Menu

22.5.18

{Resenha} Histórias Extraordinárias - Edgar Allan Poe

Oie amores.
C-H-E-G-U-E-I!


Hoje trago para vocês algo bem diferente do que costumo ler, mas que foi incrível conhecer algumas das obras desse autor. Bora conferir a resenha!


*livro cedido pela editora

Sinopse:


“A edição ilustrada inclui textos de Charles Baudelaire, Jorge Luis Borges e Julio Cortázar, que reverenciam o estilo hipnotizante do escritor mais sombrio de todos os tempos.

Histórias extraordinárias reúne dezoito contos assombrosos de Edgar Allan Poe, com seleção, apresentação e tradução do poeta José Paulo Paes. Este livro traz, entre outras obras-primas do mestre do suspense e do mistério, “A carta roubada”, “O gato preto”, “O escaravelho de ouro”, “O poço e o pêndulo” e “O homem da multidão”.

O caráter macabro das histórias, dotadas de profundidade psicológica e imersas em uma atmosfera eletrizante, continua a conquistar novos leitores e a afirmar sua condição de clássico. Nas palavras de Paes, “Poe sempre consegue […] provocar-nos aquele arrepio de morte ou aquela impressão de vida que, em literatura, constituem o melhor, senão o único, passaporte para a imortalidade”.”

Resenha

Histórias Extraordinárias foi a minha primeira vez com o autor Edgar Allan Poe, e eu realmente me surpreendi e entendi do porque ele é tão aclamado.
O autor é bem detalhista em suas estórias, levando a imaginação do leitor até o lugar citado e eu como medrosa que sou não tive coragem de ler nenhum à noite rs.
É realmente rico em detalhes e isso sempre me deixa irritada na maioria das vezes, porque a leitura pra mim sempre ficava cansativa. Mas os contos de Allan Poe não se podem definir com essa palavra. Prefiro dizer que seus contos são profundos e eletrizantes.
Acho que encontrei mais um gênero literário para entrar pra lista de melhores.

A Companhia das Letras reuniu algum dos melhores contos do autor, contado em primeira pessoa, nos dando belas ilustrações, fonte de bom tamanho que não atrapalham a leitura seja de dia ou noite e o que mais chama a atenção: o livro é capa dura! É realmente a coisa mais linda. Dá todo aquele ar sombrio e misterioso que os contos de Poe nos reserva.
Ficou realmente uma diagramação fantástica! Parabéns!

Os contos que mais gostei foram: O Escaravelho de Ouro, A Carta Roubada, O Caixão Quadrangular, O Gato Preto e O Coração Delator.
Os contos foram escritos no ano de 1800, então diferencia bastante.
Essa foi realmente uma leitura e tanto. Andei pesquisando e vi que não tem um livro com todas as obras de Poe, o que deixa muitos de seus leitores chateados, mas esses dezoito contos já é um bom começo, pois foram reunidos os clássicos mais famosos do autor.

Eu particularmente nunca me imaginaria lendo algo assim, mesmo porque não é e nunca foi o meu gênero favorito e nem mesmo escolha de próxima leitura, mas fui surpreendida e aquele medinho de ler a noite foi embora quando li o primeiro conto.
A maioria pra ser bem sincera, é mais intrigante e misterioso do que assustador. E isso foi até mesmo um ponto chave pra continuar a leitura, sou muito medrosa (como citei mais acima) e ficaria impressionada se fosse algo realmente macabro e horripilante.
Não li o livro com expectativas, pois foi minha primeira impressão desse gênero, mas posso afirmar que gostei muito.
Pra quem ama e curte esse gênero, esses dezoito contos são uma boa pedida.



Livro de capa dura, com um acabamento primoroso.




Em cada conto, se tem a gravura relacionada com o título.



Simplesmente encantada com a diagramação e adorei conhecer um pouco mais as obras de Poe.
Por hoje é só amores.
Até a próxima. Tchau!



Título: Histórias Extraordinárias
Autor (a): Edgar Allan Poe
Editora: Companhia das Letras
Número de Páginas: 448

1 comentários:

  1. que luxo essas fotos! muito legal o enredo em si da história
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

É um imenso prazer receber seu comentário. Seja sempre bem-vindo aqui.