Menu

2.10.18

{Resenha} Sonata em Punk Rock

Autora: Babi Dewett
Editora: Gutemberg
Sinopse: Por que alguém escolheria uma orquestra se pode ter uma banda de rock? Essa sempre foi a dúvida de Valentina Gontcharov. Entre o trabalho como gerente do mercado do bairro e as tarefas de casa, o sonho de viver de música estava, aos poucos, ficando em segundo plano. Até que, ao descobrir que tem ouvido absoluto e ser aceita na Academia Margareth Vilela, o conservatório de música mais famoso do país, a garota tem a chance de seguir uma nova vida na conhecida Cidade da Música, o lugar capaz de realizar todos os seus sonhos. No conservatório, Tim, como prefere ser chamada, terá que superar seus medos e inseguranças e provar a si mesma do que é capaz, mesmo que isso signifique dominar o tão assustador piano e abraçar de vez o seu lado de musicista clássica. Só que, para dificultar ainda mais as coisas, o arrogante e talentoso Kim cruza seu caminho de uma forma que é impossível ignorar. Em um universo completamente diferente do que estava acostumada, repleto de notas, arpejos, partituras, instrumentos e disciplina, Valentina irá mostrar ao certinho Kim que não é só ele que está precisando de um pouco de rock and roll, mas sim toda a Cidade da Música.

Valentina Gontcharov nunca conheceu o pai até ele aparecer como um passe de mágica em sua vida querendo bancar seus estudos na Academia Margareth Vilela. Academia essa que ela foi aceita, mas que não poderia pagar pelos estudos de música que tanto ama. Engolindo o orgulho e correndo atrás de seu sonho de viver da música, Valentina aceita o dinheiro do pai e se muda para a academia.

Ela já imaginava que nada seria fácil, pois o mundo do qual a academia é inserida é totalmente diferente da vida modesta da qual vivia com a mãe, além dela ser uma garota do punk rock. Como ela poderia conviver bem com tanta música clássica ao seu redor? No entanto, em uma das disciplinas ela deve escolher um instrumento no qual deseja se formar. Valentina escolhe o piano, o instrumento do qual o garoto mais popular e mais talentoso da escola toca. Será que vai existir uma conexão aí?


A capa é maravilhosa e remete bem o que a história quer passar. A narração é feita em terceira pessoa com visão tanto de Valentina quanto de Kim. Porém, no mesmo capítulo a autora misturava as visões dos dois personagens e com isso eu me sentia meio perdida.

Sonata em Puck Rock é um livro totalmente voltado para o público adolescente, apesar dos personagens serem maiores de 18 anos. Essa fase já passou para mim e não tenho muita paciência com os dramas bobos que foram abordados aqui. Além do protagonista da história ser bem babaca com Valentina sem nenhum motivo aparente. Parece aquela coisa que acontece muito no ensino fundamental: quando você gosta de alguém, você deve maltrata-la. Isso nunca fez sentido para mim, mas acontece muito na vida real.

Outro ponto que não me agradou foram os momentos desnecessários na história e as longas narrativas. O livro acabou ficando bem cansativo para mim e até mesmo repetitivo. Não me senti conectada com os personagens também. Valentina, que tem todo um estilo e atitude, acaba se perdendo nos dramas adolescentes e se deixando levar por uma paixão bem sem graça.

O único lado positivo de toda a história para mim foi a escrita da Babi Dewet, mas infelizmente isso não foi suficiente para me fazer gostar do livro. Não tenho pretensão de ler os outros livros que virão da série, mas deixo aqui a minha indicação para quem gosta de livros young adults. Se não funcionou para mim, pode muito bem funcionar para você.




Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

É um imenso prazer receber seu comentário. Seja sempre bem-vindo aqui.