Menu

6.10.17

{Sorteio} Filha das Trevas



Estão gostando dos sorteios aqui do blog? Espero que sim, pois adoro toda essa interação!


Para comemorar Outubro, o mês das bruxas, do Halloween, do mundo mágico das Trevas (hehe), decidi sortear o livro Filha das Trevas, da autora Kiersten White! Livro lindo lançado pela Plataforma21, que eu desejei assim que eu vi! 

Filha das Trevas

Saga da Conquistadora #1


Ninguém espera que uma princesa seja brutal
Lada Dragwlya e o irmão mais novo, Radu, foram arrancados de seu lar em Valáquia e abandonados pelo pai – o famigerado Vlad Dracul – para crescer na corte otomana. Desde então, Lada aprendeu que a chave para a sobrevivência é não seguir as regras. E, com uma espada invisível ameaçando os irmãos a cada passo, eles são obrigados a agir como peças de um jogo: a mesma linhagem que os torna nobres também os torna alvo.
Lada despreza os otomanos. Em silêncio, planeja o retorno a Valáquia para reclamar aquilo que é seu. Radu, por outro lado, quer apenas se sentir seguro, seja onde for. E quando eles conhecem Mehmed, o audacioso e solitário filho do sultão, Radu acredita ter encontrado uma amizade verdadeira – e Lada vislumbra alguém que, por fim, parece merecedor de sua devoção.
Mas Mehmed é herdeiro do mesmo império contra o qual Lada jurou vingança – e que Radu tomou como lar. Juntos, Lada, Radu e Mehmed formam um tóxico e inebriante triângulo que tensiona ao limite os laços do amor e da lealdade.
Sombrio e devastador, este é o primeiro livro da mais nova série de Kiersten White. Cabeças vão rolar, corpos serão empalados… e corações serão partidos.
Todos conhecem os vários mitos de Vlad Dracul e seus empalamentos, bem como seu mito vampírico, né? Então espero que esta história seja tão fascinante para vocês quando os mitos romenos!!!

Mas vamos lá, vamos aos requisitos de participação do sorteio!


~ Curtir a página do Facebook do blog: As meninas que leem livros
~ Curtir e Compartilhar este post em modo público:
~ Seguir o blog via Google Friend Connect (fica no menu lateral do blog!): http://www.asmeninasqueleemlivros.com/ e postar um print nos comentários do post do Facebook; 
~ Marcar dois amigos nos comentários do post, que você sabe que irão gostar desse livro tanto quanto você!
~ Clicar em "Quero Participar" no link do sorteio: Link
~ Residir em terrítório nacional brasileiro;

Não nos responsabilizamos por eventuais problemas com a entrega dos Correios! A pessoa que ganhar terá 3 dias após a realização do sorteio para entrar em contato conosco no e-mail asmeninasqueleemlivros@gmail.com informando o endereço de envio de seu prêmio! O mesmo será enviado em até uma semana após o contato do ganhador.

Animados? 

Sabia que sim! Para deixá-los ainda mais no ritmo, vamos de música para embalar o mês: Spotify


5.10.17

{Resenha} Quando é inverno em nosso coração



Título: Quando é Inverno em nosso coração
Autor: Américo Simões / Pelo espírito de Clara
Editora: Petit
Sinopse: Clara e Amanda são irmãs que cresceram num lar europeu, do final do século 19, quando os casamentos ainda eram arranjados pelos pais. Clara é apaixonada por Raymond, o jardineiro da família. Por ser a filha mais velha, se vê obrigada a se casar com o rico Raphael. Porém, às vésperas de suas bodas é acometida por uma doença desconhecida que a deixa à beira da morte. Para não interromper o acordo entre as famílias, Amanda se casa no lugar da irmã. Mas a troca das noivas não é bem recebida por Raphael, já que havia se apaixonado por Clara. O rapaz não supera a decisão, alheia à sua vontade, e passa a desconfiar de que a doença repentina da jovem é puro fingimento para evitar o matrimônio. Essa paixão não correspondida e um segredo inviolável marcarão para sempre a vida da jovem Clara e de todos que a rodeiam.

Esse livro eu enrolei mesmo para ler, por uma série de motivos. O primeiro deles é que as páginas não são confortáveis para os olhos, são muito brancas, quase transparentes, e doloridas para ler, sinceramente.

Em segundo porque, livros espíritas são muito, muito interessantes, mas sempre tem que nos lembrar que estamos lendo um livro espírita (risos).

Bom, a história se passa no final do século XIX, nos apresenta as duas irmãs, Clara e Amanda, seu pai Ernest, e Raymond, o jardineiro. Todos vivem na casa da família do pai, Ernest, chamada de Recanto dos Pássaros.

Apesar de Amanda ser a irmã mais nova, desenvolveu um senso maternal por Clara, sempre tentando protege-la de tudo.

Clara e Raymond vivem uma paixão secreta, que não dura muito, nessa época ainda era moda os casamentos arranjados, ainda mais entre as famílias ricas para protegerem seu dinheiro.

Clara então, é prometida para Raphael Monie. A família Monie conseguiu suas riquezas através da agiotagem, cobrando juros impossíveis a cada empréstimo.

Raphael se apaixona a primeira vista por Clara, sua beleza é pura e radiante aos olhos do cavalheiro.
Mas temos um problema, Clara é apaixonada por Raymond, um rapaz pobre “sem eira nem beira”, e quem desenvolve sentimentos por Raphael acaba sendo Amanda.

Ainda que as irmãs tentassem fazer o pai mudar de ideia, o casamento aconteceria, elas querendo ou não. Só que, pouco antes do casamento, uma doença misteriosa afeta Clara, deixando-a a beira da morte.

Para não arranjar problemas com a família Monie, Ernest decide casar Amanda com Raphael, ainda que contra gosto. O pai da família Monie aceita e Raphael se casa com Amanda.

Surpreendentemente Clara melhora rapidamente após o casamento da irmã, isso irrita Raphael, que tanto a amava, como pode ela fingir uma doença para não se casar com ele? Um ódio cresce dentro dele, o faz fazer algo terrível com Clara, ainda mais após descobrir que ela preferia se casar com um pobre como Raymond.

A partir desses acontecimentos, novos acontecem, novos personagens nos são apresentados, observamos muitas escolhas por parte de Clara, que por mim, muitas delas são sem nexo (risos).

Livros espíritas quase sempre contam uma biografia de um determinado “espírito” que quis sua vida psicografada. Então sempre teremos uma vida toda de uma personagem para ler, além de muitos e muitos personagens e ensinamentos sobre a filosofia dessa religião.

Minha família quase toda é espirita, por um tempo tentei seguir o espiritismo, mas não sou fã de suas crenças, como o fato de dizerem que já planejamos nossa vida antes de nascer, ou quando minha mãe diz que uma pessoa esquizofrênica está na verdade sendo obsediada por espíritos ruins. Mas cada um com suas crenças.

Particularmente, os livros espíritas me agradam muito, a história por trás das personagens que trazem sempre me prendem, são divertidos e quase sempre muito atraentes. Vale lembrar sempre que esses livros tem um padrão, os personagens enfrentam muitos problemas com si mesmos, até que do nada encontram alguém que seguem o espiritismo que mostra a solução de tudo. Ainda sim, vale a pena dar uma chance a esses livros.

“Quando é inverno em nosso coração”, me atraiu no começo, depois fui começando a enjoar, mas logo recomeçou a me prender, a minha experiência com ele foi essa montanha-russa. Mas foi muito bom ver como cada personagem foi amadurecendo e se modificando, seja pela ajuda que a religião deu a eles ou pela ajuda de outros personagens.

4.10.17

{Resenha} Em Busca do (Amor) Prato Perfeito


Oie amores. C-H-E-G-U-E-I!


Confere aí a resenha do livro do nosso parceiro Igor Feijó, que é de dar água na boca.
Bora lá!


Sinopse:


“Já parou alguma vez e se perguntou o que os homens tem em comum com pratos de comida, temperos e especiarias?
Esse é o modo que Giovanna enxerga as etapas de uma conquista, o percurso de um envolvimento e uma finalização de cair o queixo.
Preservem seus paladares, sintam o aroma que invade suas narinas, degustem com um toque de leveza para que assim não percam nada em seu processo. A comida não é só um alimento bonito, não é só algo que serve ao nosso propósito de saciamento.
Comida, meus caros, é um pedaço da vida.”

Resenha

Giovanna é nossa personagem principal (com nome e descendência italiana) vindo da Itália para o Brasil com o sonho de ser uma grande chefe. Seu restaurante se chama Toscana's e faz sucesso com uma clientela fiel e tem uma melhor amiga chamada Alessandra.

Giovanna trabalha pra valer, mas se diverte também como qualquer mortal, mas sem ter ninguém fixo.
Até que surge uma “pimenta” no molho __ Fernando __ o cara é fera na cozinha, canta e toca violão. Diríamos que Fernando é um prato com sabores equilibrado, capiche?
Ambos respiram e transpiram receitas, condimentos e iguarias tiradas do forno.
Até a camisola da Giovanna é de estampa de cupcakes.
Até seus xingamentos são expressões degustáveis!
Quando tem uma folga, faz receitas em seu inseparável caderninho.


Fernando e Giovanna são condimentos compatíveis de um molho, mas algo não convidada vai “azedar” tudo.
Será possível fazer outra receita? Acrescenta leite ou joga no ralo?
Vai ao mercado ou deixa pra lá?

É um livro sem muitas pretensões, sem arrepios e nem tira o fôlego.
Já que seu autor mistura todos os assuntos com ingredientes e sabores (incluindo o título) eu diria que o livro como romance, ficou em fogo brando.
Mas em contrapartida a degustação mental chega a mil, salivando.
Como já frisei, o “recheio” desse livro são açucares, cheiros, temperos de dar água na boca.
Aos apreciadores do romance esse livro é um gostoso P.F. (prato feito), em compensação os amantes da culinária, tem nesse livro um sofisticado self-service.

A diagramação do livro está excepcional. Amei!


Adorei ter em mente como seria Giovanna, e ficou lindo demais essa diagramação.




Por hoje é só amores. Até a próxima. Tchau!


Título: Em Busca do (Amor) Prato Perfeito
Autor (a): Igor Feijó
Número de Páginas: 106

3.10.17

{Resenha} Os Filhos da Tempestade


Autor: Rodrigo de Oliveira
Editora: Planeta
Páginas: 336
Classificação: 3/5
Uma aventura surpreendente, em um dos lugares mais misteriosos da terra. Um grupo de jovens deixa o Rio de Janeiro com destino aos Estados Unidos. O que seria apenas uma viagem de uma turma do conservatório de música acaba ganhando os contornos de uma tragédia: ao sobrevoar a misteriosa região do Triângulo das Bermudas, o avião é atingido por uma violenta tempestade e cai no mar.
Os sobreviventes agora se veem presos numa ilha deserta, perdendo o contato com o resto do mundo. Nesse lugar paradisíaco, habitado por uma força maligna ancestral e onde se esconde um terrível segredo envolvendo uma jovem bruxa do século XVII, os garotos precisarão lutar pela própria vida, superando grandes desafios e enfrentando seus piores medos.
Rodrigo de Oliveira, autor da saga As crônicas dos mortos, traz em Filhos da tempestade uma história repleta de ação, suspense e terror, de conflitos e descobertas, envolvendo um improvável triângulo amoroso que desafia a própria morte.
O ano é de 1697 em Salem,após uma sucessão de julgamentos a caça as bruxas em que muitas pessoas inocentes perderam suas vidas,o juiz da cidade fica com receio de mais um julgamento,o de Carol Smith.

Carol Smith aparece na pequena cidade de Salem escondia em um celeiro,maltrapilha com um bebê,e algumas galinhas mortas,logo ela é presa e acusada de bruxaria. Com receio do que esse julgamento pode acarretar a cidade o juiz a envia para Roma em um navio cargueiro.

Uma viagem que era pra ser tranquila apesar de longa não sai como planejado pelo Capitão,Carol é mantida em uma cela no porão do navio e um marinheiro é designado a cuidar da prisioneira. Com uma carinha de anjo Carol seduz o marinheiro e faz um sacrifício em prol de sua liberdade provocando um pandemônio criando assim o famoso Triangulo das Bermudas,e como castigo por não ter cumprido com sacrifício de uma criança em Salém ela é enviada pelo "mestre" a uma ilha amaldiçoada.

Mais de trezentos anos se passam,um grupo de jovens de um conservatório partem para uma apresentação nos EUA,mas no meio do caminho são pegos de surpresa por uma tempestade que os jogam direto no meio do Triangulo das Bermudas,alguns sobrevivem,somente aqueles menores de 18 anos,e vão parar em uma ilha deserta e misteriosa,os dias vão passando e todos já perderam as esperanças de voltarem para casa,e um dia eis que surge um morador Juan na ilha que anos atrás passou pela mesma situação que esse grupo de jovens,apesar do modo turbulento com que se conheceram eles acabam se entendendo e Juan os ajuda na adaptação e conta como foi parar na ilha na época com outro grupo de pessoas e como só ele conseguiu sobreviver a tantos anos nessa ilha.

O Tempo vai passando e coisas estranhas começam a acontecer,e após esse ocorrido o grupo foi divido em que acabaram se tornando grupos rivais com altos e baixos,mas apesar de algumas coisas que acabaram acontecendo eles passaram a amar seu novo lar,com o passar dos anos mais jovens aparecem na ilha,sempre da mesma maneira e uma jovem,muda completamente os pensamentos e crenças de algumas pessoas e que acaba se tornando uma pessoa bem importante pro desfecho desse primeiro livro.

Eu sei,eu sei..demorei muuuitooo a fazer essa resenha,mas infelizmente esse livro não me pegou da maneira que eu pensei, AMO livros do gênero de fantasia mas penei e foi uma chatice sem fim,o começo achei bem bacana,bruxas,julgamentos em Salém e tal,mas chegou na parte "atual" a coisa desandou de uma maneira absurda,além dos capítulos longos demais,o que acabou me cansando um pouco.

O autor tinha tudo nas mãos pra fazer uma estória legal e cativante mas ele enrolou demais e no final deu aquela acelerada,gostei do final,confesso que nas últimas páginas ele atraiu minha atenção e realmente não esperava aquele desfecho que deu margem para um próximo livro,espero que esse segundo livro seja bem melhor que o primeiro.

2.10.17

{O menino que vê filmes} Grandes nomes do cinema: Tim Burton



ATENÇÃO: ALERTA DE SPOILER! Este post contém refências a várias obras do diretor em questão.

Oi gente! Hoje vamos homenagear este grande nome do cinema, Tim Burton!

Dono de um estilo peculiar e uma filmografia apaixonante, Burton começou sua carreira com curtas-metragens que chamaram a atenção dos estúdios Disney.

Fã dos grandes clássicos do terror mundial, Burton aliou tramas sombrias com seu senso de humor único, criando verdadeiras pérolas do cinema mundial.

Com vocês, o fabuloso TIM BURTON!

UM POUCO DA HISTÓRIA

Nascido Timothy Willian Burton, Tim sempre mostrou certa inquietação frente à vida doméstica e principalmente à escola.

Desde cedo, despertou paixão pela Sétima Arte, tendo sido contratado, após o colegial, pela Walt Disney Pictures, como assistente de animação.

Fã de filmes de terror, Burton sempre teve predileção por tramas sombrias onde pudesse explorar o lado assustador dos personagens.

Após ter produzido um curta animado (Vincent) e um live-action (João e Maria), Burton dirigiu Frankenweenie, um curta que contava a saga de um cãozinho que, morto em um atropelamento, é trazido de volta à vida graças a um método parecido com o utilizado na estória de Frankenstein. A Disney Pictures considerou Frankenweenie deveras sombrio, e acabou por demitir Burton.


Porém, Burton alcançou reconhecimento fazendo o que sabia fazer de melhor: conciliando seu gosto pelo terror com a habilidade para a comédia. Dessa mistura resultou o espetacular BEETLEJUICE (no Brasil, Os Fantasmas Se Divertem), que tornou o diretor mundialmente conhecido.

PARCERIAS DURADOURAS

É notório que Burton tenha, desde sempre, demonstrado predileção pela atuação de Johnny Depp, Helena Bonham-Carter e pelas trilhas sonoras criadas por Danny Elfman.

Danny Elfman, ex-lider da banda Oingo Boigo, é o gênio criativo por trás dos clássicos de Tim Burton 

A dupla Depp e Bonham-Carter estrelaram, juntos, 8 dos filmes dirigidos por Burton.

Tim Burton, inclusive, manteve um relacionamento com Helena Bonham-Carter de 2001 a 2014, tendo com ela 2 filhos.

FILMOGRAFIA PRINCIPAL

A filmografia completa de Tim Burton você pode conferir aqui.

Porém, como admirador que sou, fiz um apanhado dos filmes do diretor que eu mais aprecio, a saber:

OS FANTASMAS SE DIVERTEM

(Beetlejuice, 1988)


Você morreu e está com dificuldades de se adaptar à sua nova "vida"? Simples! Basta chamar três vezes pelo Beetlejuice e seus problemas estarão resolvidos! Ou não...

BATMAN

(BATMAN, 1989)

A primeira e mais estrondosa adaptação das histórias do Cavaleiro de Gotham para o cinema. Me lembro bem da febre com todo o burburinho sobre o lançamento do filme em 92. O marketing gigantesco ganhou até um apelido: Batmania. O filme foi marcado pela sensacional interpretação de Jack Nicholson como o Coringa, bem como pela questionável atuação de Michael Keaton no traje do morcego. Um marco, de qualquer forma.

EDWARD MÃOS DE TESOURA

(Edward Scissorhands, 1990)


Um conto de fadas sombrio baseado na obra de Caroline Thompson, o longa reúne elementos de clássicos da literatura como Pinóquio e Frankenstein.

O filme, que marca a estréia de Johnny Depp como queridinho de Burton até os dias de hoje, é simplesmente encantador!

O ESTRANHO MUNDO DE JACK

(The Nightmare Before Christmas, 1993)


Uma viagem ao mundo de sonhos da Terra do Haloween na companhia de Jack Skellington, o Rei das Abóboras!

MARTE ATACA!

(Mars Attacks!, 1996)


Marcianos estão chegando. Querem nosso planeta. E vão eliminar todo mundo da forma mais divertida possível!

A LENDA DO CAVALEIRO SEM CABEÇA

(Sleepy Hollow, 1999)


Conta a lenda que a floresta de Sleepy Hollow abriga o espírito vingador de um ex-combatente que sai durante as noites a procura de sua cabeça. Enquanto isso, o investigador Ichabod Crane vem de Nova York para investigar uma série de assassinatos naquele vilarejo.

PEIXE GRANDE E SUAS HISTÓRIAS MARAVILHOSAS

(Big Fish, 2003)


A vida de Edward Bloom está recheada de histórias fantásticas. Excelente filme baseado no romance de Daniel Wallace.

A FANTÁSTICA FÁBRICA DE CHOCOLATE

(Charlie And The Chocolate Factory, 2005)


Remake do clássico de 1971, este longa traz mais uma vez Johnny Depp no papel de Willy Wonka, o carismático e misterioso proprietário da mágica Fábrica de Chocolates...

A NOIVA CADÁVER

(Bride Corpse, 2005)


Mais uma vez Tim Burton mostra todo seu fascínio pelo mundo dos mortos com essa encantadora fábula.

SWEENEY TODD

O BARBEIRO DEMONÍACO DA RUA FLEET
(Sweeney Todd, 2007)


A saga de vingança do barbeiro londrino pode ser conferida na minha última resenha clicando aqui!

ALICE NO PAÍS DAS MARAVILHAS

(Alice in Wnderland)


Tim Burton revisita esse clássico da literatura mundial, mais uma vez contando com a luxuosa parceria de Johnny Depp, como o Chapeleiro Maluco, e Helena Bonham-Carter, como a impagável Rainha de Copas.

ABRAHAM LINCOLN

CAÇADOR DE VAMPIROS
(Abraham Lincoln
Vampire Hunter, 2012)


Não entendi muito bem a proposta desse filme. Fiquei imaginando os produtores tentando angariar investimentos com a idéia maluca de um famoso ex-presidente americano caçando vampiros no passado. Mas no final acabou sendo um entretenimento bem bacana. Coisas de Tim Burton...

O LAR DAS CRIANÇAS PECULIARES 

(Miss Peregrine's Home For Peculiar Children, 2016)


Um dos filmes mais esperados e sensacionais de 2016! Baseado na obra de Ransom Riggs, a estória ainda conta com duas sequências (A Biblioteca de Almas e A Cidade dos Etéreos), ainda sem notícia de adaptação para o cinema.

CONCLUSÃO

Pra quem gosta de uma atmosfera de terror, sustos e uma boa dose de comédia, Tim Burton é uma excelente indicação!

Até a próxima, pessoal!