Menu

22.10.18

{Resenha} Declarar (Espiral do Desejo #3) - Nina Lane


Oie amores. C-H-E-G-U-E-I!


 Confere aí o desfecho do Dean e Liv, casal que realmente se ama e luta pelo casamento. Nina Lane está realmente de parabéns.


*livro cedido pela editora

Sinopse:

“O livro que encerra a trilogia apaixonante de Nina Lane.

O casamento de Dean e Olivia West sobreviveu a segredos, desilusões e uma tragédia devastadora, persistindo mais forte do que nunca apesar das mais inimagináveis ameaças, até que uma simples mentira inventada por uma pessoa cruel e vingativa se mostra capaz de colocar tudo a perder.

Separado de seu lar pelo oceano Atlântico, Dean comanda uma escavação na Itália enquanto luta para salvar sua vida profissional. Mas a distância de sua esposa e do mundo à parte que construíram juntos é mais difícil do que ele imagina, principalmente quando ele descobre que Liv está passando por uma crise vinda do passado – um passado terrível do qual ele sempre tentou salvá-la... Mais forte e confiante do que nunca, Liv está determinada a andar com as próprias pernas e, acima de tudo, defender seu marido daqueles que desejam derrubá-lo. Mas a visita inesperada de sua mãe traz à tona uma série de questões mal resolvidas que a assombram há anos.

No último e mais explosivo volume de Espiral do Desejo, Dean e Liv terão que superar os obstáculos mais difíceis de suas vidas enquanto respondem à clássica pergunta: há, afinal, força maior do que a de um grande amor?”

Resenha

O último livro finalmente chegou. Os dois primeiros livros são ma-ra-vi-lho-sos!
Declarar nos traz de “herança” alguns traumas e problemas, como um assedio que nunca existiu, na cabeça desajustada de Maggie e o afastamento provisório de Dean para bem longe. Sendo uma estratégia da Universidade, dá um tempo para que algo aconteça a favor do Prof. Dean, que é inocente.

Dean e Liv estão separados por um oceano, só matando a saudades por telefone.
Ele escavando e encontrando relíquias, ela tentando andar com as próprias pernas, sua verdadeira terapia e sem pagar.
Mas Dean consegue uma licença de dez dias e então matam a saudade desesperadora.

Mas todo paraíso não tem só uma serpente desestabilizando tudo – a mãe de Liv que ela não vê a mais de dez anos; – Dean luta contra a serpente loura, incriminando-o com o caso de assedio.
O crescimento de Liv sem seu amor é notável nesse livro, passamos a conhecer mais sobre o passado e do porque Liv ser a mulher que é hoje.
Dean não suporta a mãe de Liv. Por qual motivo?
Liv vai ficar com ela? Será que a mãe descobriu alguma coisa que a interesse?



Parabéns a Nina Lane, pelo tema abordado tão real e tão corriqueiro em nosso dias.
Dean é o personagem mais romântico que tive o prazer de curtir nessa leitura. E Liv também como Dean é romântica, inventiva, marota e por causa desse amor se torna uma pessoa centrada quando diz: " Meu marido e eu sempre vamos ser duas pessoas vivendo uma vida de perfeição imperfeita".
É um tema de difícil analise, onde a parte mais lesada é a mulher, quer ela seja vitima ou uma vagabunda como a Maggie, fica sempre marcada.
Com um final digno para o casal apaixonado.




Por hoje é só amores.
Até a próxima. 
Tchau!


Título: Declarar (Espiral do Desejo #3)  
Autor (a): Nina Lane
Editora: Paralela
Número de Páginas: 320

Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

É um imenso prazer receber seu comentário. Seja sempre bem-vindo aqui.