Menu

23.2.18

{Resenha} O casal que mora ao lado


Autor: Shari Lapena
Editora: Record
Ano: 2017
Sinopse: Sua vizinha convida você para um jantar, mas pede que não leve sua filha. Ela não suporta bebês. É uma noite para adultos.
Seu marido diz que, apesar de a babá ter avisado na última hora que não viria, vocês ainda podem deixar a menina em casa. Afinal, estarão logo ali do lado, com a babá eletrônica.Sua filha simplesmente desaparece no meio da noite. E sua vida se torna um pesadelo.

O drama de Anne e Marco Conti começa quando são convidados para jantar com um casal vizinho. Era o aniversário de Graham Stilwell e sua mulher, Cynthia, resolveu fazer um jantar apenas para os quatro, o que excluía a bebê Cora, de seis meses.

Sempre que precisavam sair, Anne e Marco deixavam Cora com uma babá, Katerina, mas ela cancelou em cima da hora devido à morte de sua avó, e o casal não teve tempo de arrumar outra pessoa para cuidar da filha. Que mal teria em deixá-la dormindo, com a babá eletrônica, que os avisaria caso qualquer coisa acontecesse? Além disso, eles iriam vê-la de meia em meia hora, afinal, estavam apenas na porta ao lado.

Anne sofria de depressão pós-parto e vivia se questionando se era uma boa mãe, boa esposa, e apesar de todo o cuidado que tomaram, Cora desapareceu no meio da noite e ela se sentia ainda mais culpada por tê-la deixado sozinha em casa. Marco havia passado a noite toda flertando com Cynthia, e sua autoestima não colaborou muito para ajudá-la a se sentir melhor.

“Quem vai a um jantar na casa dos vizinhos e deixa a filha sozinha em casa? Que tipo de mãe faz uma coisa dessas? Ela sente aquela agonia familiar se aproximando: não sou uma boa mãe.”

Rasbach, o policial responsável pela investigação sabe que sequestros de crianças são sempre difíceis, e raramente terminam bem. Para descobrir o que aconteceu, ele vai precisar pressionar o casal, mesmo sabendo que ambos se encontram angustiados e nervosos o suficiente.

Durante a investigação, Rasbach descobre que os pais de Anne são muito ricos, com alguns milhões na conta, e percebe que talvez esse dinheiro tenha alguma relação com o sequestro da neta, e os dois parecem não medir esforços para recuperá-la, se dispondo a pagar qualquer que seja o resgate pedido.

Com o desenrolar do enredo, vamos descobrindo que todos os personagens escondem segredos, e todos parecem suspeitos, até mesmo os pais da criança. Todos parecem ter motivos o suficiente, que vão aparecendo com o tempo, conforme as mentiras vão sendo desmascaradas, e os segredos jogados no ventilador.

Anne começa a ter desconfianças sobre Marco, e até sobre ela própria, pois a sua depressão pós-parto era só a ponta do iceberg quando o assunto era sua saúde mental. Ao mesmo tempo, ela descobre que a empresa de Marco não ia tão bem quanto ele tentava mostrar, e que ele precisava de dinheiro para reerguê-la, mas não queria ter que pedir novamente para os sogros, que já tinham ajudado financeiramente em tantos momentos da vida dos dois.

“Depois do incidente, a mãe a levou a um psiquiatra, que diagnosticou um transtorno dissociativo. Anne se lembra da ida ao consultório: ela ficou imóvel na cadeira, a mãe sentada ao seu lado, ansiosa. Ficou apavorada com o diagnóstico, apavorada e envergonhada.”

Anne também descobriu uma possível traição de Marco com a vizinha, Cynthia, o que só aumentou ainda mais sua ansiedade e depressão. Ainda assim, o casal permaneceu unido até o fim, protegendo um ao outro, mesmo sem saber se poderiam confiar em si próprios.


O Casal que Mora ao Lado mostra uma história de planos que dão muito errado, mentiras por todos os lados, frustrações, angústias, traições. É um suspense interessante, uma investigação bastante inteligente, um livro ótimo para passar o tempo, mas nada que saia do comum e convencional. Não é um enredo de cair o queixo, mas vale pela diversão e facilidade na leitura.

22.2.18

{Quotes} Livro da semana: Alys - Elemento Alpha


As Quotes de hoje serão de um livro mais recente que li! Alys - Elemento Alpha, da autora Priscila Gonçalves!
Autora: Priscila Gonçalves
Editora: PenDragon
Sinopse: Alys era só uma garota supervalorizando seus pequenos problemas adolescentes. Até que uma simples incursão abriu mais que o mundo que ela desejava conhecer. Abriu os seus olhos pra verdadeira natureza dos metais Nifrity e as responsabilidades de ser a única pessoa capaz de mantê-los em segurança. Agora, ela precisará desenrolar o emaranhado de segredos em que sua vida foi mantida, aprender a dominar seus poderes e encontrar seu guardião antes que a escuridão chegue. Uma aventura fantástica repleta de mistérios, aprendizado e superação, que levarão uma garota a se transformar em uma guerreira e encontrar o seu lugar no mundo.
Aqui tem a resenha dele: Alys - Elemento Alpha
"Kyer se sentou ao meu lado e me envolveu em um abraço apertado. Deitei a cabeça em seu ombro e permiti que as lágrimas escorressem porque toda a frustração se esvaía quando eu estava com ele. Kyer passou a mão no meu rosto enxugando as lágrimas e abriu aquele sorriso infantil e radiante de quem havia aprontado alguma coisa." pag. 13
"Minha animação era tanta que comecei a negligenciar os fatos que aconteciam em volta. Queria acreditar que todas as coisas continuavam iguais, mesmo que tivesse passado por uma situação ainda sem explicação quando toquei naquele cajado." pag. 33
"Ela é a prova de que todos nós somos ligados pela magia que corre nas suas veias." pag. 59
"O destino é fruto das nossas escolhas, garoto." pag, 65
"- A primeira lição que te darei como seu mestre pequena Padawan é: Não questione o meu estilo! Eu uso monóculos porque são glamurosos, nunca deveriam cair em desuso." pag. 117
"'Chegará o dia, depois de milênios em completa escuridão, que as chaves para a magia da terra surgirão. Nacerão duas crianças de longas linhagens de magos. Um Elemental, dotado da capacidade de linhagens de magos. Um Elemental, dotado da capacidade de liberar os metais adormecidos. E um Guardião, dotado da minha maior característica. Eles devem ir aos três templos, cada um ao tempo da lua, para que gradativamente todos os sers viventes sejam ressucitados.'" pag. 125
"- Entenda. O nome é algo muito poderoso. Ele determina como seus poderes irão reagir. Por isso, para evitar que alguma das linhagens se perdesse, decidiram criar essa imposição." pag. 158
"- Mesmo que os metais influenciem o ser humano, eles são só um meio. O poder parte de nós!" pag 163

Qual a sua frase preferida? A minha é a que fala do nome! Sempre acreditei que quem tem seu nome, tem tudo. Em bruxaria, você até escolhe um nome novo após a sua iniciação, um nome novo lhe é dado e você deve protegê-lo!

É isso aí, pessoas =D Até o próximo post!

21.2.18

{Resenha} Do outro lado do espelho


Série: Doze Mundos
Autora: Emilly Amite
Editora: PenDragon
Sinopse: Leona tem apenas dezessete anos e o mundo inteiro a espera. No último ano do ensino médio, a garota nem imagina que sua vida está prestes a virar de cabeça para baixo. Um portal se abre e a envia para o mundo de Amantia. Tudo em que sempre acreditou desmorona bem diante dos seus olhos e vai ser preciso mais do que coragem para sobreviver a essa jornada e voltar para casa. Acompanhada de um elfo negro, vai tentar chegar a Torre das Nuvens, mas não sem antes enfrentar as mais assustadoras criaturas mitológicas.

“- Quando você ama uma pessoa de verdade, você ama até seus defeitos e aprende a conviver com eles como se fossem qualidades, por isso não importa, às vezes para ela, se ela o ama de verdade, a falta de perspicácia dele pode ser atraente para ela.”
Do outro lado do espelho é um livro que estava querendo ler desde que vi a capa. É maravilhosa, os tons em azul e roxo com o espelho antigo... Me fez me apaixonar pela capa!

É o primeiro livro da autora Emilly Amite que demorou anos aprimorando sua história até chegar na versão publicada pela Editora PenDragon, com uma linda diagramação, que coroa a história de Leona, uma adolescente que mora no Brasil e por acaso, acaba por descobrir um espelho magnífico.

Reside com seu pai, seu irmão mais novo e sua mãe, dona de um Antiquário e típica dona de casa coruja. Seu pai e seu irmão são figuras completamente figurativas, só servem para mostrar o quanto Leona se sente injustiçada em sua família: um típico comportamento adolescente.

Quando menos espera, caí em um grande lago onde Kappas estão prontos para devorá-la! Mas sua sorte coloca em seu caminho Nellena, uma humana caçadora que decide lhe ajudar e explica para ela que já não está mais em seu mundo: ali é Amantia, um mundo onde Kappas podem ser o menor de seus problemas! Diversas criaturas mágicas que para nós não passam de histórias, ali representam um perigo real.

Nellena deseja ajudar Leona a retornar para seu mundo, porém ela tem seus próprios problemas a serem resolvidos e convoca o elfo negro Ewren, um mercenário, para levá-la até o portal de seu mundo.

Ewren é alguém que não sei muito bem o que pensar dele. Gostei de sua história e a razão pela qual existe diferença entre elfos negros e todos os outros: conforme vão tomando atitudes ruins, o mal toma conta de seu corpo e eles acabam se tornando meio irracionais. Porém, os outros elfos foram capazes de criar uma espécie de dispositivo que os purifica, mas não para sempre: se ficam muito tempo distantes desse artifício, eles vão retornando à personalidade má.

Então Ewren tem essa mania de ficar provocando e assustando Leona durante o trajeto, o que a faz ter medo dele e tomar algumas medidas para evitar ser morta ou coisas nesse sentido. Grande parte das vezes ele diz que está só brincando, mas você é alguém de outro mundo, com uma criatura que nunca viu na vida que está brincando de lhe ameaçar... É claro que terá medo, não é?

Juntos e correndo diversos perigos, eles atravessam as terras de Amantia. Aos poucos Leona vai conhecendo mais criaturas incríveis e descobrindo mais sobre si mesma. É claro que há romance e isso meio que acaba se tornando uma das partes centrais do livro.

Alguns personagens são bastante interessantes como a Lórien. Meio maga, é completamente espevitada e ama testar magias novas sem pensar muito no que pode acabar dando errado. Para mim, é uma das melhores personagens do livro, embora meio confusa.

Do outro lado do espelho é um ótimo livro de fantasia. Acredito que os autores brasileiros estão começando a caminhar bem pelas águas desconhecidas desse gênero literário. O mundo criado para a história é bem variado tanto em criaturas como em flora e tudo combina muito bem entre si, embora tenha sentido falta de algumas coisa e  achado outras um pouco exageradas (como quando ela fala do pai), mas no final a leitura flui muito bem e você se vê querendo saber como a história se desenrola.

Fiquei curiosa para saber se os mesmos personagens continuarão correndo os doze mundos ou se teremos novos protagonistas vindo por aí!


~Livro recebido em parceria com a editora~

20.2.18

{Lançamentos} Fevereiro: Companhia das Letras



Oooi gente!

 Tem tanto lançamento bom esse mês que fica difícil escolher só! Tem o novo livro de Connie Williams: Interferências, tem David Lehanne, Daniel Handler... Muita coisa boa e vocês verão a resenha de alguns deles aqui em breve!

Vamos lá!

Cartas secretas jamais enviadas

Emily Trunko (org.)

Título original: DEAR MY BLANK
Páginas: 200
Lançamento: 28/02
Uma coletânea de cartas que reúne segredos, confissões, alegrias e dores que nunca chegaram a seus destinatários.
Você já desejou poder voltar no tempo e dar conselhos para si mesmo? Já quis ter coragem de falar como é forte o amor que sente por alguém? Alguma vez já se perguntou por que uma pessoa importante na sua vida parou de falar com você?
A partir de contribuições anônimas, Emily Trunko reuniu nesta coletânea cartas que revelam segredos profundos de quem as escreveu. Afinal, muitas vezes o único jeito de lidar com nossos sentimentos mais intensos — seja um amor incondicional ou uma perda irreparável — é botando tudo no papel. A leitura destas cartas nos permite mergulhar na vida de seus remetentes e, ao mesmo tempo, redescobrir nossa própria história e perceber que, mesmo nos piores momentos, não estamos sozinhos. 

O clube dos oito

Daniel Handler 

Título original: THE BASIC EIGHT
Páginas: 400
Lançamento: 16/02/2018
Em seu primeiro romance, Daniel Handler nos apresenta Flannery, uma garota que tem algo muito importante para contar: a história de como se tornou uma assassina.
Como um grupo de jovens estudantes bem-educados acabou se envolvendo num escândalo que chocou um país? Por que tantos especialistas em comportamento juvenil têm algo a dizer quando o assunto é o Clube dos Oito? Até quando inúmeras manchetes de jornal e programas de TV sensacionalistas vão explorar o caso nos mínimos detalhes?
Para fazer com que a verdade venha à tona, Flannery Culp, a dita líder do Clube, decide tornar público o diário que manteve ao longo do seu desastroso último ano de ensino médio. Agora que está presa por cometer um assassinato, a garota tem tempo de editar o que escreveu e revisitar a rotina que levava ao lado de seus sete melhores amigos. A narrativa de Flan, permeada de professores da pior índole, um amor não correspondido, aulas complicadas e jantares pomposos, comprova que ela pode até ser uma adolescente criminosa — mas, pelo menos, é uma adolescente criminosa muito inteligente. 

Depois da queda

Dennis Lehane 

Título original: SINCE WE FELL
Páginas: 392
Lançamento: 16/02/2018
Um casamento tóxico. Uma rede de mentiras. Neste romance de suspense magistral, é difícil saber em quem podemos confiar.
Depois de ter um colapso mental ao vivo, durante uma transmissão de TV, Rachel Child, antes uma jornalista obstinada e que desbravava o mundo, passa a viver totalmente reclusa. Fora isso, porém, ela leva uma vida ideal, com um marido que parece ideal. Até que, numa tarde chuvosa, um encontro fortuito abala profundamente aquela vida perfeita, assim como seu casamento e ela mesma. Sugada por uma conspiração cheia de decepções, violência e loucura, Rachel precisa encontrar forças nela mesma para superar medos inimagináveis e verdades transformadoras. Emocionante, sofisticado, romântico e cheio de suspense e tensões, Depois da queda é Dennis Lehane em sua melhor forma.
“Lehane é um mestre dos personagens complexos em meio a situações hipnotizantes e cheias de suspense [...] Leio qualquer coisa que ele escrever.” — Gillian Flynn, autora de Garota exemplar. 

 Léxico familiar

Natalia Ginzburg 

Título original: LESSICO FAMIGLIARE
Páginas: 256
Lançamento: 19/02/2018

A história de uma família e a memória de tempos difíceis através da prosa da maior escritora italiana do século XX.
“Neste livro, lugares, fatos e pessoas são reais. Não inventei nada”, escreve Natalia Ginzburg sobre sua obra mais célebre, Léxico familiar, de 1963. Nos anos 1930, como consequência da criação de leis raciais na Europa, inúmeras famílias foram obrigadas a deixar seu lar, tornando-se apátridas ou sendo literalmente destroçadas pela guerra que se seguiu. É nesse cenário que se inscrevem as memórias de Ginzburg. Nelas, o vocabulário afetivo de um clã de judeus antifascistas se contrapõe a um mundo sombrio, atravessado pelo autoritarismo. Trata-se de uma história de resistência, narrada em tom menor, e, sobretudo, da gênese de uma das escritoras mais poderosas do nosso tempo.
“Natalia escreve com precisão e fluidez, com genuíno amor às pessoas e às palavras.” — Alejandro Zambra, em prefácio inédito escrito para esta edição. 

Floresta escura

Nicole Krauss 

Título original: FLORESTA ESCURA
Páginas: 304
Lançamento: 19/02/2018
Um romance belo e original sobre transformação pessoal que entrelaça as histórias de dois indivíduos — uma escritora e um advogado — que não aparentam ter muito em comum.
Jules Epstein desapareceu, não deixando nada além de um apartamento simplório e uma pasta com seu monograma abandonada no deserto de Israel. Sua família perplexa sabe apenas que ele foi aos poucos de desvencilhando dos laços, da advocacia e dos bens que levara toda uma vida para conquistar. Com o pouco que restou de seu patrimônio e um plano nebuloso, ele parte para o hotel Hilton de Tel Aviv.
Enquanto isso, Nicole, uma romancista nova-iorquina como Epstein, deixa o marido e os filhos no Brooklyn e faz check-in no mesmo hotel, esperando que a vista da piscina em que ela costumava nadar na infância cure seu bloqueio criativo. Mas quando um suposto professor aposentado de literatura a recruta para um projeto sobre Kafka, ela se vê envolta num mistério que irá transformá-la de modo nunca antes imaginado.
Pleno de vida e humor, este é um romance profundo sobre metamorfose e realização pessoal — sobre dois personagens que procuram seu eu verdadeiro a uma distância enorme de suas vidas comuns. 

A última dama

Elizabeth Fremantle 

Título original: WATCH THE LADY
Páginas: 384
Lançamento: 09/02/2018
Musa celebrada por poetas. Dama de confiança da rainha. Adúltera. Inimiga do Estado. Quem é a verdadeira Penelope?
Penelope Devereux, filha de um dos maiores inimigos da coroa inglesa, chega à corte sem saber os perigos que a esperam. Ainda assim, ela e seu charmoso irmão, o conde de Essex, logo caem nas graças da rainha Elizabeth I, aprendendo muito rápido a navegar o mar de intrigas que os cercam.
Insatisfeita em seu casamento e apaixonada por outro homem, Penelope arrisca sua reputação em nome da própria felicidade, ao mesmo tempo que precisa formar alianças para garantir a segurança de seu irmão e de sua família sem despertar suspeitas na corte. Apesar da influência de Essex crescer, seus inimigos também se tornam mais fortes, exigindo que a jovem Devereux use todo o seu conhecimento político para prevenir um desastre.
Contado pelas perspectivas de Penelope e de Cecil, o pior inimigo de seu irmão, esta é uma história de amor, ódio e ciúmes que se desenrola ao longo das últimas décadas do reinado de Elizabeth I. 

Despertar

Nina Lane

Título original: AROUSE
Páginas: 320
Lançamento: 09/02/2018
Uma série sexy e apaixonante que vai mexer com suas emoções mais profundas.
Um casamento baseado no amor, no desejo e na confiança. Um segredo guardado com a melhor das intenções. Um relacionamento — intenso e imperfeito — colocado à prova.
Dean West é o grande amor e o porto seguro da vida de Olivia. Um marido dedicado, um parceiro intenso e, acima de tudo, um homem completamente apaixonado por sua mulher. Conhecedor dos segredos mais obscuros da esposa, Dean a possui por completo — hoje, amanhã e sempre.
Mas o casamento aparentemente perfeito dos dois é abalado quando Olivia descobre uma faceta até então desconhecida do passado do marido. Será que a força dos sentimentos que eles têm um pelo outro será capaz de prevalecer sobre a dor da decepção? 

Capitão Cueca e o perigoso plano secreto do professor Fraldinha Suja #4

Dav Pilkey 

Título original: CAPITAIN UNDERPANTS #4
Páginas: 160
Lançamento: 09/02/2018
No quarto volume da série campeã de vendas, Jorge e Haroldo vão precisar da ajuda do Capitão Cueca para derrotar um cientista maluco — e com um nome muito engraçado!
A última pegadinha de Jorge e Haroldo deixou o professor de ciências tão fora de si, que ele pediu demissão. Mas o malvado diretor sr. Krupp contratou um substituto: o professor Fefê F. Fraldinha Suja. Claro que Jorge e Haroldo não conseguem resistir e tiram sarro do nome besta do novo professor, que resolve se vingar, forçando todos na cidade a mudar o nome para outro tão besta quanto o dele. Mais uma vez a esperança está nas mãos do Capitão Cueca!
Nesta edição colorida que mistura narrativa com histórias em quadrinho, o leitor também vai encontrar uma Tabela Troca-Troca de Nomes, para designar seu nome besta; uma apresentação do Homem-Cão, o primeiro personagem criado por Jorge e Haroldo; e o já amado “Vire o game”, páginas animas pelo próprio leitor. 

O clube do tênis vermelho #2

Ana Punset 

Título original: EL CLUB DE LAS ZAPATILLAS ROJAS #2
Páginas: 256
Lançamento: 26/02/2018
No segundo título da série que já vendeu mais de 200 mil exemplares na Espanha, quatro meninas mostram que nenhum sonho é impossível quando se tem amigas de verdade.
As aulas estão a todo vapor e Lúcia, Bia, Frida e Marta têm muito o que fazer: provas, trabalhos, lições de casa, além de toda vida fora da escola. E elas ainda têm o dever de manter o Clube do Tênis Vermelho unido — porque agora, a chegada de um novo menino na escola e o risco de não conseguirem passar as férias juntas, vai colocar novos desafios à amizade das quatro.
Com uma linguagem jovem, as histórias dessas quatro meninas envolvem os dilemas típicos da pré-adolescência e mostram que ser uma garota de doze anos pode não ser tão fácil — mas não deixa de ser muito divertido. 

 O destino de Tearling

Erika Johansen 

Título original: THE QUEEN OF TEARLING VOL. III
Páginas: 448
Lançamento: 26/02/2018
No último livro da trilogia que cativou fãs por todo o mundo, Erika Johansen oferece aos leitores todas as respostas para os mistérios que permearam A rainha de Tearling e A invasão de Tearling, em uma conclusão explosiva e surpreendente.
Desde que assumiu o trono de Tearling, Kelsea Glynn passou de princesa inexperiente a rainha destemida.
Sua busca por justiça fez com que todo o reino mudasse com ela, mas quando os inimigos que fez ao longo do caminho ameaçam destruir seu povo, ela toma uma decisão inimaginável: se rende à Rainha Vermelha em troca de salvar Tearling.
Sem as safiras, sem seus homens de confiança e trancafiada em Mortmesne, Kelsea precisa de novo recorrer ao passado, às experiências de mulheres que viveram antes dela, buscando em suas histórias a saída para uma situação impossível.
O jogo está para terminar, e o futuro de Tearling será revelado de uma vez por todas. Com O destino de Tearling, Erika Johansen traça o clímax inesquecível dessa aventura cheia de magia e emoção. 

Interferências

Connie Willis

Título original: CROSSTALK
Páginas: 464
Lançamento: 09/02/2018
Combinando humor e romance, Connie Willis, ícone da ficção científica, traz um livro envolvente sobre os perigos da tecnologia, do excesso nas redes sociais e... do amor.
Em um futuro não muito distante, um simples procedimento cirúrgico é capaz de aumentar a empatia entre os casais, e ele está cada vez mais na moda. Por isso, Briddey Flannigan fica contente quando seu namorado, Trent, sugere que eles façam a cirurgia antes de se casarem — a ideia é que eles desfrutem de uma conexão emocional ainda maior, e que o relacionamento fique ainda mais completo. Bem, essa é a ideia. Mas as coisas acabam não acontecendo como o planejado: Briddey acaba se conectando com outra pessoa, totalmente inesperada.
Conforme a situação vai saindo do controle, Briddey percebe que nem sempre muita informação é o melhor, e que o amor — e a comunicação — são bem mais complicados do que ela esperava.
“Um dos livros de ficção científica mais divertidos dos últimos anos.”— Locus
“Um conto de fadas tecnológico extremamente divertido.” — BookPage

Estou com muita vontade de ler Interferências, e vocês? Também quero começar a ler a série de A Rainha de Tearling!

Deixem nos comentários qual livro vocês gostariam de ler!

{Resenha} Antes de Tudo Acabar





Título: Antes de Tudo AcabarAutor: Mary C. MullerEditora: PlanetaSinopse: Rafael nunca foi de se encaixar em padrões. Deslocado e sem muita perspectiva de vida, ele cuida da mãe alcoólatra enquanto precisa lidar com a paixão platônica pela melhor amiga, Anne, e com os percalços causados por um pai ausente.
Acostumado desde sempre a fazer tudo com Anne, ele agora tem de aceitar que ela arrumou um namorado... e justo uma das últimas pessoas que ele gostaria de ver com a amiga. Como se não bastasse, ele também precisa se entender com o pai, que resolveu voltar a procurá-lo com uma notícia surpreendente.
E, em meio a esse turbilhão de acontecimentos, chega Kaori, a nova aluna da turma. Com ela, as coisas começam a mudar na vida de Rafael, e o que era só amizade pode acabar se tornando algo mais.

Antes de tudo acabar é a história de um garoto que precisa se encontrar e compreender um mundo que se move mais rápido do que ele consegue acompanhar. Um mundo onde amizades são construídas e desfeitas, amores morrem e nascem e caminhos sofrem desvios inesperados.

Em “Antes de Tudo acabar”, acompanhamos a vida de Rafael, um jovem de dezessete anos que vive com sua mãe alcoólatra. Sua vida não é das melhores, em casa ele precisa ser o adulto no lugar de sua mãe, controla o dinheiro que recebem de pensão de seu pai, divide o bastante para as compras e despesas da casa e, infelizmente, deixa certa quantia no banco que sua mãe usa para comprar álcool e bugigangas inúteis.

Rafael tem uma amiga de infância, Anne, que perdeu sua mãe logo na mesa de parto e acabou sendo criada pela família de Rafael, sua mãe foi a ama de leite da menina e sempre estavam brincando juntos. Anne possuía até mesmo uma cópia da chave da casa de Rafa.

A vida de Anne também não é das melhores, seu pai a culpa por matar a mãe em seu nascimento, descontando sua raiva na menina, batendo e abusando psicologicamente.
Rafa aguenta as pontas em casa por admirar tanto Anne e sua independência e seu jeito de lidar com tudo de forma madura. Mas é claro que tudo gera uma grande pressão no garoto, a qual ele alivia do jeito que descobriu: ele se corta. Um segredo que ninguém, nem mesmo sua amiga de infância sabe sobre e o qual se sente muito envergonhado.

"A única coisa que conseguia me distrair, fazer a minha mente se calar e tirar um pouco do peso em meu peito era aquilo. Uma lâmina de barbear escondida dentro de um livro. Pode parecer estúpido, mas funcionava para mim. Só queria que a angústia passasse, e a dor física parecia ajudar naquela outra coisa que eu sentia e não sabia de onde vinha. [...] O alívio durava poucos segundos, mas era o suficiente para me fazer aguentar mais um dia."

O caos começa a crescer quando descobre sentimentos por Anne que nunca tinha percebido, porém, a descoberta desses sentimentos ocorre logo quando Anne começa a namorar. Então tudo desmorona.

Sem perceber, a garota se colocou em um relacionamento abusivo, e acaba se afastando de Rafa e seus poucos amigos, e quanto mais tentam alertá-la, mais ela se afasta.

Nesse meio tempo, uma aluna nova chega à escola, Kaori, uma menina tímida devido a tantas mudanças que sofre por acompanhar os pais por causa de trabalho, ainda acaba sofrendo certo bullying por ser descendente de japoneses. A amizade entre ela e Rafael foi imediata e um laço de entendimento se forma.

Foi um livro que infelizmente não me prendeu e acabei tendo que me esforçar bastante para terminar (risos). Talvez por ser um típico clichê adolescente, além da linguagem bem imatura que acabava tentando se forçar para parecer mais madura.

O personagem principal também acabou não conseguindo me agradar, muitas de suas ações imaturas acabavam com as aparências que ele tentou passar.

Houve também o fato de ser o romance comum de que o personagem com diversos problemas acaba encontrando a felicidade, não, “felicidade” acaba não sendo a palavra que procuro, mas enfim, seus problemas amenizam com a garota entrando em sua vida e todo aquele medo de que nunca iria ter alguém termina. É claro que, quando adolescentes pensamos esse tipo de coisa, mas onde quero chegar é que até o seu transtorno mental de automutilação simplesmente para quando a menina pede para que ele nunca mais o faça. É tudo um pouco mais complicado que isso, na realidade (risos).

Acho que não consigo mais gostar de romances adolescentes (risos). Mas para o público certo, pode ser um livro interessante e acabar prendendo o leitor.

~Livro recebido em parceria com a editora~

19.2.18

{Resenha} A Descoberta do Amor (Função CEO #2) – Tatiana Amaral


Oieee amores. 💗
Estou de volta com a continuação da Trilogia CEO da Tatiana Amaral, e esse livro foi D-E-S-T-R-U-I-D-O-R.


Ainda mais apaixonada por Melissa e Robert. Gente que casal mais amorzinho e sofredor. Misericórdia!
Confere aí!


A Descoberta do Amor (Função CEO #2) – Tatiana Amaral

Sinopse:

“Quando Melissa Simon encontrou Robert Carter seu mundo virou de cabeça para baixo. Quando aceitou ser sua amante, não fazia ideia do que seria estar ao seu lado. Robert Carter e Melissa Simon descobrem o amor, mas para vivê-lo precisam se despir dos segredos que circundam a relação. Robert está disposto a contar a verdade. Melissa está segura do seu amor e disposta a enfrentar todos os problemas para permanecer ao seu lado. Juntos, eles vão descobrir que nem sempre o amor é suficiente, a verdade não é capaz de derrubar barreiras e o bem pode não vencer no final.”


Resenha

O segundo livro da Trilogia CEO termina com aquela dorzinha no coração.
A Descoberta do Amor traz a união de Robert e Melissa, que lutam pelo amor intenso e verdadeiro que os incendeiam e mata de saudades quando não estão juntos.
O que acarreta em planos para destruir esse amor a qualquer custo, não importando com que armas serão usadas. O que realmente importa é vencer no final.
Melissa aos poucos vai conseguindo “quebrar” a casca sobre o passado de Robert, que lhe confidencia o seu mais doloroso e pesado segredo, algo que ela não imaginava, fazendo-a amá-lo mais.
Apesar de todos os problemas que envolviam o casal, Melissa encontrou na empresa duas amigas sensacionais: Nicole e Alexa.
Bruno também era muito simpático, engraçado, safado e vivia brincando com ela, o que a deixava vermelha rs. Paul era sempre mais reservado, mas a tratava bem.


A felicidade de Mel e Robert é “interrompida” por uma bomba que Tanya tinha guardado na manga, só esperando o momento certo de usá-la e deixar tudo ao redor um completo e tremendo caos.
Melissa estava na mira de Tanya há muito tempo e porque não tirá-la do caminho definitivamente?
Seria melhor pros seus planos, mas nada saia cem por cento perfeito como planejado.
Alguma merda acontecia no decorrer do ato.
A disputa por Mel entre o atual e o ex-namorado Dean parecia não ter fim, era só se encontrarem que um ficava demarcando território, mesmo que a escolha dela tenha sido desde o começo por Robert.  


Os dois se arriscam para ficarem juntos, nem que seja por míseros segundos, mas parece que os “empata foda” estão em todo lugar.
Me acabei de rir nessas cenas. #S-E-N-H-O-R
Tudo parecia estar contra os dois, e isso começava a pesar e desestabilizar o romance.
Quando tudo parecia que iria se ajeitar, algo acontecia e só piorava ainda mais. O que tornava o romance com altos e baixos e vários conflitos.  Será que todas essas provações que o casal estava passando, iria destruir esse amor?
Tanya não desiste em separá-los e dá a última cartada final e definitiva.
Estava com Melissa à decisão se concordava com a proposta ou não. A destruição de Robert, seu império e de sua família estava em suas mãos, mas essa seria a saída mais dolorosa para os dois, mas era o correto a fazer.
Isso não queria dizer que Melissa iria desistir do seu amor, muito pelo contrário. Ela iria lutar.

A pessoa simplesmente desidratou! Sem mais!
Chorei o que tinha e o que não tinha pra chorar. Chorei muito!
Me descabelei, xinguei, gritei com os personagens, foi uma loucura!


Quando Tanya armava pra cima do Robert, meu coração pulava porque sabia que vinha um baque daqueles e não tinha como não se apegar ao que os personagens viviam. Tanto sofrimento, tanta dor por conta de uma promessa, uma guerra que não tinha fim de poder e vingança. Acho que mais vingança e amor não correspondido. Continuo batendo nessa tecla! Tanya não iria jogar tão sujo se não amasse o Robert, mas isso ainda é uma suposição minha. Algo me diz que estou no caminho certo, porque a mulher é louca! Ela se torna capaz de tudo pra ter o que quer, e eu não tiro da cabeça essa hipótese. Ela quer o Robert! #QuemNãoQuer

A autora nos faz torcer desde o primeiro momento em que nos envolvemos no passado de Robert, na vida sofrida e destrutiva que ele vem convivendo há anos.
O final do livro foi realmente intenso e extremamente doloroso. Não sei se seria capaz de aguentar tanto como Melissa aguentou ao lado dele, porque não foram poucos os acontecimentos.


A autora tem uma escrita direta, sem mimimi, com todos os tipos de sentimentos ali, impressos nas quinhentas e cinco folhas. A esperança é que Melissa e Robert consigam viver esse amor tão lindo, porque tá difícil ser leitora dessa trilogia.
Agora só falta o último livro e já comecei a devorá-lo. Logo trago resenha.
Parabéns a autora por conseguir passar os sentimentos e tormentos que os personagens sentiam na estória pro leitor, não sei se vou ter estrutura pra receber mais baque e porrada no próximo livro. Tenso!


Bom, amores por hoje é só.
Até a próxima. Tchau!


Título: A Descoberta do Amor (Função CEO #2)
Autor (a): Tatiana Amaral
Editora: Pandorga

Número de Páginas: 505