Menu

3.10.17

{Resenha} Os Filhos da Tempestade


Autor: Rodrigo de Oliveira
Editora: Planeta
Páginas: 336
Classificação: 3/5
Uma aventura surpreendente, em um dos lugares mais misteriosos da terra. Um grupo de jovens deixa o Rio de Janeiro com destino aos Estados Unidos. O que seria apenas uma viagem de uma turma do conservatório de música acaba ganhando os contornos de uma tragédia: ao sobrevoar a misteriosa região do Triângulo das Bermudas, o avião é atingido por uma violenta tempestade e cai no mar.
Os sobreviventes agora se veem presos numa ilha deserta, perdendo o contato com o resto do mundo. Nesse lugar paradisíaco, habitado por uma força maligna ancestral e onde se esconde um terrível segredo envolvendo uma jovem bruxa do século XVII, os garotos precisarão lutar pela própria vida, superando grandes desafios e enfrentando seus piores medos.
Rodrigo de Oliveira, autor da saga As crônicas dos mortos, traz em Filhos da tempestade uma história repleta de ação, suspense e terror, de conflitos e descobertas, envolvendo um improvável triângulo amoroso que desafia a própria morte.
O ano é de 1697 em Salem,após uma sucessão de julgamentos a caça as bruxas em que muitas pessoas inocentes perderam suas vidas,o juiz da cidade fica com receio de mais um julgamento,o de Carol Smith.

Carol Smith aparece na pequena cidade de Salem escondia em um celeiro,maltrapilha com um bebê,e algumas galinhas mortas,logo ela é presa e acusada de bruxaria. Com receio do que esse julgamento pode acarretar a cidade o juiz a envia para Roma em um navio cargueiro.

Uma viagem que era pra ser tranquila apesar de longa não sai como planejado pelo Capitão,Carol é mantida em uma cela no porão do navio e um marinheiro é designado a cuidar da prisioneira. Com uma carinha de anjo Carol seduz o marinheiro e faz um sacrifício em prol de sua liberdade provocando um pandemônio criando assim o famoso Triangulo das Bermudas,e como castigo por não ter cumprido com sacrifício de uma criança em Salém ela é enviada pelo "mestre" a uma ilha amaldiçoada.

Mais de trezentos anos se passam,um grupo de jovens de um conservatório partem para uma apresentação nos EUA,mas no meio do caminho são pegos de surpresa por uma tempestade que os jogam direto no meio do Triangulo das Bermudas,alguns sobrevivem,somente aqueles menores de 18 anos,e vão parar em uma ilha deserta e misteriosa,os dias vão passando e todos já perderam as esperanças de voltarem para casa,e um dia eis que surge um morador Juan na ilha que anos atrás passou pela mesma situação que esse grupo de jovens,apesar do modo turbulento com que se conheceram eles acabam se entendendo e Juan os ajuda na adaptação e conta como foi parar na ilha na época com outro grupo de pessoas e como só ele conseguiu sobreviver a tantos anos nessa ilha.

O Tempo vai passando e coisas estranhas começam a acontecer,e após esse ocorrido o grupo foi divido em que acabaram se tornando grupos rivais com altos e baixos,mas apesar de algumas coisas que acabaram acontecendo eles passaram a amar seu novo lar,com o passar dos anos mais jovens aparecem na ilha,sempre da mesma maneira e uma jovem,muda completamente os pensamentos e crenças de algumas pessoas e que acaba se tornando uma pessoa bem importante pro desfecho desse primeiro livro.

Eu sei,eu sei..demorei muuuitooo a fazer essa resenha,mas infelizmente esse livro não me pegou da maneira que eu pensei, AMO livros do gênero de fantasia mas penei e foi uma chatice sem fim,o começo achei bem bacana,bruxas,julgamentos em Salém e tal,mas chegou na parte "atual" a coisa desandou de uma maneira absurda,além dos capítulos longos demais,o que acabou me cansando um pouco.

O autor tinha tudo nas mãos pra fazer uma estória legal e cativante mas ele enrolou demais e no final deu aquela acelerada,gostei do final,confesso que nas últimas páginas ele atraiu minha atenção e realmente não esperava aquele desfecho que deu margem para um próximo livro,espero que esse segundo livro seja bem melhor que o primeiro.

1 comentários:

  1. o livro tem uma boa proposta, mas não é uma premissa que me atraia
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

É um imenso prazer receber seu comentário. Seja sempre bem-vindo aqui.