, pois sempre tem aquela história fofinha que adoramos.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  12. Oi, tudo bem? Já li algumas histórias com mulheres grávidas e gostei, mesmo achando que não me agradaria. Geralmente são histórias para passar um tempo e apesar de parecem até clichês, por serem tão parecidas normalmente, eu acho que valem a pena sem muitas expectativas. Ótimo post, beijos.

    ResponderExcluir
  13. Olá, Lauri

    Acho tão legal essas edições com mais de uma história. As que mais chamaram minha atenção foram a primeira e a terceira, mas principalmente a primeira, pois fiquei curiosa para saber se Imogen está mesmo doente.

    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Olá, tudo bem?
    Nossa, quantas grávidas em um livro hahaha.
    Vou te confessar que nenhuma das três histórias chamou minha atenção, pois prefiro quando o romance é gradual. Essa coisa de sentir uma paixão instantânea, que o casal mal se conhece e já tem uma atração incontrolável, já não me cativa.
    Fico feliz que tenha gostado da leitura e acho que pode agradar quem gosta desses romances, mas dessa vez vou passar a dica.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  15. Opa! Uma indicação muito boa, mais pela editora que pelo livro, pois fui conhecer ele agora! Mas amo demais essa editora e seus livros, por isso com certeza já anotei a dica e espero realizar a leitura dele em breve e gente quantas grávidas num livro só! Acho que irei me surpreender com essas três histórias! *--*

    Bjss

    ResponderExcluir
  16. OOI!
    Confesso que nunca compraria esse pelo pela capa. Me lembra muito aquelas novelas do SBT. kkkkkk Na verdade, se não tivesse lido sobre ele aqui, passaria longe e nem procuraria saber do que se tratava.
    Gostei bastante das histórias! Dica anotada!
    Beijoos!

    ResponderExcluir
  17. Olá!
    Acho que nunca li histórias com grávidas, então essa sua resenha realmente foi uma overdose hahaha Adorei poder conferir suas considerações e fiquei bem interessada em ler essas obras, principalmente por me lembrar muito novela mexicana, que amo!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  18. Oie...
    Adorei a resenha!
    A premissa é até legal, mas, não é o tipo de leitura que procuro no momento, então, prefiro passar a dica...
    Beijos

    ResponderExcluir
  19. Olá Lauri,

    Toda vez que vejo resenha sobre livros da Harlequin lembro da minha adolescência, eu amava romances de banca, mas tem muito tempo que não pego para ler nada do gênero. Fiquei bem interessada na história, acho que nunca li livros de romance com grávidas. Vou pensar em dar uma chance.

    Beijos e obrigada pela resenha
    http://floraliteraria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Oiii!!!
    Achei bem interessante você já resenhar os três livros de uma vez. Eu não conhecia essa trilogia ainda, não gostei tanto do tema que aborda, mas parecem ser boas histórias. Nunca li nada que envolvesse mulheres grávidas, vou anotar a dica. Cada livro é diferente um do outro e o que eu mais gostei foi o primeiro. Fico pensando em como ficou a relação entre a Imogen e Thierry depois da moça engravidar.
    Beijos

    ResponderExcluir
  21. Olá Jéssica, tudo bem querida?

    Nunca li o livro,mas assim como você fico comovida demais com histórias sobre gravidez, por ter um instinto materno aguçadíssimo, também acredito que um filho além de trazer uma felicidade e amor sem fim, também pode trazer as respostas certas para nossas vidas! Parabéns pela resenha, dicas mais que anotadas ;)

    Beijos ❤
    Priscilla Monteiro,
    www.facesemlivros.com

    ResponderExcluir
  22. Oi.

    Também amo histórias assim. Ainda não conhecia esses livros, ma adorei a premissa e com certeza, vou anotar o nome para ler depois.

    ResponderExcluir
  23. Oie
    não é o tipo de história que leio mas imagino que deva algo bem empolgante e interessante de ler, é muito gostoso suspirar com romances ás vezes e adorei sua resenha

    beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

É um imenso prazer receber seu comentário. Seja sempre bem-vindo aqui.