Menu

18.9.17

{O menino que vê filmes} SWEENEY TODD - O Barbeiro Demoníaco da Rua Fleet



Direção: Tim Burton
Elenco: Johnny Depp, Helena Bonham Carter, Alan Rickman, Sacha Baron Cohen, Jamie Campbel Bower, Timothy Spall, Jayne Wisener, Ed Sanders, Laura Michelle Kelly.
Sinopse: A vingança chegará para o corrupto Juiz Turpin e seu asqueroso capataz, Beadle Bamford, pois o barbeiro Benjamin Barker, afastado de suas amadas esposa e filha, exilado em um país distante, agora retorna a Londres sob a terrível figura de Sweeney Todd, o barbeiro demoníaco da Rua Fleet.

ATENÇÃO: ALERTA DE SPOILER! Se você não assistiu ao filme em questão, prossiga por sua conta e risco!

Oi gente! Quem gosta de um bom musical? Eu confesso que não está entre as minhas preferências... Só pra ilustrar, fui, incauto, ao cinema lá pelos idos de 1996, assistir ao filme do momento: Evita! Tinha Maddona no papel principal e Antônio Banderas como coadjuvante. O filme tinha tudo para ser sensacional, já que narrava um período muito peculiar da história política na Argentina. Teria sido perfeito se eu, já acomodado na sala de cinema, não descobrisse que se tratava de um musical. E dos mais chatos.

Mas nem sempre foi assim.

Decidi assistir SWEENEY TODD sabendo que era um musical. Afinal, um filme envolvendo o trio Tim Burton, Helena Bonham-Carter e Johnny Depp não podia ser algo ruim. E de fato, não foi. Muito pelo contrário! A estória da vingança do barbeiro de Londres é garantia de boas risadas, sobressaltos e uma boa dose de suspense.


Se quiserem saber uma curiosidade sobre mim, anos depois vim a tornar-me eu mesmo um barbeiro, profissão que exerço com muita paixão.

Quem me acompanha nessa aventura? Afinal, como diria o velho Sweeney, "enfim, meu braço está completo outra vez!"
"At last, my arm is complete again!"

Inspiração

O longa é uma adapção de um musical da Broadway, com letras e músicas de ar soturno e melancólico, compostas por Stephen Sondhein. 

Sweeney Todd na Broadway

Ambientação

A trama se desenrola tendo como pano de fundo a Londres da chamada Era Vitoriana. Este período ficou caracterizado por uma aristocracia luxuosa e por doenças que acometiam a população mais pobre.


Tudo no filme foi pensado para para causar certa perturbação no espectador, mas também proporcionar um deleite visual, como é de costume na obra de Tim Burton.

A cor predominante dos cenários é cinza e tudo tem uma aclimatação sombria.

A Vingança do Barbeiro

O jovem Benjamin Barker e sua família
O jovem Benjamin Barker (Johnny Depp) era um pacado barbeiro que com endereço profissional na Rua Fleet. Dedicado, Barker vivia para se devotar à sua profissão, à sua amada esposa Lucy (Laura Michelle Kelly) e sua filha Johanna Barker (Jayne Wisener).

A paz da família seria perturbada, uma vez que a beleza de Lucy Barker despertou a cobiça do corrupto Juiz Turpin, que cuidou para que Barker fosse preso e extraditado sem ter cometido crime algum, com o intuito único de ter para si o amor de Lucy.

Anos depois, Barker, que pretendia-se que tivesse morrido no exílio, retorna a Londres com uma aparência perturbadora e fantasmagórica. Ele responde agora pelo nome de Sweeney Todd.
Ao chegar em Londres, Todd estabelece uma estranha relação de parceria com a Senhora Lovett, proprietária da, segundo ela própria, "pior loja de tortas em toda Londres".


Assim começa a saga de vingaça de Sweeney Todd contra aqueles que destruíram sua vida.

O plano é tão simples quanto bizarro: Todd assassina seus inimigos enquanto os barbeia; A Sra. Lovett faz dos corpos as suas tortas, que agora, estranhamente, tornaram-se as melhores tortas da cidade.


Isso tudo, é claro, ao som de muita música!

Com Vocês, o GrandeTim Burton!


Ainda hei de dedicar uma resenha (quem sabe até a próxima) a este grande diretor que é Tim Burton.
Com um currículo recheado de clássicos, Burton tornou-se um dos símbolos da cultura pop dos tempos modernos.

Suas obras são carregadas de melancolia, escuridão, cores tristes e um quê de comédia.


Assina nada menos que a primeira adaptação de Batman para o cinema, aquele com Michael Keaton e Jack Nicholson, além de clássicos como Os Fantasmas se Divertem, A Noiva Cadáver, O Estranho Mundo de Jack, Edward Mãos de Tesoura, entre outros.

CONCLUSÃO

Sweeney Todd é um show de efeitos visuais, belas canções e um enredo surreal. Filmografia indispensável para quem é fã de Tim Burton e da Sétima Arte!
Até a próxima, pessoal!

15 comentários:

  1. Oi. :)
    Um dos meus filmes preferidos no mundo todo! <3
    Sou muito fã do Johnny Deep e do Tim Burton, então sempre que sai algo com os dois juntos eu estou assistindo.
    As músicas são lindas e sei cantá-las de trás pra frente, de tantas e tantas vezes que já assisti.
    Simplesmente um filme grandioso de um amor interrompido e eu não sei mais o que dizer rs. Simplesmente amo!
    Blog As Meninas Que Leem Livros - Lauri Brandão

    ResponderExcluir
  2. Oiiiiii

    Eu simplesmente amo esse filme.
    Além e bizarro, o ambiente, e claro os autores, e tudo bem tipico de Tim Burton.
    Como não amar. Adorei sua critica.
    Bjus Rafa

    ResponderExcluir
  3. uma excelente dobradinha nesse filme! ainda não assisti, mas fiquei curiosa
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oie...
    Adorei o post <3
    Ainda não tinha lido nehuma crítica sobre esse filme ;)
    Adorei conhecer suas impressões e como sou fã do Tim Burton vou anotar aqui para assistir mais tarde.
    Bjo

    ResponderExcluir
  5. Oi, Lucas!
    A fotografia do filme é incrível! Ainda não assisti, mas esses imagens que você colocou estão maravilhosas! Tim Burton arrasa muito!
    Beijão!
    http://www.lagarota.com.br/
    http://www.asmeninasqueleemlivros.com/

    ResponderExcluir
  6. Oiee ^^
    Lembro de quando vi esse filme! Me senti "vida loka" porque tinha uns 10 anos ou menos, e a classificação era alta...hehe' lembro que cheguei a dormir em algumas partes e não entendi muita coisa, mas foi bem marcante. Fiquei curiosa para ver outra vez, e duvido que vá dormir kkkk'
    MilkMilks ♥
    PS: nunca me esqueço a cena em que alguém encontra um dedo em uma das tortas *-*

    ResponderExcluir
  7. Já faz um bom tempo que vi esse filme, mas lembro-me de ter gostado bastante. Eu sou suspeita pois adoro os filmes de Tim Burton. Acho que o Johnny Depp deu um show de atuação. Ótima dica!

    Tatiana

    ResponderExcluir
  8. Como não amar Tim? Eu amo a ambientação e fotografia de seus trabalhos, tudo é tão unico e sensacional, pra mim é um dos melhores caras em sua area, tudo que ele faz é tremendamente recheado de arte, uma delicia! Ainda nao pude conferir mas só pelos seus comentários já sei que vou amar.

    ResponderExcluir
  9. Burton + Deep + Carter = não tem como o filme ser ruim. Eu nunca tinha me interessado pelo filme, mas meu noivo me convenceu e acabei assistindo com ele, e que filme maravilhoso! A ambientação é incrível e a trama é muito tensa. Adorei as músicas e cenários. Tudo muito lindo!
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  10. Eu não sei embaixo de que pedra eu estava morando, mas não conhecia o filme e fiquei curiosa porque via de regra, adoro os filmes do Tim Burton e acho a parceria com o Deepp, ótima.
    Valeu pela dica
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Oi, tudo bem?
    Eu acho que meu gosto é quase o oposto do seu quando o assunto é musical haha. Apesar de também não ter gostado de Evita, eu AMO musicais. No entanto, esse é um dos poucos que não despertou minha curiosidade.
    Acho que a premissa e esse tom mais sombrio e macabro não me atraem muito. Apesar de ter certeza que é muito bem feito, afinal, Tim Burton é o diretor, acho que não faz meu estilo mesmo e não tenho muita vontade de assistir.
    No entanto, fico feliz que você tenha gostado tanto.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  12. Olá,

    Nunca ouvi falar nesse livro, mas acho que isso se deve por não ser muito aficcionada por filmes. Enfim, esse filme tem um baita elenco, não assisti, porém se fosse só pelos atores eu diria que é um filme incrível.

    Beijos,
    oculoselivrosblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Olá!
    Sempre tive interesse em ver esse filme, só não sei porque ainda não o vi.
    Com esse trio, não tem como uma coisa ser realmente ruim.
    Tim Burton é um dos meus favoritos como diretores. Amo esse "tema" sombrio que ele aplica aos seus filmes. Sempre tem esse ar de melancolia. A ica já está anotada. Esse fim de semana irei ver.

    ResponderExcluir
  14. Olá, Lucas

    Eu li a crítica mesmo com o aviso de spoiler porque não tenho interesse no filme. Hehehe

    Então, eu curto bastante musicais, mas esse é fantasioso demais pra mim. As roupas, a maquiagem, o tipo de morte e o negócio das tortas... não me agrada, por isso creio que nunca assistirei. :)

    Beijocas

    ResponderExcluir
  15. Oi, tudo bem?
    Eu confesso que dificilmente vejo algum filme, menos ainda quando é um musical, então de cara não fiquei muito animada com a sua dica. No entanto, tudo que envolve o Johnny Depp me deixa um tanto curiosa, pois ele é um ator e tanto. Enfim, não é um filme que eu veria, mas gostei de saber mais sobre.

    Beijos :*

    ResponderExcluir

É um imenso prazer receber seu comentário. Seja sempre bem-vindo aqui.